Dominio: gerenciandoblog.com.br
Chave: 00e39a4dc6309327334fa422703bddd1e83c509f
Hora do cache: 1468579906
Vida do cache: 1469875906
Status: 1
Mensagem: Licença válida
Chave do Pedido: 11808bbc6205bade68f0b70c302eaa74d4305945
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top

publicação

O que é Nofollow?

NoFollow200Você já ouviu falar sobre o “nofollow”? Mesmo que sua resposta seja negativa, é bastante provável que você o utilize em seu blog. Trata-se de um recurso criado pelo Google e que indica que um determinado link não deve ser “seguido” pelos seus indexadores. A intenção pode ter sido boa, mas isso impede uma forma de contribuição importante entre sites e blogs. Aprenda neste artigo o que é o “nofollow” e tome sua decisão sobre utilizá-lo ou não.

Introdução

Você sabe o que é o “nofollow” e para que ele serve? Imagino que poucos responderam positivamente esta pergunta. Isso é natural: apesar de ter sido criado em 2005, o “nofollow” é um recurso pouco divulgado, e por isso mesmo pouco conhecido entre quem tem um blog. Mesmo assim, é grande a chance de que ele esteja ativado em seu blog – esteja ele no Blogger ou no WordPress – mesmo sem você saber. O que pretendo neste artigo é explicar exatamente o que é o “nofollow”, para que você possa então decidir-se se o manterá ou não em seu blog.
Em fevereiro/2009, já tratei o assunto no artigo “Nofollow” em comentários do blog – Injustiça ou necessidade?, em meu outro blog, mas o assunto merece uma visão revisada. Até hoje, ele gera discussão.

O que é o nofollow?

Literalmente, o “nofollow” pode ser traduzido como “não siga”. É uma instrução utilizada pelo Google e outros mecanismos de busca quando ele encontra um link em qualquer site ou blog. Se ele estiver marcado como “nofollow”, ele será ignorado.
Abaixo, mostro como fica o código HTML de um link com o “nofollow” ativado:
<a href=”http://www.gerenciandoblog.com.br” rel=”nofollow”>Gerenciando Blog
</a>
Notou o trecho rel=”nofollow” destacado em vermelho? Isso indica que esse é um link “nofollow”. Ele normalmente só pode ser visto analisando o código-fonte de uma página, pois a exibição do link para o visitante é mostrada normalmente.

Quais são as consequências do “nofollow”?

Para entender as consequências que o “nofollow” traz, é necessário antes revisar os benefícios que os backlinks trazem ao seu site ou blog. Como expliquei no artigo Monitorando seus Backlinks, um backlink é um link deixado em outro site apontando para o seu. Por exemplo: quando um artigo seu é citado em um blog, seu artigo ganhou um backlink. O mesmo acontece quando você consegue a publicação do seu link em um agregador de notícias ou quando você deixa um comentário em um blog assinando com o link do seu blog.
Além das visitas que esse backlink traz ao seu blog, há outros dois benefícios que você recebe:
1. Os backlinks contam “pontos” para que o Google calcule o PageRank de suas páginas. De forma simples, quanto mais backlinks de qualidade sua página possuir, maior será o seu PageRank. Você pode ver mais detalhes em O Google PageRank Ainda é Importante?.
2. Outra importância dos backlinks é que eles são extremamente importantes para determinar a posição de suas páginas no resultado das buscas do Google e outros buscadores). Quanto mais backlinks apontando para seu artigo (especialmente em páginas que tratem do mesmo tema), mais bem posicionado você ficará nos resultados. Esse não é o único fator considerado, mas é um dos mais importantes. Veja mais detalhes em Google e a Ditadura dos Top 10 – Parte 3.

O grande problema é que o nofollow anula esses dois benefícios. Quando você recebe um link “nofollow”, ele não será considerado nem para calcular o seu PageRank, nem para posicionar melhor os seus resultados. Mas, você continuará tendo os benefícios trazidos pela divulgação: quando o visitante clicar naquele link, ele será levado normalmente para o seu site ou blog.

Para que serve o “nofollow”?

O “nofollow” não é de todo ruim. Houve bons motivos para que o Google o criasse. Segundo informações do próprio Google, citadas no artigo Sobre rel=”nofollow”, há algumas situações em que ele é recomendado:
  • Links para conteúdo não confiável – Se você quer citar em um artigo o link de um plagiador, uma empresa que presta mal serviço ou um site em que você não confia, faz todo o sentido utilizar o “nofollow”. Afinal, não há porque beneficiar esses sites.
  • Links pagos – O Google recomenda que você coloque o “nofollow” em links pagos em seu blog, como venda de publicidade, para evitar que o resultado de buscas seja distorcido. Mais detalhes no artigo Links pagos, também escrito pelo Google.
  • Links inacessíveis – Outra recomendação é que o “nofollow” seja utilizado em links que apontam para páginas protegidas, que os usuários só terão acesso ao digitar uma senha, por exemplo.
O problema, em minha visão, é que o uso do “nofollow” foi descaracterizado: para evitar o uso de comentários para spam, todos os comentários do Blogger e WordPress possuem o “nofollow” ativado. Isso significa que, ao deixar comentário em um blog com o “nofollow”, você não se beneficiará do que citei no item anterior. Particularmente, é como se você recebesse uma mensagem: “Você pode deixar seu comentário aqui, mas não confio em seu site, por isso eu não o indicarei nos resultados das buscas do Google”.
Em minha visão, é mais simples não permitir comentários apontando para sites que você não confia ou não recomenda. Quanto aos spams, tanto o Blogger quanto o WordPress possuem mecanismos eficazes para evitá-los.
Também é falsa a ideia de que publicar links sem o “nofollow” derrubam o seu PageRank. Diferente do que alguns pensam, você não divide o seu PageRank entre os links “follow” (que é contrário do “nofollow”) que há em sua página. O que você divide é o seu “poder de voto”: quanto mais sites você apontar, menor será a sua contribuição para cada um deles.

