publicação Camila Fiori

Por que meu Comentário não é Publicado?

comentarios200É bastante provável que você já tenha deixado em um blog um comentário que não foi publicado, ou que foi excluído. Isso acontece também aqui no Gerenciando Blog: apesar de eu sempre incentivar que os leitores deixem seus comentários nos artigos, nem todos eles são publicados. Neste artigo, mostrarei as possíveis razões para isso acontecer. O artigo servirá como um guia para que você possa comentar de forma correta e aumentar suas chances de ver seu comentário publicado.

Introdução

Gosto de dizer que os comentários enriquecem os artigos de um blog. Mas, preciso acrescentar uma palavra a essa frase: os bons comentários enriquecem os artigos de um blog. Digo isso porque há comentários que são simplesmente impublicáveis. Por isso, pode ser que você escreva comentários que nunca serão publicados, muitas vezes por sua própria culpa, e não do administrador do blog. O que mostrarei neste artigo são os tipos de comentários que dificilmente serão publicados. Se você evitá-los, aumentará em muito as chances de ver seu comentário publicado. Isso é importante pois, como citei no artigo Divulgando seu blog: Comentários em outros blogs, os bons comentários são uma ótima forma para divulgar seu conteúdo. Em cada item, mostrarei um exemplo de comentário que se enquadre no item e o que você deve fazer para evitá-lo.  

1. Comentários com erros de ortografia e gramática

“Que maça este artigu seu! Vô correndu colocá no meu blog.”

Como citei no artigo A Importância do Português Correto, é essencial que os artigos do seu blog sejam bem escritos, respeitando todas as regras da língua portuguesa. O mesmo vale para os comentários que você escreve: se o autor do artigo toma esses cuidados, dificilmente ele publicará um comentário com erros de português. Isso “mancha” o artigo original. Para evitar erros assim, há algumas dicas, removidas do artigo que citei acima:

  1. Leia muito (e leia bons textos, inclusive em livros e revistas);
  2. Releia o que escreveu antes de publicar o comentário;
  3. Utilize ferramentas de correção ortográfica, escrevendo seu comentário em ferramentas como o Word e o Windows Live Writer;
  4. Faça um curso de redação.

 

2. Comentários que ofendam o autor ou outros comentaristas

“Esse cara que escreveu o comentário acima é um ignorante! Que pergunta mais idiota.”

Respeito é fundamental, tanto com o autor do artigo quanto com os outros comentaristas. Discordar é uma coisa (e não há problema nenhum nisso), mas faltar com o respeito é outra. Por isso, mesmo que você discorde do que foi dito, faça seu comentário de forma respeitosa, sem ofender ou desrespeitar ninguém.  

3. Comentários que nada acrescentam ao artigo

“Muito legal!”

Ao escrever um comentário, gaste mais do que duas ou três palavras. Se você gostou, diga do que gostou, porque gostou. Se não gostou, justifique sua resposta. Um comentário como o acima dificilmente será publicado.  

4. Comentários sem relação com o artigo

“Sei que não tem nada a ver com este artigo, mas como faço para criar uma comunidade no Orkut?”

Os comentários somente devem tratar do tema do artigo. Se você quer fazer uma pergunta, sugerir um artigo, anunciar no blog ou qualquer outro assunto, utilize outras áreas do blog para isso. O Gerenciando Blog, por exemplo, possui um link no menu para uma página onde são mostradas diversas opções de contato. Claro que há casos extremos, em que o dono do blog não disponibiliza outra forma de contato, em que o comentário é a única saída. Mas, faça isso apenas quando for realmente necessário.  

 

5. Comentários nitidamente escritos para divulgar um produto ou serviço

Esse Google é mesmo muito legal! Uso sempre para encontrar www.melhorescasasnapraia.com.br!

