monitoramento serviços Camila Fiori

Performancing: Ótimo Serviço de Web Analytics

Performancing200 Este é mais um artigo inspirado no Show Day de Estratégias Digitais com a Martha Gabriel. O Performancing foi citado rapidamente como sendo uma das ferramentas disponíveis para auxiliar no gerenciamento de um blog. Trata-se de uma empresa que fornece diversos serviços profissionais – e pagos – que prometem turbinar seu blog. Mas, há uma área gratuita de web analytics que fornece informações importantes a respeito de seu blog e seus visitantes. Vale a pena conhecê-la!  

Introdução

Os serviços pagos da Performancing são mais indicados para blogs profissionais ou comerciais. Eles oferecem opções desde a criação de um blog até o seu gerenciamento. Mas, existem empresas similares no Brasil capazes de realizar serviços similares. O que vi de mais interessante no Performancing foi mesmo sua área de web analytics. Se você não está familiarizado com o termo, o processo de “web analytics” envolve a coleta e análise de informações a respeito de um site, com o objetivo de entender e otimizar o seu uso. O serviço mais conhecido de web analytics é o Google Analytics. Outro serviço conhecido que já mostrei aqui no Gerenciando Blog é o Woopra. Em comparação com essas duas ferramentas, o Performancing tem a mesma profundidade de recursos do Google Analytics, mas com uma interface tão agradável quanto a do Woopra. Por isso, pode ser uma opção interessante. Se você quer ver a comparação completa entre as ferramentas, há uma tabela no site do Performancing. Além disso, há alguns itens exclusivos do serviço. Um dos mais interessantes é a possibilidade de acompanhar seus visitantes vindos de outros sites ou mecanismos de buscas através de RSS. Ou seja: você pode configurar um feed em seu leitor de RSS para ser avisado a cada visita vinda do Google. É uma forma interessante de acompanhar o tráfego em “real time”. O Performancing também oferece alguns widgets interessantes para você utilizar em seu blog.  

Inscrevendo-se e configurando o serviço

A inscrição no serviço é gratuita. Basta seguir os passos abaixo: 1. Acesse http://pmetrics.performancing.com/9406. 2. Clique na opção “Register”, na parte superior direita da página. 3. Preencha as informações solicitadas e clique no botão “Register”.
Performancing Inscrição 4. Você será levado para uma próxima tela, onde você pode complementar ou alterar informações referentes ao seu blog. Note que no final você pode preencher o endereço do seu RSS no FeedBurner e o seu nome de usuário no Twitter, para acompanhar algumas estatísticas desses serviços.
Performancing Configuração 5. O próximo passo é obter o código para rastreamento do seu site, que deve ser colocado no template do seu blog. Para isso, acesse a aba “Código de Rastreamento”. Lá você verá o código javascript que deve ser copiado para seu template. Ele será similar ao abaixo:

<script src="http://pmetrics.performancing.com/js" type="text/javascript"></script> <script type="text/javascript">clicky.init(9406);</script> <noscript><p><img alt="Performancing Metrics" width="1" height="1" src="http://pmetrics.performancing.com/9406ns.gif" /></p></noscript>

6. Você deve editar o template do seu blog e colocar o código mostrado no final dele, logo acima da tag </body>. Pronto! A partir de agora, suas visitas já serão monitoradas pelo Performancing!  

Acompanhando suas visitas

De forma similar às outras ferramentas de web analytics, quando você acessa o Performancing, você verá um um painel inicial com o resumo das informações de seu blog. A partir desse painel, você pode acessar as informações detalhadas:
Performancing Resumo Na barra superior, você verá as áreas disponíveis de informações:

 

  • Início: Clicando nesta opção, será exibido o painel de resumo do seu blog. Nas sub-seções, você pode personalizar seu painel principal e também configurar outras opções referentes ao seu blog.
  • Visitantes: Aqui, você verá o log de visitantes do seu blog, podendo verificar qual é o sistema operacional, o navegador e a resolução de tela que eles usam.
  • Localização: Nesta seção, você descobre em que parte do mundo estão seus visitantes. Também é possível visualizar quais são os seus provedores de acesso e o idioma de seus países.
  • Conteúdo: Aqui, você terá uma visão sobre as páginas mais acessadas em seu site. Verá também quais foi a primeira e a última página que seus visitantes acessaram durante sua visita ao seu blog.
  • Links: Similar ao item anterior, aqui você verá quais foram os links externos que trouxeram os visitantes ao seu blog, e também para quais sites eles foram ao sair de seu blog.
  • Buscas: Traz informações importantes sobre os visitantes que chegaram ao seu blog através de ferramentas de busca, como o Google. Mostra as palavras digitadas para chegar ao seu blog e os serviços que foram utilizados.
  • Campanhas (somente na versão Premium): Controla o acesso a páginas criadas para campanhas específicas de marketing.
  • Metas (somente na versão Professional): Seção específica para controlar quando seu visitante realizou uma ação específica, como uma compra, um download ou registro.
  • Espiar: Aqui, você consegue ver informações sobre os visitantes que estão acessando o seu site naquele momento específico.