Como verificar se o “nofollow” está ativado?

Minha primeira sugestão: abra uma página do seu próprio blog de  um artigo que possua comentários, para você avaliar se utiliza o “nofollow”. Utilize uma das técnicas abaixo:
1. Em qualquer navegador, exiba o código-fonte da página. Isso normalmente é possível clicando com o botão direito do mouse sobre a página e escolhendo a opção “Visualizar código-fonte”, “Exibir código fonte”, “View source” ou similar. Na página HTML que abrir, procure a expressão rel=”nofollow”. Se ela estiver presente em um link, significa que o nofollow está ativado para ele.
2. Se você utiliza o Google Chrome como navegador, instale a extensão Chrome SEO. Ela possui uma opção para que os links “nofollow” apareçam em destaque em sua tela.
3. Se você utiliza o FireFox, o complemento SearchStatus também possui uma opção para destacar os links com o “nofollow” ativado.
Como eu disse ao longo do artigo, é bastante provável que você perceba que o “nofollow” está ativado em seu blog, especialmente nos links deixados em comentários. Isso porque foi definido que, por padrão, todos os links em comentários e listas de blogs vêm com o “nofollow” ativado, a não ser que você o desative.

Minha opinião

O uso do “nofollow” é um assunto que divide opiniões. Particularmente, vejo-o como uma restrição de um dos princípios básicos da internet, que é a integração entre os milhões de páginas existentes. O compartilhamento de links é essencial para o seu correto posicionamento.
Também considero que, quem comenta corretamente em meu blog está colaborando comigo e ajudando na evolução do meu trabalho. Nada mais natural que eu retribua essa dedicação, auxiliando-os também na evolução de seus blogs. Por que então tratar seus links com o “nofollow”?
Mas, não sou extremista, como já li em alguns artigos sobre o tema. Campanhas como “não comente em blogs nofollow” não são a solução. O que é importante – e este é o objetivo principal deste artigo – é que todos tenham consciência do que o “nofollow” significa, para que cada um possa tomar sua própria decisão sobre mantê-lo ativo ou não. O que é ruim é ver o recurso ativado automaticamente, sem ciência de que o usa.
E, se quiser ler a opiniões de outros autores, sugiro os textos abaixo:

Como desativar o “nofollow”?

Depois de ler todas as considerações, sugiro que você as pese e decida o que é melhor. Se decidir-se por desativar o “nofollow” em seu blog – especialmente nos comentários dos artigos – seguem as instruções:

A. WordPress

Para desativar o “nofollow” dos comentários no WordPress, é necessário instalar um plugin para isso, como o DoFollow.

B. Blogger

No Blogger, a desativação deve ser feita editando o HTML de seu template e removendo os trechos que colocam o “nofollow” nos links. Siga as instruções:
1. Acesse http://www.blogger.com e entre com seu usuário e senha.
2. Entre no “Design” do seu blog.
3. Acesse a aba “Editar HTML” e marque a opção “Expandir modelos de widgets”.
4. Selecione o código que aparecer na caixa “Editar modelo” e cole-o em um editor de textos (como o Bloco de Notas ou o Notepad++).
IMPORTANTE: Por segurança, salve uma cópia desse arquivo, sem alterações, para que você possa voltá-lo em caso de problemas.
5. No código, procure pelo texto rel=’nofollow’. Ele pode aparecer 2 ou 3 vezes. O importante é apagá-lo quando você encontrá-lo próximo do texto data:comment.authorUrl. Esse é justamente o local onde fica o endereço de quem comentou em seu blog.
6. Copie o texto alterado e cole-o de volta na caixa “Editar HTML”.
7. Clique em “Salvar Modelo”.
Pronto! Agora, mesmo os comentários que já existiam antes em seu blog já estão sem o “nofollow” no endereço de quem comentou.

Conclusão

Espero ter sido capaz de esclarecer o assunto de forma suficiente para você tomar sua decisão. O “nofollow” é um assunto que costuma gerar polêmica e há defensores de ambos os lados, tanto para mantê-lo quanto para removê-lo. Os comentários estão abertos para todos!
Classifique este post

Sobre o autor | Website

Especialista em Marketing Digital, presta Consultoria e auxilia diversos clientes. Amante por blogs, é responsável pela administração dos blogs Afiliados na web, Gerenciando Blog e Mundo Blogger.

112 Comentários

  1. Eu sabia que o Nofollow era mas ou menos isso, mas eu acho que nunca usei, ou nunca precisei usar, pois utilizo tantas tags que cansa muito adcionar mas uma.

  2. Matheus disse:

    Olá Adelson,

    Eu costumo utilizar muito o Nofollow, dificilmente deixo algum link externo como follow, pois tenho receio que o Google de uma hora para outra me puna dos resultados de busca.

    Acho que um dos poucos links até hoje, que ficaram durante um tempo follow no Informática Inteligente, foi o blog Nuvenus Chovendus do Alan, na época a intenção era passar força ao blog dele mesmo. Mas assim que terminou a promoção do MestreSEO, já coloquei o link como nofollow novamente.

    Abraço!

  3. Lucas disse:

    O uso do nofollow está caindo cada vez mais.
    Antigamente quando você usava nofllow você dividia O Link Juice que iria para o link com nofollow entre os outros links da página, já hoje em dia esse Juice simplismente desaparece ,o que é um desperdício na minha opinião.
    No meu blog uso nofollow apenas em casos extremos,como quando quero criticar algum blog.

  4. @sjodiel disse:

    GB, no seu caso você usa o rel="nofollow"?