Comentários assim beiram o ridículo. Dificilmente um administrador permitirá um comentário desse tipo em seu blog. Particularmente, não vejo nada de errado em você utilizar um comentário para divulgar o seu blog, desde que ele seja bem escrito, acrescente algo ao tema e seja assinado de forma correta. Ou seja: não coloque o seu link no meio do texto, use a assinatura para isso (“Nome/URL” ou “OpenID”). Se tem dúvidas sobre como fazer isso, leia o artigo Como assinar seus comentários.  

6. Comentários com links para artigos seus

“Gostei muito do artigo e já utilizo o Google Buzz em meu blog. Veja como fiz isso em www.meublog.com/usegooglebuzz.html.”

Este comentário é bem similar ao item anterior, embora menos arriscado. Mas, raramente publico um comentário assim. Se você quer ganhar um link para o seu artigo, minha recomendação é que entre em contato com o autor e faça essa solicitação. Ele pode realmente gostar do que você escreveu e citar seu artigo como complemento. Outra opção é utilizar, onde é permitido, o link do seu artigo na assinatura (veja o artigo Como assinar seus comentários).  

7. Comentários com pedidos para visitar ou seguir

“Nossa, que interessante as formas para divulgar o blog no Twitter! Siga-me www.twitter.com/queroseguidoressemfazernada.”

Comentários pedindo para seguir no Twitter, visitar o blog, dar dinheiro, comprar produto ou coisas do tipo dificilmente serão publicados. A não ser que o autor tenha solicitado, por exemplo, para que as pessoas deixassem os endereços dos blogs dos visitantes para eles conhecê-los. Novamente: se você quer divulgar seu blog ou rede social no comentário, faça isso assinando-o de forma correta.  

8. Comentários pedindo resposta por e-mail

“Eu estou com um erro na hora de criar o meu Twitter. Responda o que devo fazer pelo e-mail [email protected]

Não raro recebo comentários com dúvidas pertinentes, mas que pedem para que eu as responda por e-mail. Comentários assim até são publicados, mas a resposta só é dada no próprio comentário (a não ser que eu solicite para que a pessoa me envie um e-mail). Quando você deixa um comentário em um blog, é você quem tem a obrigação de voltar lá para saber se o autor o respondeu – e não o contrário. Há ferramentas que podem inclusive ajudá-lo a monitorar respostas para todos os comentários que você deixa em blogs (veja em CoComment: gerenciando seus comentários).  

Conclusão

Os comentários que mostrei acima são todos exemplos fictícios, mas baseados em comentários reais que recebi aqui no Gerenciando Blog. Evitá-los é simples: basta que você tenha bom senso ao comentar em qualquer blog. Fazendo isso, é grande a chance de que seu comentário seja publicado. E se você for um exímio comentador, com certeza atrairá a atenção do dono do blog, que acabará visitando o seu blog e até procurando um contato mais próximo. Digo isso por experiência própria, pois muitos comentaristas do Gerenciando tornaram-se meus parceiros, na melhor definição da palavra.   E você, o que pensa sobre o assunto? Concorda ou discorda da minha opinião? Há outros tipos de comentários que você não gosta de ver em seu blog? Deixe um comentário (com mais de duas palavras, por favor! risos).

Sobre o autor | Website

Apaixonada por comunicação. Formada em Jornalismo e blogueira por Hobbie. Atual responsável por este e vários outros blogs de Internet Marketing.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

22 Comentários

  1. Rodrigo Nogueira disse:

    Olá Adelson!

    Sem dúvida comentários devem ser bem feitos e suas dicas ficaram ótimas!

    Só um acréscimo: antes de enviar um comentário, é legal também dar uma conferida na "política de comentários" do blog (geralmente colocadas logo acima da caixa de texto), pois há de tudo por aí. Acredita que já encontrei um blog em que o autor deixa expresso que não aceita objeções às suas ideias e nem opiniões diferentes? Claro que desisti de comentar, aliás, de visitar também (rss)

    Abração!

