guest post SEO Camila Fiori

4 dicas fantásticas de SEO

Dicas de SEOO tema SEO (otimização para mecanismo de buscas) é muito importante para quem tem um blog.

Utilizando corretamente as técnicas de SEO, você conseguirá que seus artigos apareçam em melhor posição no Google e outros buscadores, gerando mais visitas para o seu blog.

Neste “guest post”, Arlindo Armando compartilhará 4 dicas essenciais relativas a SEO.

Blogueiro há um ano e freelancer há alguns meses, Arlindo escreve artigos sobre otimização e monetização no Blog na Carteira e também publica “guest posts” em diversos blogs.

Introdução

Você já deve ter lido diversos artigos falando de SEO (entenda o que é SEO), todos mais ou menos iguais, não é mesmo?

Pois é – e já adianto – este vai ser mais um.

Mas faremos algo um pouco diferente: vamos ler e aplicar em seu blog (ou ao menos analisar) tudo que eu escrever.

Passarei diversas dicas de SEO que eu uso em meus blogs e têm dado muito certo para rankear diversos artigos e os próprios blogs em si.

Tenho a certeza de que assim que terminarmos este artigo você vai ter outra mentalidade quanto ao SEO.

1. Os backlinks

O Google diz “Consiga backlinks naturais”, mas a verdade é que ler um artigo não vai fazer com que o leitor crie um texto linkando para o seu.

Isso pode até acontecer (e acontece), mas não na proporção que queremos.

Posso criar um texto fantástico, mas somente um ou dois links vão aparecer naturalmente apontando para o mesmo, e isso vai levar alguns dias ou meses.

Não é suficiente para rankear um artigo.

Por isso, a primeira dica é: consiga backlinks de qualidade.

Nem sempre um backlink de qualidade é natural.

Você acha que “guest posts” são algo natural?

Tudo aquilo que tenta alterar os resultados nas buscas é contra as regras do Google, mas há alguns procedimentos que você pode realizar sem ferir essas regras.

Então, vamos ver como pode conseguir backlinks para seus artigos:

  • Escrever “guest posts” é um excelente começo. Aconselho que em cada texto você coloque somente um link para o seu artigo que quiser. Isso  acaba fazendo com que a relevância passada ao artigo seja ainda maior. O juice não será dividido. Outra dica é escolher blogs de qualidade para postar seus artigos, afinal, a qualidade do blog é o que faz o backlink ter qualidade. Pense nisso.
  • Diretório de artigos. Muito mal se fala quando falamos em escrever artigos nos diretórios querendo novos backlinks, mas a grande verdade é que se feito com moderação pode ter um resultado muito bom. Por isso, aconselho submeter alguns artigos em diretórios, e sempre usando somente um link, como descrevi acima.
  • Escreva um texto de grande qualidade. Apesar desta técnica ser demorada e pouco eficiente, você conseguirá alguns backlinks no decorrer dos dias, além de deixar seus leitores maravilhados com um bom texto.

PARE O TEXTO, E FAÇA UM BACKLINK AGORA MESMO.

2. SEO on-page

Outra dica extremamente importante de ser colocada em prática é o SEO “on-page”.

Conseguir backlinks é extremamente importante, mas se o seu conteúdo não for bem trabalhado de nada vai valer.

Trabalhar bem os links internos é tão importante quanto os externos.

 

Todos os artigos devem conter links para outros artigos relacionados, sempre usando textos âncoras relevantes, assim vai fortalecer os artigos linkados nas buscas.

Se você tem um artigo sobre “como fazer arroz”, e você quer ficar top 1 nas buscas para essa mesma keyword, linke constantemente em outros artigos para este sempre usando a âncora apropriada.

Apenas tem que tomar cuidado para não lotar de links nas postagens, isso poderia prejudicar.

Quando falo de SEO “on-page”, me refiro também à usabilidade do blog, layout bonito, código do blog otimizado, títulos bem definidos e otimizados para os motores de busca, plugin de SEO para auxiliar na indexação e tudo que puder fazer dentro do blog para ficar melhor posicionado.