  5. Jorge Purgly disse:

    Muito bom, Adelson.
    Como sempre, gostei.
    Um abraço,
    Jorge Purgly

  6. @Dymas: O problema do nofollow é que ele já vem ativado em nossos blogs, mesmo que não queiramos. A intenção deste artigo é divulgar o conhecimento a todos.

    @Matheus: Não há porque ter todo esse receio. Se todos utilizassem o nofollow em todos os links externos, o Google não teria como rankear os resultados. A recomendação do Google em utilizar o nofollow só se dá em situações bem específicas.

    @Lucas: Sou da mesma opinião que você: só uso o nofollow em casos extremos. Espero que mais pessoas se conscientizem disso!

    @sjodiel: Aqui no GB, aboli o nofollow dos comentários há muito tempo. Todos os links deixados nas assinaturas de comentários são "dofollow". O nofollow só existe nos "permalinks" dos comentários, para evitar que ele seja entendido como conteúdo duplicado pelo Google.

    @Jorge: Que bom que tenha gostado! Espero que o artigo tenha servido para esclarecer o nofollow para todos.

    Abraço a todos vocês e obrigado pela visita!

  7. Matheus disse:

    Olá Adelson,

    Deixo este novo comentário, somente para lhe dizer que me convenceu a usar menos o Nofollow, vou começar, deixando os links dos próximos artigos como dofollow, e com o tempo, vou retirando o nofollow dos links antigos.

    Abraço!

  8. Adelson,

    É a primeira vez que eu leio um artigo do Gerenciando Blog e gostei muito. Parabéns pelo sucesso e pela gentileza com que vc responde aos comentários de seus leitores. Se não for pedir muito, gostaria de pedir sua opinião sobre uma empresa estrangeira de SEO (ForumLinkBuilding)que se propõe, mediante pagamento, aumentar o pagerank de um site por intermédio de links adquiridos em páginas com alto pagerank. Eles garantem que fazem isso de forma lenta e sistemática a fim de não violar as diretrizes do Google. Vc acha que dá para confiar?
    Grato pela atençnão e sucesso,
    Sérgio

  9. Portal União disse:

    Adelson tô contigo e fiz conforme orientação. Na única linha que continha data:comment.authorUrl excluir o rel="nofollow".

    Acontece que, pra minha surpresa, o dito cujo ainda permanece nos comentários. Cheguei até mesmo fechar e abrir novamente o navegador, fiz um comentário novo e ele continua lá!

    E aí, o que vc me diz?

    Water

  10. Parabéns amigo blogueiro! Mais uma que aprendi!! Inclusive gostaria de pedir sua autorização para pôr o banner do GB no meu blog e divulgar pra meus visitantes.

    Abração

    http://www.lucianosteffen.blogspot.com

  11. Portal União disse:

    Adelson, agora sim, foi retirado.

    Os comentaristas não são meros telespectadores. São membros que ajudam o blog a crescer e merecem toda nossa atenção e recomendação.

    Water

  12. @Matheus: Fico feliz que tenha tomado essa decisão! Inclusive, acabo de assistir um vídeo com comentários do Google sobre sites em que todos os links externos são nofollow, como a Wikipedia. Se interessar, veja em http://youtu.be/EnVEERmbdpo.

    @Sérgio: É difícil opinar sobre o caso. Mas, uma das diretrizes da Google é que os links pagos sejam justamente nofollow para evitar que influenciem no ranking de buscas. Assim, parece tratar-se de uma técnica de "black hat". Não estou dizendo que não funcione – pode funcionar – mas é importante você estar ciente desse risco.

    @Water: Que bom que tenha dado certo! E fico feliz com sua decisão. É realmente uma forma de mostrar que valorizamos os comentários recebidos.

    @Luciano: Obrigado pelos elogios! E claro que tem minha autorização: para mim, divulgações assim são uma ótima forma de retribuição.

    Abraço a todos vocês e obrigado pela visita!

  13. Olá Adelson
    já sabia o que era o nofollow entretanto não sabia que por padrão o wordpress já deixava habilitado, fui ver em meu blog e estava habilitado. Segui sua dica e usei o plugin para desabilitar.
    Mais uma vez colhendo informações aqui e melhorando meu blog.
    Abç

  14. Olá, Paulo!

    A intenção deste artigo é justamente alertar a todos para um recurso que normalmente está ativo em nossos blogs e sequer sabemos disso. Fico feliz que tenha aderido à causa!

    Um abraço!

  15. samejspenser disse:

    Olá Adelson.

    É um prazer comentar em um artigo do GB.

    Vamos lá: instalei a extensão para o chrome e localizei 4 nofollow's, excluí todos eles, salvei o modelo e visualizei. Os links dos nomes dos "comentaristas" deixaram de exibir o nofollow, mas as respectivas imagens de cada um ainda os exibe. Voltei ao HTML, fiz nova busca, mas não há nenhum "nofollow", (pesquisei com aspas duplas, simples, maiúsculo, minúsculo, e com "Expandir modelos de widgets" selecionado).

    Há algum modo de alterar isso? Pois há pessoas que clicam nas imagens para visitarem o perfil de quem fez o comentário.

    Abraços.

    Samej Spenser.

  16. Portal Uniao disse:

    Não deixa essa campanha morrer!

    Adelson, fico triste quando vejo a atitudes de alguns blogueiros quanto a deixar nos comentários. Só alguns exemplos: Um diz que se quizer deixar o nome do site no comentário tem que pagar; outro diz que só permite nofollow se levar alguma vantagem do comentador, tipo se anunciou em seu site.

    Adelson eu quero te ajudar nesta sua iniciativa. então venho sugerir o seguinte:

    1- Faça uma lista e publique em um artigo com os blogs que se manifestaram a favor desta campanha e realmente excluiram o nofollow nos comentários.