  2. Vivian Assis disse:

    Tem também os que por exemplo usam o espaço de apresentação do autor do blog para fazer perguntas de outros assuntos, que colocam link no corpo da mensagem sendo que já tem um espaço no formulário para colocar links externos…
    Eu já tive casos assim no blog e por causa disso e de um comentário que fizeram com palavras de baixo calão fui obrigada a criar política de uso do blog, mas mesmo assim as pessoas continuam perguntando coisas em lugares errados sendo que já criei um perguntas e respostas no blog.Eu mesmo fico bastante incomodada quando entro em algum site ou blog onde o nível de conversa está crítico…
    Se as pessoas tivessem bom senso nem precisaria falar o motivo de um comentário não ser publicado rs.Ótimas dicas com sempre.

  3. Emerson Almeida disse:

    No Meu Blog Recebo Muitos Comentários desse Tipo, na Maioria das Vezes eles só querem ganhar Back-links e Divulgar seus Blogs os Sites fazendo agente perde Tempo.

  4. Célia Buarque disse:

    Sigo seu blog e realmente suas matérias têm contribuido para melhoria do meu. Tenho seguido suas dicas. Concordo com as dicas sobre comentários realmente é tudo de bom receber um que engrandece o post. Faz valer a pena nosso esforço. Para mim é um divertimento ter blog mas espero que os visitantes respeitem meu cantinho e utilizem de forma consciente. Parabéns!

  5. Arierom disse:

    Adelson,

    minha política de moderação é bem simples, mesmo tendo um blog de nicho específico.
    Poucos comentários tive que barrar e/ou marcar como spam. Porém ocorreram fatos similares ao citado por você. Alguns agem mesmo com a cara de pau, nem tanto por ignorância de novato.

    Moderar ainda é a melhor política.

    Forte abraço!

  6. Portal União disse:

    Um blog sem comentários é como um jornal onde não há feedback! Mas nestes casos citados tem toda razão!

    Water

  7. Matheus disse:

    Olá Adelson,

    Bons exemplos de comentários. Realmente para mim a maioria dos comentários que recebo, tenho que barrar, por serem deste tipo. Uma hora aparece um sujeito somente dizendo "muito bom", outra hora aparece outro me xingando de "fdp", porque a dica que deixei no meu blog não deu certo com ele, e por ai vai.

    Só discordo em partes na questão 6. Para mim existem casos onde já deixei um link para meus artigos ou artigos de outras pessoas que complementavam o assunto do artigo comentado ou mesmo respondiam dúvidas de determinada pessoa, em um artigo de outro blog. Por isso acredito que se o link ajuda, vale a pena ser postado junto ao comentário, a pessoa pode inclusive agradecer pela ajuda prestada para aumentar ainda mais o conteúdo do artigo.

    Excelente artigo Adelson, parabéns!

    Abraço!

  8. KAKI disse:

    com nenhuma sombra de duvidas, comentários devem ser bem elaborados. Alguns comentários meus ja foram recusados!

  9. Iúri disse:

    Olá Adelson,

    Essa questão de publicação de comentários sempre é um assunto muito sensível, mas concordo contigo quanto a não publicação dos tipos de comentários que você citou.

    Nos meus blogs eu não modero os comentários, porém, há filtros que "pegam" certas palavras, e já dá para reter algo. E se há alguma propaganda via comentário, ele é deletado.

    Um abraço.

  10. Ana Karenina disse:

    Olá Adelson

    Mais um tema interessante pra debater, gostei bastante pois ficou claro para os leitores onde eles andam errando.

    Já cheguei a ficar chateada quando meu comentário não era publicado em alguns blogs, achei que eu não estava falando nada demais e achei exagerado a censura do meu comentário, mas pensando bem se a pessoa não quer aprovar é o direito dela assim como é o meu comentar onde eu me sinta bem e onde meu comentário seja considerado e aprovado, demorei pra perceber isso, mas agora já entendo melhor e não me aborreço mais com isso.

    Quando entramos na blogosfera não sabemos ao certo como participar dela, não apredemos a fazer os posts certos sem ter feito os errados antes, não aprendemos a comentar melhor sem ter feito péssimos comentários antes, a vida é assim, é tudo a vera, sem rascunho e nem sempre acertamos, por isso seu artigo acaba ajudando a esclarecer.