 

Diferenciais em relação a outras ferramentas

Como eu disse na introdução deste artigo, o Performancing possui alguns recursos exclusivos, não encontrados em ferramentas como o Google Analytics. Abaixo estão alguns recursos bastante interessantes: 1. Seguidores no Twitter e assinantes do FeedBurner
Se você preencheu as informações referentes ao Twitter e FeedBurner ao inscrever-se (item 4 da seção “Inscrevendo-se e configurando o serviço”), poderá acompanhar a evolução no número de seguidores e assinantes nessas ferramentas. Para visualizar os gráficos, acesse “Início” / “Personalize seu painel”. No final da página, em “Módulos”, arraste para a área da direita as opções “Twitter followers” e “FeedBurner”.
Performancing Twitter Performancing FeedBurner 2. Widgets para seu blog
O Performancing oferece alguns widgets interessantes para você colocar em seu blog, para acompanhar ou mostrar aos seus visitantes informações importantes. É possível mostrar, por exemplo, uma nuvem de tags com as palavras mais buscadas, um painel com o número de visitas ou os últimos visitantes que chegaram ao seu site. Os widgets podem ser obtidos em “Início” / “Personalize seu painel” / “Widgets”. Basta preencher as informações, atualizar o código do widget e colá-lo em um gadget de HTML/JavaScript em seu blog. Alguns exemplos:        3. Feeds RSS
O Performancing disponibiliza alguns feeds para que você possa acompanhar as visitas de seu blog através de um leitor de RSS, como o Google Reader. Assim, você pode, por exemplo, acompanhar cada nova visita que chegou ao seu site, sem precisar acessar o Performancing. Os feeds são obtidos em “Início” / “Personalize seu painel” / “Feeds RSS”. 4. Ignorar suas próprias visitas
Você pode configurar o Performancing para ignorar suas próprias visitas feitas ao seu blog, de forma a não influenciar sua análise. Para isso, basta acessar “Início” / “Personalize seu painel” / “IP tags & filtros” e clique na opção “Clique aqui pra definir este cookie”.  

Limitações da versão gratuita

Quase todos os recursos apresentados aqui estão disponíveis na versão gratuita da ferramenta, a não ser quando foi indicado. Há ainda recursos adicionais que só estão disponíveis em versões pagas do Performancing. Entre esses recursos, estão os relatórios que você pode receber por e-mail e análises mais detalhadas do Twitter. Nos 21 primeiros dias de uso da ferramenta, TODOS os recursos estão disponíveis, mesmo os pagos. Após esse período, os recursos adicionais deixam de funcionar. Outra limitação da versão gratuita é que o site só armazena os 30 últimos dias de informação sobre seu blog.  

Conclusão

O Performancing é uma ferramenta bastante interessante de web analytics. Diferente do Google Analytics, os dados são mostrados em tempo real. Ou seja: você vê as informações sobre o visitante assim que ele entra em seu blog. Já comparado ao Woopra, o Performancing consegue mostrar a mesma gama de informações, com a diferença de que elas estão disponíveis na web, sem necessidade de instalação de uma ferramenta para isso. Outro diferencial são os recursos exclusivos da versão paga. Atualmente, o valor da versão mais completa do Performancing é de US$100 ao ano. Não é um investimento tão alto para blogs comerciais ou profissionais, em vista das funcionalidades oferecidas. Por outro lado, a versão gratuita irá satisfazer as necessidades da maioria dos usuário. Vale realmente a pena conhecê-la!

Sobre o autor | Website

Apaixonada por comunicação. Formada em Jornalismo e blogueira por Hobbie. Atual responsável por este e vários outros blogs de Internet Marketing.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

14 Comentários

  1. Arierom Salik disse:

    Adelson,

    registrei, e configurei. Mais um dica GB simples e muito prática a meu ver. Muito amigável, seu tutorial está um verdadeiro manual. Abraços;

    Arierom.