    2- Posso divulgar esse seu artigo do mesmo jeito que foi divulgado "Promoção de 2 Anos do Gerenciando Blog". Pra não ficar conteúdo duplicado fazemos alterações.

    O que você acha?

    Water

  17. @Samej: Que ótimo saber que você também aderiu à causa! Não há problema que o link das imagens esteja com o nofollow. O importante é que o link deixado pela pessoa não o tenha. Se um dos links não tiver o nofollow, ele já será "seguido" pelo Google.

    @Water: É realmente complicada a situação que você coloca, de bloggers solicitando favores para liberar um link follow. Isso vai contra os princípios do compartilhamento de conteúdo! Vou avaliar a possibilidade de fazer uma lista dos blogs que aboliram o nofollow. Com relação à segunda sugestão, fique à vontade para divulgar o artigo! Quanto mais pessoas souberem sobre o nofollow, melhor para todos.

    Abraço a vocês e obrigado pela visita!

  18. samejspenser disse:

    Adelson, Water, caso esta lista de blogs que aderiram à causa "vingue", pode adicionar meu blog nela!
    Como meu blog trata de um assunto completamente alheio a blogosfera, fica complicado divulgar este artigo, mas creio que se pode criar um logotipo e/ou banner, (e inserir o link para este artigo), identificando o blog que aderiu à causa. Creio que esta imagem inserida no artigo possa ser utilizada com uma pequena legenda tipo: "Campanha diga NÃO ao Nofollow: EU PARTICIPO!". Fica a dica. (risos)

    Abraços.

    Samej Spenser.

  19. Portal União disse:

    Adelson tô divulgando seu artigo e vou recomendar a todos que fazem parte da Rede União de Blogs.

    http://www.portaluniao.com/2011/03/voce-sabe-o-que-e-nofollow.html

  20. Obrigado a vocês pela empolgação com a campanha e determinação em divulgar. Já houve no passado uma campanha chamada U Comment, I Follow com esse objetivo.

    Mas, é sempre bom relembrar a todos sobre algo tão importante.

    Um abraço!

  21. Olá!

    Que bom, mais uma adesão à campanha! 🙂

    Um abraço!

  22. Nós também participamos!

    Os blogs dos comentadores são importantes para nós!

  23. Adelson estamos contigo nesta campanha. Pode conferir se quizer!

  24. Astral Service e Programas Afiliados:

    Obrigado por também aderirem à campanha! É sempre bom ver cada vez mais pessoas apoiando esta causa.

    Um abraço!

  25. Olá, Rodrigo!

    Há diversos complementos do FireFox e outros browsers que destacam os links nofollow. Eu não conhecia o Add-Ons.

    Um abraço e obrigado por compartilhar!

  26. Faguinho disse:

    E no caso de banners de parceiros e blogrolls, é sempre recomendável usar o nofollow correto?

  27. Olá, Faguinho!

    Não há uma regra para isso. Eu deixo esses links como "follow" porque possuo poucos deles em minha página principal e faço questão de valorizá-los.

    Mas, para quem tem dezenas de blogs nessas categorias, isso pode diluir o valor dos outros links que seriam importantes.

    Um abraço!

  28. Rodrigo disse:

    Isso foi realemente estupendo! eu nem imaginava isso, meu pai estava ontem falando comigo e me indicou o blog para que eu lesse este artigo, estou muito agradecido meu amigo! apartir de hoje estarei acompanhando esse ótimo blog ! abraços

  29. Olá, Rodrigo!

    Que bacana saber que as dicas do Gerenciando já estão sendo passadas de pai para filho! 🙂

    Seja sempre bem vindo aqui!

    Um abraço e obrigado pela visita!

  30. Reifison disse:

    Nossa. Muito bom o texto. Eu já tinha uma boa noçao do nofollow, mas mesmo assi, o seu texto foi instrutivo, pois além de explicar o que é mostrou de forma clara para que serve e ainda ensina a desabilitar. Parabens. De pensadores assim que os sites precisam, pois compatinhar o conteúdo bom é algo importante.

  31. Olá, Reifison!

    Que bom que o artigo tenha trazido novas informações mesmo para você que já conhecia o nofollow.

    Obrigado pelos elogios e seja sempre bem vindo!

    Um abraço!

  32. D@nil.B disse:

    Puxa, eu nem sabia que isso era possível! Nem que o meu blog tinha tal coisa! Bem, agora posso me livrar desse mal graças à mais um excelente e instrutivo artigo seu! Obrigado, Adelson!

  33. Olá, D@nil!

    Muitos desconhecem o nofollow e sequer imaginam que seus blogs o estejam utilizando. A principal intenção do artigo é justamente divulgar isso.

    Um abraço!

  34. Water disse:

    Adelson infelizmente a maioria só faz falar mas não cumpre o que promete… Confira você mesmo!

  35. Olá, Water!

    Entendo bem o que você quer dizer. Mas, infelizmente, trata-se de uma decisão pessoal. Eu já aboli o nofollow em meus blogs há muito tempo!

    Um abraço!

  36. Eu achei muito interessante, mas o grande problema do nofollow é que ele está na maioria dos blogs e os donos não tem a opção de retirá-lo, simplesmente por desconhecê-lo e também por não saber como fazer. Essa parte é que faz com que as coisas fiquem mais complicadas,já que a opção em mantê-lo ou não não pode ser plenamente exercida, afinal, como vão decidir se querem ou não manter algo que nem sequer sabem que existe?

  37. Olá, Andréia!

    Concordo com sua visão. O grande problema é que o nofollow vem ativado por padrão nos comentários do Blogger e do WordPress. Por isso mesmo escrevi este artigo: para que os autores conheçam esse recurso e possam tomar suas próprias decisões.