    Só gostaria que as pessoas entendessem que a forma como você lida com os comentários no seu blog reflete muito do que você é como pessoa, se você for arrogante não pode querer receber comentários gentis, gentileza gera gentileza, muita gente comete estes equívocos, mas estamos todos aprendendo, eu acho.

    Um Abraço

    @anakint

  11. Jorge Benedito Ribeiro disse:

    A idéia de ter um blog é fascinante, principalmente porque através dele (o blog)é que ganhamos a oportunidade de disponibilizá-lo na rede, para quem quiser ver, ler, ouvir o que temos a dizer, ou publicar o que alguém falou.O fato é que como disse um dia Andy Warhol, num futuro próximo todo o ser humano teria direito aos seus instantes de fama.
    O blog é hoje o conceito mais novo, criativo, funcional, além de ser uma forma economicamente viável de comunicação de massa, que se tem notícia.
    Então, tudo o que até agora teria sido "fashionable", ou vulgarmente falando "xique no urtimo!!!", toma uma dimensão e responsabilidades maiores do que simplesmente subir ao palco somente porque tem os seus "direitu", é preciso saber o que dizer, porque dizer e para quem dizer…(em outras palavras, preparar-se)
    Estar exposto a opinião pública, sem elitizar-se ou vulagrizar-se, exige de si um grande esforço para trazer à tona o real sentido de todas as coisas, não sendo profissional demais, mesmo porque o "legal" é ter pessoas se interrelacionando com pessoas.

  12. J. Neto disse:

    Eu até poderia dizer "muito bom' para o texto mas tenho medo de parecer spam 😛

    *brincadeira* Adelson!
    Por escrever em meu blog sobre temas espinhosos e polêmicos geralmente recebo muitos comentários assim, e não publico. Atualmente só respondo àqueles que merecem mesmo uma resposta.

    Penso que o blogueiro deve colocar uma página de contato e avisar sempre que os assuntos não pertinentes ao tema do post devem ser feito pela página de contato. Com um aviso grande na home talvez essas incidências de comentários fora do contexto ficasse menor.

    Abraço!

  13. Samanta disse:

    Olá Adelson !!!

    Nossa, incrível sua postagem, deveria vir anexo quando se cria um blog !! rsrs
    Eu costumo publicar todos, mas tem uns que são mesmo de lascar… Ofensas pessoais, eu não publico, pois acho desagradável que os leitores cheguem e se deparem com este tipo de baixaria que nada tem a ver com a postagem ! Se quer me xingar, me ligue ou mande e-mail, mas no blog é ridículo, não é mesmo !
    Outro que eu publicava, mas agora não vou publicar mais são os de 2 palavras+link… fica claro que a pessoa sequer se interessou pelo post e só quer mesmo fazer sua propaganda…
    Isso acaba prejudicando o próprio comentarista, pois não vou retribuir uma visita destas.
    Já quem comenta corretamente, com certeza terá meu retorno e de muitos outros, sem dúvidas.
    É rápido, não cai pedaço e ajuda muito, tanto para quem comenta, eu por exemplo estou aprendendo a me expressar melhor porque comento bastante, e também ajuda o blogueiro com um feedback de qualidade 🙂
    Arrasou !!
    Um abração e boa semana !

  14. Shirley disse:

    oi, adelson, dubem? ói eu aqui traveiz! rs. bom, eu concordo com vc, alguns comentarios são mesmo impublicáveis. acho um saco gente que entra em uma caixa de comentários pra xingar ou pra divulgar links (chamar a atenção para um ou outro artigos é até válido – links, nunca!), mas aqui entre nós, eu jamais deixaria de publicar um comentário apenas pq ele tem erros de português. nosso país é assim, manozinho: nem todos têm acesso a um bom livro, uma revista interessante, e aí, qdo de repente a pessoa acha (navegando em uma lan-house, provavelmente) um blog legal, bem escrito, realmente interessante e: "taí, vou comentar!" quando vê, não vê – seu singelo comentário não foi publicado!!! como saber o pq? poxa, eu não ofendi, não deixei link, sequer discordei, pq fui barrado? aaaaaah, tá, é pq eu não sei escrever… 🙁 eu não modero comentários, nunca moderei e acho difícil que um dia venha a fazê-lo – das duas, uma: ou respondo ou ignoro completamente. acho que o único tipo de comentário que me faria perder as estribeiras seria um que ofendesse a um dos meus leitores ou a alguém que não tivesse cmo se defender. enfim! mas isso sou EU, cada um com seu cada um, certo? 😉 o seu texto, as usual, PERFEITO! abração!