  2. Adelson Smania disse:

    Olá, Arierom!

    Obrigado pelos elogios! Espero que goste do Performancing. Fiquei mesmo impressionado com o poder da ferramenta.

    Um abraço!

  3. Marcus Aragão disse:

    Oi Adelson,

    Ótima dica! Acabei de me registrar e estou avaliando o serviço, parece-me muito bom. Em principio, vou usá-lo no Blogs S/A para ver como se comporta.

    Abraços,
    Marcus Aragão

  4. Adelson Smania disse:

    Olá, Marcus!

    Que ótimo vê-lo de volta por aqui! Vale mesmo a pena conhecer o serviço. Eu o estou avaliando há quase 1 mês e bastante satisfeito com o resultado.

    Grande abraço e obrigado pela visita!

  5. blognotapreta disse:

    Boa… Pelo jeito vale a pena experimentar! Por enquanto só uso o Google. Mas quem sabe né? Vamos ver!!! Vamos ver!!!

    Um abraço!

  6. Blog Normal, mas nem tanto... disse:

    Olá, Adelson!

    Ótimas as dicas! Uso o Analytics e testarei este!

    Obrigada!!!

    Abraço!

  7. Blog Normal, mas nem tanto... disse:

    Voltei!

    Interessante a função "espiar", acho que foi o que mais me chamou atenção! Mostra tudo, inclusive "quem" está no Blog, de onde foi direcionado… Bacana!

    Obrigada, mais uma vez! Show!

  8. Adelson Smania disse:

    @BlogNotaPreta: Vale a pena experimentar o Performancing. Existem muitos recursos nele que o Google não tem, e que você pode achar interessante.

    @Sara: Realmente, o "espiar" é muito bacana! Não o citei como diferencial porque o Woopra tem a mesma função. Mas, como o Google Analytics não tem isso, chama mesmo a atenção poder ver quem está no site naquele exato momento. Bem bacana o recurso!

    Obrigado a vocês pela visita! Um abraço!

  9. Lucaimura disse:

    Óptima dica Adelson!!
    O Performancing parecia ao principio um pouco complicado, mas com o teu tutorial ficou bastante mais simples… aliás devo louvar a tua apetência para escrever os tutoriais,são sempre muito completos e fáceis de entender.
    Como sempre vou seguir o teu conselho e testar este novo serviço 🙂

    Um abraço.

  10. Sandra - Info-Macross disse:

    Olá Adelson!
    Parece ser bem interessante esta ferramente, principalmente na parte de visitas vindas do twitter e dos feeds. A nuvem de tags das palavras chave mais procuradas é também bem legal.
    Mas, como tive problemas com o woopra, fico com um pouco de receio de colocar outro código para análise do meu blog, o que me diz?
    Um abraço!

  11. Roberto SRN disse:

    Boa Noite

    Adelson

    Parabéns excelente artigo, conheci seu Blog através do Guest no Blog Info Macross da Sandra.

    Um Abraço

    Roberto

  12. Adelson Smania disse:

    @Luca: Que bom que goste dos tutoriais. Eles dão um grande trabalho para serem feitos e é bom saber que estão sendo úteis.

    @Sandra: Eu estou gostando muito do Performancing. Tem sido para mim um complemento do Google Analytics.
    Quanto à velocidade, não tive problemas com isso. Na verdade, mesmo o Woopra não chegou a degradar o tempo de carregamento da página. Vale a pena testar e medir o tempo para conferir.

    @Roberto: Seja bem vindo ao Gerenciando Blog! Bom receber visitantes vindos do Info Macross. Sou leitor assíduo dos artigos da Sandra.

    Abraço a todos vocês e obrigado pela visita!

  13. Natan Lopes disse:

    @blogdonatan

    Olá Adelson Smania!!

    Muito obrigado por entrar em contato informando que você já possui um artigo de uma ferramenta muito similiar ao getclicky.

    Realmente está é uma ferramenta muito interessante e poderosa, Agora vou procurar saber se o getclicky tem as mesmas limitações na versão free.

    Obrigado!!

    Abraço!

  14. Adelson Smania disse:

    Olá, Natan!

    Como você havia deixado a sugestão de artigo, fiz mesmo questão de alertá-lo sobre o fato do Get Clicky e o Performancing serem praticamente a mesma ferramenta.

    Espero que faça bom uso dela!

    Um abraço!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.