    Um abraço!

  38. Acho que todos blogs deveriam ser dofollow, desde que bem moderados, aprovando apenas comentários relevantes, que agregam.

  39. Olá, Davi!

    Seria muito bom se fosse assim. Afinal de contas, quando publicamos um comentário em nossos blogs, é uma forma de dizer que "confiamos" em sua origem.

    Um abraço!

  40. Anônimo disse:

    Não entendi nada!
    Li e reli o texto 1.000.000 de vezes!
    Afinal! pra serve?
    Tipo eu tenho no meu blog
    Iníco – contato – pedido e etc …
    Esses devem ser Nofollow? e os demais follow!

    Abraço.

  41. Olá!

    O nofollow serve para você identificar os links que apontam para sites em que você não confia. Por exemplo: você quer citar o link de um site que plagiou seu artigo. Este deve ser nofollow.

    Todos os links internos e os externos em que você confia podem ser follow.

    Um abraço!

  42. Ótimo artigo. Eu particularmente concordo plenamente com você em relação a sua opinião sobre o nofollow. Eu não sei se isso é só conversa de pessoas que trabalham no SEO e no Google, mas já li por aí que blogs e sites que indicam muitos links ou banners são punidos pelo Google. Acho que isso é só uma forma de fazerem as pessoas ficarem com medo e começar a usar o nofollow. Aliás, se fosse por essa teoria o Gerenciando Blog já estaria punido a muito tempo devido ao seu grande número de indicação de banners. Acho que o seu blog ainda está no ar é uma prova de que essa afirmação que dizem nos blogs de SEO é falsa.

  43. Nossa, eu nem imaginava a existência disso. Já instalei o Dofollow no meu blog.

    PS: Tenho lido seu blog um bocado. Belo trabalho, parabéns.

    Abraço!

  44. @Fique Sabendo: Há alguns itens que o Google realmente recomenda que sejam nofollow, como publicidade e links para sites onde você não pode confiar. No mais, não há restrições. Sempre utilizei links "dofollow" nos comentários e nunca fui punido por isso.

    @Daniel: Muita gente desconhece mesmo o nofollow! Por isso, faço questão de divulgar.

    Abraço a vocês e obrigado pela visita!

  45. Olá Adelson;

    Esse é e sempre será um assunto muito polêmico !

    Um ponto muito importante e que é bom ser dito,
    "PRINCIPALMENTE APÓS O PANDA" !

    Se você não linkar, também não recebe o link jus ! ou seja, você não recebe o mérito do Google por indicar ao leitor algo que você não possa disponibilizar.
    E ao utilizar o nofollow nos comentários é uma tremenda injustiça com seu comentarista até porque ele não ganha nada para comentar em seu blog.

    Atualmente o atributo rel="nofollow" está um pouco mais conhecido e vem crescendo junto com a palavra SEO.

    Utilizo o IntenseDebate no lugar dos comentários do blog, e uma simples MODERAÇÃO evita spam, comentários sem fundamento, e muitas outras coisas.

    E como você mesmo disse, em algumas ocasiões o próprio Google recomenda o uso e acaba sendo até loucura não usar o atributo.

    Abraço !

  46. Olá, Miller!

    Realmente, este é um assunto sempre polêmico. Eu partilho de sua opinião: há realmente situações em que o nofollow é necessário, mas não acredito que os comentários sejam uma delas. Assim, removo os comentários para onde não quero linkar e isso tem funcionado bem.

    Um abraço e obrigado pela visita!

  47. linkkei disse:

    Eu quero dizer que os blogueiros e webmasters do brasil e portugal e alguns paises pensam pequenos, por isso não conseguem trafego, nem status para seu site como realmente deveriam. Digo porquê! Os comentários chamam visistas, sejam elas como for, se vão retornar novamente, se só estão interessados em comentar para deixar links, enfim. Como ia dizendo os comentários trazem visitas e consequentemente tráfego para o site, aumentando sua popularidade com o google e no alexa. Sites e blogs de fora, EUA, Inglaterra e outros, deixam na maioria os comentários com links dofollow, e se for reparar, são sites e blogs que ganhar 100 a 400 comentário em uma página. Não coloco calor se for comentário pelo conteúdo ou apenas para ganhar um backlink dofollow, o que importa é a contidade de visitas que este site está recebendo e aumentando seu status.
    Eu pergunto. o que é melhor: um site com rank alexa de 50.000 ou um de 1.000.000? Pra quem sabe, sabe que o site de 50.000 recebe muito mais vistas do que o outro. Você quer ver aquele site se tem prestigios de qualquer forma, e se você olhar muito para SEO, verá que o site com alexa 50.000 é muito melhor para qualquer coisa, até para comentar e deixar um link, pois este site de uma forma tem mais prestigio que outros, seja este site visitado constantemente por visitantes assiduamente ou apenas uma vez, o que vai contar é a pontuação no alexa. Estou referindo apenas a rank alexa. Agora com o google. Para quem não sabe, um site que recebe muito trafego, o google também dá pagarank, independente de ele ter diveros backlinks espalhado por ai. Os blogueiros aqui no Brasil são mesquinhos, fazem muita questão de deixar os comentários com link dofollow, como se isto tirasse pedaço deles, fossem atrapalhar em algo. Pelo contrario, geraria muito mais tráfego para o site, as pessoas voltariam par comentar em outros artigos, enfim. Eu particulamente tenho 5 blogs, e todos eles são links dofollow, não me importo se o visitante vai voltar depois ou não. Meu blog recebendo tráfego e status eu posso investir nele no futuro até para vender backlinks com pagerank alto, visto que isso é um ápice no mundo dos webmasters, empresa e afins hoje em dia. Lembrando que colocar link dofollow é uma forma de agradecimento por entrar no seu site e fazer um comentário, visto que os blogs de hoje não postam nada que presta!
    Eles pensam que estão ganhando com link nofollow, restringindo o visitante de ter um agradecimento por entrar naquele site e comentar, estão enganados.
    Por isso que os blogs daqui e alguns de fora continuam com o mesmo pagerank, quando tem né, ainda tem isso, porque a maioria nem tem e ficam se apegando a arrumar plugins no wordpress que deixam os links
    nofollow, e quando tem status no alexa. Por isso não evoluem!