  15. Beth Muniz disse:

    Fala professor,
    Todos os itens abordados por você são de fundamental importância. Não saberia dizer a ordem de relevância.
    Sabe o que faço quando não estou conseguindo construir um comentário?
    Em respeito a mim, aos demais leitores e ao autor do texto ou do blog. Não comento. Ou o faço depois.
    Pois em minha opinião o comentário deve estar relacionado ao tema da postagem, independentemente da abordagem.
    Gostei muito da abordagem.
    Grande braço.

  16. Reginaldo Paiva disse:

    Um mal comentário além de não contribuir em nada no artigo,apenas sinaliza no mínimo uma falta de educação,respeito ou tolerância!

    Abraços,

  17. Adelson Smania disse:

    @Rodrigo: Sua dica é mesmo importante! A Política de Comentários de cada blog pode trazer informações adicionais. Agora, ter uma política que impeça comentários contrários à ideia do autor é algo estranho demais. Eu tomaria a mesma ação que você tomou!

    @Vivian: Você citou uma expressão que resume bem todas as dicas do artigo: bom senso. Mas, infelizmente, muitos se esquecem disso ao escrever comentários nos blogs dos outros.

    @Emerson: Acredito que todos os blogs padeçam do problema que você citou. Eu mesmo incentivo a obtenção de backlinks a partir de comentários em outros blogs – desde que eles sejam bem escritos e agreguem conteúdo ao artigo original.

    @Célia: Que bom que esteja gostando das dicas! E os bons comentários realmente engrandecem o artigo. Prova disso são os ótimos comentários que sempre recebo aqui no Gerenciando Blog. E respeito é o que todos nós, autores, esperamos.

    @Arierom: No início, eu defendia que os comentários não fossem moderados. Mas, os abusos me fizeram voltar atrás e passar a também moderá-los. Sem isso, eu estaria perdido hoje!

    @Water: Os comentários são muitos importantes para todos os blogs. Desde que sejam feitos com respeito e bom senso.

    @Matheus: Entendo sua posição com relação aos links. E também já deixei passar comentários quando noto que o assunto é mesmo relacionado e relevante. O problema é que muitos tentam passar uma "propaganda" no meio do comentário, e esses eu rejeito.

    @Kaki: É necessário ter cuidado para que seus comentários não sejam rejeitados. Espero que as dicas o ajudem a perceber o que fazer para evitar isso.

    @Iúri: Que bom ver que alguém ainda consegue viver sem a moderação dos comentários! Meu sonho era que todo bom comentário fosse publicado imediatamente. Mas, infelizmente, esse sonho acabou há muito tempo. risos

    @Ana: Ótimo ponto você levantou! Cada um tem mesmo o direito de agir com os comentários de seu blog da forma que bem entender. Mas, essa atitude tem seus reflexos. Eu mesmo já deixei de comentar em blogs do mesmo nicho do Gerenciando quando percebi que meus comentários não eram publicados.

    @Jorge: Realmente, os blogs garantem hoje alguns momentos de fama para todos! E, para mim, os comentários são uma parte essencial de todo blog. Sem os comentários, o blog passa a ser um discurso, e não um diálogo, como deveria ser.

    @Neto: Fico feliz que não tenha escrito apenas "muito bom"! risos Há temas que são realmente mais complicados e propensos a exaltar os ânimos de quem comenta. No meu caso, como tratam-se normalmente de temas técnicos, dificilmente tenho esse problema. E o form de contato é mesmo essencial! Mesmo assim, ainda recebo muitos comentários fora de contexto.