PARE O ARTIGO, ESCOLHA UM ARTIGO SEU E REVEJA-O POR COMPLETO, ARRUMANDO TUDO O QUE DIZ RESPEITO A SEO ON-PAGE.

3. Social

As redes sociais estão crescendo e, com isso, você precisa acompanhá-las.

Já li um artigo dizendo que o Facebook está roubando seu tráfego, pois o tempo que era para o usuário estar procurando por conteúdo na web, ele está dentro da rede social.

Então, seu trabalho é pegar de volta este tráfego, e para isso você tem que estar presente nas redes sociais, principalmente Twitter e Facebook.

Além disso, o Google Plus, apesar de ainda não ter muitos usuários presentes, possui força quando falamos na indexação de um artigo.

Por isso, estar presente nela e ter o maior número de +1 possíveis é muito importante.

PARE O TEXTO, VÁ AO FACEBOOK, TWITTER E GOOGLE PLUS E COMPARTILHE UM TEXTO DO SEU BLOG.

4. Acompanhe

Mais importante que tudo que descrevemos acima é que você faça o acompanhamento de tudo que acontece com seu blog.

Veja quais keywords te trazem mais tráfego, veja em qual posição está e tente ficar ainda mais bem posicionado.

É um trabalho de formiguinha, mas artigo por artigo você vai aumentando seu tráfego, e em alguns meses você vai ter um resultado fantástico, onde todo o esforço terá valido a pena.

Use o Google Analytics e ferramentas como o Ahrefs para fazer o acompanhamento.

PARE O TEXTO, ANALISE SEUS RESULTADOS E CRIE METAS DE INDEXAÇÃO PARA O PRÓXIMO MÊS.

Conclusão

Espero que o artigo seja útil e lhe ajude a ficar melhor indexado no Google.

Para mim tem dado certo, então, para você também vai dar.

Basta realizar corretamente o que mostrei acima.

E você, o que achou das dicas do Arlindo?

Compartilhe sua opinião deixando um comentário.
 

Foto: Fotolia

| Website

Apaixonada por comunicação. Formada em Jornalismo e blogueira por Hobbie. Atual responsável por este e vários outros blogs de Internet Marketing.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

20 Comentários

  1. Flávio Peralta disse:

    Tudo na vida,exige muito esforço,Parabéns pelo artigo.

  2. Nestor - Segurança do Trabalho nwn disse:

    Oi Arlindo,
    Muito boa as dicas.
    Estava lendo as diretrizes para webmasters ontem e essa postagem está bem conforme o Google pede.
    Comprar links é uma técnica que está custando cara para blogueiros que a fizeram. Links naturais como mensionou é o canal mais seguro.

    Abraços.

    • Arlindo Armando disse:

      Nestor, exatamente. Mas também é relativo. Eu posso dizer que é exatamente igual comprar um backlink e escrever um guest post. Tudo depende de como e onde é feito. Comprar um link follow em um artigo no GB é uma boa, mas esse artigo meu tem um link follow e foi um guest post. O Google nunca saberá o que realmente aconteceu. Tudo depende de como é feito 🙂

      Abraços, Arlindo Armando

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Arlindo!

      Antes de mais nada, gostaria de agradecê-lo mais uma vez por seu interesse em colaborar com o Gerenciando Blog! Também gostei bastante de seu artigo e de sua abordagem de solicitar ação do leitor a cada tópico.

      Só esclareço que não vendo links dofollow aqui no Gerenciando Blog. Todos os artigos patrocinados e outras formas de publicidade só contêm links nofollow, justamente para não ferir as diretrizes do Google.

      Já nos "guest posts", eu os permito porque entendo que é como se eu mesmo indicasse um artigo externo ao escrever meu texto.

      Um abraço!