  48. Olá!

    Obrigado pela colaboração ao artigo! Os links nofollow sempre serão motivo de controvérsia. Embora eu concorde com você e mantenha meus links "dofollow", sempre haverá aqueles que preferem se "proteger" utilizando os "nofollow".

    Um abraço!

  49. Ciro disse:

    Eu so agora desativei o nofollow, ainda com receio de atrair muita gente e ter que moderar os comentários.

  50. Olá, Ciro!

    No início de meus blogs, eu era contra a moderação de comentários. Mas, infelizmente, à medida em que o blog se torna mais popular e atrai mais comentários, percebi que isso é inevitável.

    Um abraço!

  51. Samara disse:

    Acho que não entendi muito bem, mesmo relendo tudo.

    Me diga, eu desativando isso no blog, qual o benefício que EU terei desativando o nofollow??

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Samara!

      Você não tem benefícios com a desativação do "nofollow" – a não ser o provável aumento do número de comentários recebidos, pois será um atrativo a mais para as pessoas comentarem.

      O objetivo é reconhecer as pessoas que comentam em seu blog, permitindo que você passe aos seus blogs o valor que o Google considera pelos links recebidos.

      Um abraço!

  52. D@nil.B disse:

    Eu reli o artigo e depois fui ver o código HTML do meu blog, então observei que há mais três "rel='nofollow'" nele junto de "<a expr:href='data:backlink.url'" e "expr:title='data:follower.displayName'" se eu apagar os "rel='nofollow'" o que acontecerá?

    Grato.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, D@nil!

      O primeiro ponto que você cita é referente aos links criados por BackLinks do Blogger – mas isso raramente é visto em blogs. O segundo aparentemente está relacionado aos Seguidores.

      Assim, se você quer remover o "nofollow" como um incentivo aos comentaristas, eu manteria os demais da forma como estão.

      Um abraço!

  53. Ederson Dias disse:

    Olá Adelson, estava pesquisando sobre isso e resolvi também deixar todos os links do meu blog em dofollow, com exceção dos anúncios é claro.

    Também escrevi um artigo de como remover o atributo nofollow do WordPress sem utilizar plugins, dê uma olhada em: http://webperfeita.com/alterar-links-para-dofollow-no-wordpress-sem-utilizar-plugin/

    Um agraço.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Ederson!

      Em meu caso, depois de muito tempo acabei voltando os links dos comentários para "nofollow". Como não tenho controle sobre o que é postado nos blogs, isso pode acabar sendo prejudicial.

      Mas, ainda acredito que há casos em que valha a pena deixá-los como "dofollow".

      Um abraço!

  54. AD disse:

    Olá Adelson… ^^

    Poxa, estou começando agora com esses detalhes de blogg e talz.
    Mas já pude ver que existem inúmeras coisas que preciso ler, reler e pensar a respeito!
    Realmente esse NOFOLLOW ajuda mas as vezes atrapalha..
    Mas tenho uma pergunta:
    Se em meu blog o noffolow estiver ativo, ao comentar em algum outro blog qualquer, pode ajudar para que meu backlink não apareça noutro blog?
    Ou isso só interfere em meu blog?

    Grato, e desde já, lhe sigo pq curti seu site!

    Abraços
    ADhenrique

    • Adriano Luz disse:

      Olá, AD!

      Quando utilizado de maneira correta, o nofollow é realmente útil. Só não concordo quando ele é utilizado em excesso, para todos os links externos, como alguns fazem.

      Quanto à sua dúvida: quando você altera essa configuração em seu blog, ele só influencia os links gerados em seu próprio blog. Isso significa que seus backlinks não são influenciados.

      Um abraço!

  55. Olá Adelson estive lendo seu post e resolvi tirar o nowfollow de meu blog só que não aparece na HTLM da pagina principal apenas na pagina de comentários resumindo não consegui excluir eu uso o sistema blogger segui suas instruções mais infelizmente não obtive sucesso.

    Abraços.
    http://ciadereceitas.blogspot.com.br

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Fernando!

      Realmente, o nofollow aparecerá onde houver links nos comentários dos seus visitantes. Eu visitei seu blog e vi que ele ainda está ativado nessa situação.

      Assim, acredito que ainda exista o nofollow no HTML do seu template. Para desativá-lo, é necessário remover essa trecho do código.

      Um abraço!

  56. Nossa, achei o post extremamente escalerecedor, me ajudou muito! Criei um blog recentemente e estava buscando informações sobre as ferramentas que poderia utilizar. Muito obrigada!

  57. Interessantes.
    Obrigado pelas dicas.
    Apareci aqui depois de buscar como fazer nowfollow em blogs..

  58. blog disse:

    Adelson, aqui no Gerenciando Blog você desativou ele?

  59. blog disse:

    E no caso de um site de downloads, os links que direcionam para o arquivo também é recomendado, certo?

    • Adriano Luz disse:

      Olá!

      Sim, precisei reativar o nofollow aqui no Gerenciando Blog. Infelizmente, o número de comentários recebidos está muito alto e é difícil eu manter controle sobre a origem de todos os links.