    @Samanta: Obrigado pelos elogios! E comentários com ofensas são os piores tipos. Não há o menor sentido em deixá-los em um blog. É uma pena que algumas pessoas ainda façam isso. E os comentários bem feitos atraem a atenção do autor e dos outros visitantes, podendo até render visitas ao comentarista.

    @Shirley: Você tocou em um ponto espinhoso. Não sou tão radical com relação aos erros de português. Mas, há alguns exageros que eu realmente não publico. Penso assim: tenho o maior cuidado, reviso meu texto, passo o corretor ortográfico, tudo para evitar erros. Quem comenta poderia ter também esse cuidado, para evitar os erros grosseiros.

    @Beth: Gostei de sua posição! Quando não há o que falar, é mesmo melhor não comentar.

    @Reginaldo: Concordo com você, Reginaldo: quem comenta intecionalmente dessa forma, realmente falta com o respeito ao autor.

    Obrigado a todos vocês pelos ótimos comentários! É isso o que todo autor quer ver em seu blog: podem concordar ou discordar, desde que haja respeito.

    Grande abraço!

  18. Ramon disse:

    -Tenho um blog faz pouco tempo e ainda não recebi comentários, mas se eu recebesse comentários como os do exemplo, ficaria bem chateado e claro seriam todos moderados.
    Gostei muito do seu artigo. Cada vez melhor!

  19. Adelson Smania disse:

    Olá, Ramon!

    Sugiro que você leia o artigo Por que meu blog não recebe comentários?. Lá, dou uma série de dicas que podem ajudar seu blog a receber mais comentários.

    Um abraço!

  20. Arthur Oliveira disse:

    Olá Adelson! Muito boa a sua postagem! Com certeza vai servir de alerta para algumas pessoas que não sabem comentar em blogs. Já escrevi uma postagem sobre esse assunto, e é constrangedor a quantidade de comentários que recebemos com essas características que você citou e outras muito piores.
    Acho que uma das coisas mais importantes na blogosfera, é você saber expressar a sua opinião, não só pela postagem que publica, mas pelos comentários que você faz em um blog. Eu nunca publico comentários com erros de português, ofensas, e com conteúdos que não tem nada a ver com o assunto abordado no texto que fiz. Acho uma falta de respeito com o blogueiro e com os leitores que leem a postagem, pois realmente suja o artigo que fizemos a partir do momento que publicamos comentários com conteúdos assim.
    Acho que as pessoas ao comentarem deveriam se limitar somente ao assunto abordado na postagem, e não perderem o foco tentando divulgar seus blogs, escrevendo coisas sem nexo e "enrolando" no comentário para parecer mais sofisticado.
    Um bom comentário é aquele que contém a sua opinião pelo conteúdo publicado, e não pensamentos fúteis que nada tem a ver com o texto.
    Vou acrescentar uma coisa, mas não vou me prolongar muito… É incrível a falta de qualidade de comentários que recebo no meu blog, através de alguns agregadores de notícia. Eles sempre estão com xingamentos, alguns com links muito duvidosos, e outros que parecem mais atualizações do Twitter… É uma tragédia total. Acho que a pressa em comentar e tentar receber um retorno através destes, pode influenciar na má qualidade nos comentários feitos nos blogs. É o que penso.

    Um abraço, e parabéns pela postagem e pelo blog!

  21. Adriano Luz disse:

    Olá, Arthur!

    Muito obrigado pelo seu comentário, que foi um ótimo complemento ao meu texto. Você fez uma observação importante: um comentário de baixa qualidade "suja" realmente o artigo. Por isso, muitas vezes vejo-me forçado a não publicar um comentário – justamente pelos motivos expostos neste artigo.

    Um abraço e seja sempre bem vindo!

  22. Anônimo disse:

    Vai ver que é por isso que as pessoas preferem comentar em vídeos no YouTube ou Portais e não em blogs.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.