  3. Emanuel disse:

    Sinceramente, o que mais gostei foi a sugestão do texto ser lido em pedaços. A cada parte deglutida, uma tarefa. Fui seguindo as dicas e aprendendo na prática. Parabéns.

    • Arlindo Armando disse:

      Emanuel, fico muito feliz que tenha gostado, foi exatamente essa a intenção. Ler textos sobre SEO é fácil, mas só tem resultados quem realmente coloca em prática.

      Abraços, Arlindo Armando

  4. David Lopes disse:

    Olá Adelson,

    Particularmente dedico muito à produção de conteúdos, e faço o SEO básico nos meus artigos e mesmo assim tenho visto boas colocações no Google, porém as técnicas que você deixou aqui são de extrema importância para qualquer blogueiro que deseja ter os conteúdos com reconhecimento do Google e dos outros motores de busca.

    Boas dicas, Adelson…

    Até Já!

    • Arlindo Armando disse:

      David, fico feliz que o artigo tenha sido útil 🙂

      Abraços, Arlindo Armando

    • Arlindo Armando disse:

      Adelson, eu estou ciente de que não coloca link dofollow nos AP's, mas foi somente uma suposição. Acredito que foi a melhor forma de explicar que comprar links e escrever guest posts é quase a mesma coisa.

      Abraços, Arlindo Armando

  5. Guia Blogger disse:

    Outro fator pouco discutido é a velocidade de carregamento do blog. Quanto mais rápido o seu blog, melhor ele será rastreado regularmente pelos robôs dos mecanismos de busca, assim, seu blog ou artigos serão indexados mais rápido.

    Quanto mais lento o seu blog, mais tempo os robôs dos motores de busca levarão para indexar o seu blog, o que levará mais tempo para ter seu blog ou seus artigos indexados.

  6. Rafael disse:

    Excelente post Adelson! Obrigado pelas dicas! 😉

  7. Pâmela Cavalcante disse:

    Olá, Adelson!

    Muito interessante e rico o seu artigo!
    É importante estar atento aos pequenos detalhes, pois são eles que farão a diferença.
    Muitas vezes sabemos o que deve ser feito, mas por ser algo "tão rotineiro" pode acabar passando despercebido. Ai quando a gente lê um artigo desse os olhos se abrem novamente.

    Obrigada por compartilhar.

    Abraço e sucesso.

  8. John Silva disse:

    Olá Arlindo!

    Artigo de extrema importância para quem deseja aprender como indexar bem seus artigos.

    Gostei da forma como foi abordado!

    Parabéns e obrigado!

    Abraços e feliz 2013!

  9. alezandri disse:

    Sobre o SEO on-page, nos links deve estar incluido o código html nofollow, ou deverá ser o contrário?

    Desde já, obrigado pela atenção.

  10. Anônimo disse:

    Olá Adelson, uma pergunta: se eu 'ressuscito' posts, no sentido de pegar um post antigo e mudar a data dele para aparecer na Home (como se estivesse acabado de escrevê-lo), isso é bom para o SEO do mesmo, já que vai ter mais visitas, ou é ruim, ilegal para o Google?

    Tenho usado essa estratégia para divulgar ainda mais páginas que considero valiosas (e com tags relevantes)

    abraços

    • Adriano Luz disse:

      Olá!

      Acredito que isso não infrinja nenhuma regra do Google. Mas, isso pode ser prejudicial a você caso alguém copie o seu artigo e você precise provar que foi você quem o publicou primeiro.

      Outro ponto em que você pode se prejudicar é que o próprio Google entenda que você plagiou o artigo, e não dar relevância ao seu resultado.

      Mas, são apenas suposições.

      Um abraço!

  11. Fabio Alves disse:

    O trabalho em busca de backlinks de qualidade é um dos fatores do sucesso no rankeamento, sem dúvida.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Fabio!

      Os backlinks de qualidade estão entre os principais fatores de sucesso! E a melhor forma de consegui-los é sempre publicando conteúdo original e de qualidade no blog.

      Um abraço!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.