      Quanto ao site de downloads, o melhor seria não ter os links – a não ser que eles só apontem para arquivos grátis, de download livre. Se eles apontarem para filmes ou jogos licenciados, há grandes chances de ter seu blog removido do ar. Veja mais sobre isso no artigo Evite a tentação de escrever um blog fácil.

      Um abraço!

  60. Ola Anderson,
    Estou a uma semana lendo e relendo artigos sobre esse tópico. Entendo e acho justo o uso do nofollow em links de propaganda.
    Mas se eu quiser fazer um post sobre o seu blog, por exemplo, devo colocar como follow ou nofollow?
    Como o Google vai saber se você pagou ou não pelo post?
    No blog da minha esposa tem um link para o da minha mãe, um banner. Este deve ser follow ou nofollow?
    Como eu aviso o Google que o link é natural e não pago?
    No final das contas, fica a pergunta. E se todos passássemos a usar (no)follow em tudo? O que o Google poderia fazer?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, André!

      A principal causa de punição pela venda de links "dofollow" é a denúncia pelos seus concorrentes. Então, mesmo que o Google não consiga detectá-los automaticamente, alguém pode notar isso em seu site e fazer uma denúncia.

      Sempre que se tratar de propaganda com fins comerciais, o link deve ser nofollow. Se for uma indicação, não é necessário.

      Quanto à sua pergunta, é uma situação hipotética, e ela dificilmente ocorreria.

      Um abraço!

  61. Olá, obrigado pelo seu artigo.
    Eu retirei o nofollow dos comentários, mas também aparece nos links para o facebook e os outras redes sociais, devo retirar? Coloco aqui um exemplo:

    a href='http://www.facebook.com/laboratoriodafe&#39; rel='nofollow' target='_blank'><img src='http://3.bp.blogspot.com/-CaOx4OtXjyw/UU-X93rEYKI/AAAAAAAADcE/IhBZEuawOZg/s1600/facebook.png&#39; style='float:left;'

  62. Harry Stein disse:

    Quer dizer que quando me inscrevo em inúmeros sites que prometem backlinks (99% por nofollow)os backlins que recebo estão na verdade me prejudicando? Fazem, na verdade, meu site ficar pior colocado no rank do Google? Aí é brincadeira.

  63. Pena Digital disse:

    Adelson, em meu blog está lá inserido, em três locais, o rel='nofollow'. Após ler o post de hoje (27/05), cheguei até este post sobre o nofollow e, após ler, fui ver meu html.
    Como você afirmou nos comentários, voltou a utilizar o nofolow em seu blog, em razão do número elevado de comentários de leitores. Não entendi, porém, como eu faço para colocar nofollow para apenas um ou outro link postado por leitores, se eu excluir o nofollow no html.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Sérgio!

      Desculpe-me pela demora para responder este comentário! Realmente, ele havia ficado esquecido aqui.

      Realmente, eu voltei a usar o "nofollow" nos comentários, pois o excesso de links em cada artigo estava fazendo com que os links do texto do artigo tivessem seu valor diminuído – uma vez que ele é diluído entre todos os links da página.

      Infelizmente, não é possível selecionar quais serão os comentários que terão o nofollow. Estando no HTML, todos eles ficarão novamente com esse atributo.

      Um abraço!

  64. Pena Digital disse:

    Ah, esqueci de perguntar uma coisa. No painel do Blogger, na sessão de edição da postagem, existem as "tags de robôs personalizadas". No meu painel está marcado "default". Esta é a melhor configuração? Acredito que minha pergunta não tem nada a ver com este post, mas ali também é mencionado o nofollow.

  65. Anderson gostei do seu blog, estava procurando vários artigos sobre, backlinks e o seu foi uns dos mais explicativos, tenho umas duvidas, se eu tiver um blog e tenho links apontando para o meu site principal posso colocar "dofollow ou follow" ou não posso fazer essa pratica, e gostaria de saber se eu post vários comentários diferentes e link do meu site em sites que tenha a opção de enviar comentários, eu posso ter vantagens no meu posicionamento de busca, porque uns dias atras fiz isso e notei que o meu site caiu uma posição no mecanismo de busca do google?

    Abraços.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Rodrigo!

      Não há problemas em você colocar esse link como dofollow. As únicas situações em que o Google indica o "nofollow" estão citadas no item "Para que serve o “nofollow”?" do artigo.

      Quanto ao posicionamento no Google, há dezenas de outros fatores que podem explicar a mudança no posicionamento. Então, não acredito que ela tenha ocorrido devido a esse único link.

      Um abraço!

  66. Givanildo disse:

    Olá Adelson,eu uso o rel="nofollow"em banner de prgrama de afiliados isso é certo?

  67. Pena Digital disse:

    Adelson, não sei se fiz algo errado, mas não funcionou em meu blog. Foi até o modelo de meu blog, excluí o rel=nofollow que estava logo após ao data:comment.authorUrl, mas não mudou nada. Hoje recebi um comentário com um link, mas ele não está acessível para clicar. O que pode estar ocorrendo?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Sérgio!

      O nofollow não tem relação com o fato do link ser clicável ou não. O funcionamento dele e o aspecto para os visitantes é o mesmo de um link normal. A única diferença é mesmo para o Google.

      Eu visitei seu artigo mais recente e vi que os links nos nomes dos autores estão funcionamento normalmente. O problema está em algum artigo específico?

      Um abraço!

    • Pena Digital disse:

      Olá, Adelson!
      Não sei se me fiz entender. Por exemplo, se neste comentário eu postar um link, será clicável? A resposta será sim, como vejo em comentários publicados por você, logo acima. E ainda colocas o link oculto, ou seja, vinculado ao que escreves, como no comentário que você postou a mim, no dia 31/07, falando sobre "SEO".
      Entretanto, no meu blog, nem os links que o leitor ou eu postamos em comentários são clicáveis.
      Se isso não tem nada a ver com a exclusão do nofollow, gostaria de saber como eu faço para que os links sejam clicáveis nos comentários.

      Obrigado!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Sérgio!

      Agora entendi sua dúvida!

      Na verdade, trata-se da forma de postar um link. Se for colocado somente o link direto (ou seja, começando por http://) ele será mostrado apenas como um texto, não clicável.

      Para que ele seja clicável, é necessário publicar o código HTML do link, começando com <a href="http://

      Fazendo dessa forma, o código será interpretado e mostrado no comentário como um link.

      Abraço!

  68. Excelente essa matéria sobre o uso de "nofollow", Adelson.
    Realmente é um assunto que divide opiniões, mas concordo com você. O uso do "nofollow" tem que ser feito de forma parcimoniosa e responsável.

    Seu blog está show, dicas super objetivas e bem explicadas!
    Meus parabéns!

    Osmar Sexto
    Equipe Tô na Dúvida

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Osmar!

      Obrigado pelos seus elogios! Fico muito feliz em saber que os artigos estão sendo úteis para você.

      Quanto ao nofollow, exatamente como você disse: os extremos são errados, e o bom senso é a melhor opção para determinar seu uso.

      Um abraço!

  69. Adelson, boa noite
    Uma pergunta: apenas o nome do autor do comentário é afetado pelo uso de nofollow ou os links que algumas pessoas insistem em anexar aos comentários também é afetado?
    Se eu deixasse o link do meu blog aqui ele seria afetado já que você reativou o nofollow ou penas o link para meu perfil G+ é afetado?
    Perguntas…. rsrsrsrsrs
    beijossss

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Elaine!

      Ótima pergunta a sua! Precisei fazer um teste (o comentário está logo abaixo do seu) para saber a resposta. E, felizmente, mesmo os links internos que os "aproveitadores" colocam nos comentários tão recebem automaticamente o "nofollow".

      Particularmente, eu considero isso um desrespeito ao autor e normalmente não os publico.

      Um abraço e ótima noite para você!

    • Adelson, também fiz um teste rsrsr
      É isso mesmo, é tudo afetado.
      Também não gosto de links nos comentários. Vou escrever sobre isso qualquer dia, sobre o quanto é deselegante…
      beijos, obrigada pela resposta.

  70. Érico José disse:

    Apaguei o trecho diretamente no editor de html. Dá problema? salvei uma cópia antes. Não sei se esse procedimento de copiar e colar o texto é necessário porque o blogger muda muito.

  71. Zélia Dantas disse:

    Olá Adelson!
    Ótima postagem, como sempre. Mas agora fiquei com uma duvida: Quando compartilho uma postagem do meu blog no google plus, aparece a imagem de quem fez o comentário e não da minha postagem. Acontece que li no Ferramentas blog que devemos acrescentar o rel='nofollow' nos locais de comentários, mas você diz que devemos apagar. O que eu não estou entendendo?
    Obrigada por me responder.
    Zélia Dantas

  72. Leandro Assis disse:

    Procurei em vários sites o que significa esse tal de nofollow, mas só aqui que consegui realmente entender. Parabéns pelo artigo, muito bem explicado.

  73. Marli Maia disse:

    Muito interessante este artigo.Parabéns.

  74. Olá Adelson,
    Muito bom, parabéns.

    Também compartilho da mesma ideia (quem comenta corretamente em meu blog está colaborando comigo e ajudando na evolução do meu trabalho. Nada mais natural que eu retribua essa dedicação, auxiliando-os também na evolução de seus blogs).

    Um abraço, força e sucesso!

  75. Oi Adelson como sempre, muito prestativo… adorei a sua introdução sobre a matéria…

  76. Shirley disse:

    Excelente artigo! Obrigada! =)

  77. Anônimo disse:

    Bom dia li reli e li dnovo mas eu não consigo entender sobre o nofollow pois tipo tenho um blog de downloads de games em torrent gostaria de saber se devo ou não colocar o nofollow nos links de downloads do games e nos magnetlink pode me tirar essa duvida? e bom ou ruim o nofollow em blog de download? fico no aguardo

  78. Muito esclarecedor esse artigo. Estava mexendo nas configurações do meu blog e me deparei com esse nofollow, e lá fui pesquisar sobre o dito cujo e encontrei sua excelente explicação!

  79. Dinho Viana disse:

    Essa foi a explicação mais esclarecedora sobre o nofollow que já li. Até que enfim entendi a utilidade do nofollow. Muito obrigado, suas dicas são de grande ajudar pra mim!

  80. Jef Santos disse:

    Muito obrigado.
    Como fotógrafo de casamentos estou buscando ranquear minha página e gostaria de saber então se, estando no objetivo de ter melhor posicionamento da minha página, comentar em nofollow nao ajuda em absolutamente nada? Sendo assim é um esforço em vão quando eu crio um belo comentario em um site com nofollow, correto?

  81. Marcoz Allves disse:

    Muito bom, esse é o texto que eu queria saber do nofollow

  82. rebecca disse:

    Muito obrigado, sempre procurei entender isto e é a primeira vez que consegui!
    http://comoserfelizcomvoce.com/2015/11/05/cicatricure-funciona/

  83. HUGO SANTANA disse:

    No folow e importante para o site nao deixe seu site sem ele abraços graça e paz

  84. Caiu na net disse:

    Muito Obrigado Conteúdo bem Explicado estava na duvida ! so tenho mais uma duvida site com page rank maior que o meu eu devo ou não usar o nofollow ?

  85. Ronaldo disse:

    parabéns pelo artigo!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
Quer aprender como R$173.571,73 como Afiliado em 4 meses?Quero Assistir o Vídeo!