acompanhamento Google SEO Camila Fiori

PageRank e Alexa Rank ainda são importantes?

PageRank e Alexa Rank ainda são importantes?Artigos como o Atualização do PageRank em fevereiro/2013 sempre despertam atenção e polêmica.

O Google continua divulgando atualizações do PageRank, ao mesmo tempo que reforça que ele tem bem menos importância do que tinha no passado.

O Alexa Rank é outro índice polêmico: enquanto alguns o consideram como medida válida para avaliação de um blog, outros desmerecem sua validade.

Veja neste artigo minhas opiniões sobre o assunto e as situações em que considero válidos esses índices.

1. Google PageRank

Já escrevi diversos artigos aqui no Gerenciando Blog sobre o Google PageRank.

Trata-se de um índice criado pela Google para definir a ordem em que as páginas seriam mostradas nos resultados de buscas.

Foi em grande parte graças ao PageRank que o Google revolucionou as buscas na internet, pois tratava-se de um método com grau muito maior de acerto em relação aos mecanismos que existiam anteriormente.

Assim, a cada página da internet foi atribuído um valor que varia de 0 a 10, sendo os valores maiores atribuídos aos sites mais relevantes.

Chegar ao PageRank 10 é algo reservado a um número ínfimo de sites, como o site do governo norte-americano e o do Twitter.


O PageRank é calculado exclusivamente com base na quantidade e qualidade dos links que apontam para o seu blog.

Quanto mais links de qualidade apontando para uma página, maior será o seu PageRank.

A grande questão é que, diferente do que ocorria no início do Google, hoje o PageRank é somente um entre as dezenas de fatores que o buscador utiliza para posicionar uma página na busca.

Ele nem é mais o fator mais importante: hoje, contam muito mais a originalidade e qualidade do texto do que outros fatores.

Ou seja: o PageRank sozinho não significa grande coisa.

Mas, a própria empresa causa certa confusão na página Por que usar o Google, onde diz que “o coração do nosso software é o PageRank”.

Muitos então se perguntam: por que o Google não abandona de vez o PageRank e deixa de divulgá-lo?

Matt Cutts, chefe da equipe de webspam do Google, respondeu esta questão recentemente no vídeo abaixo:

Em resumo, Matt diz que muitas pessoas ainda utilizam o PageRank para medir a reputação de um site e que ele continuará a ser atualizado enquanto as pessoas o utilizarem.

Diz também que talvez chegue um dia em que não valha mais a pena atualizar o PageRank.

É uma resposta pouco conclusiva e que parece indicar que o Google não descontinuará o índice tão cedo assim.

Enquanto isso, o que gosto de dizer é que o aumento do PageRank nunca deve ser o seu objetivo.

Veja-o como um indicador da qualidade do seu blog: se você faz um bom trabalho nele, atrairá links de qualidade e, eventualmente, isso resultará no aumento do seu PageRank.

Também não há motivo para se desesperar se o seu PageRank permanece inalterado quando é divulgada uma atualização.

Para terminar, há alguns erros de interpretação que deve ser evitados:

  • O meu PageRank aumentou, mas meu número de visitas continua o mesmo
  • Meu número de visitas aumentou, mas meu PageRank continua o mesmo.

Não há relação direta entre o PageRank e o número de visitas que você recebe em seu blog.

Quando seu PageRank aumenta ou diminui, o que foi modificado foi a quantidade e a qualidade dos links para seu blog – e nada mais.

2. Alexa Rank

O Alexa Rank também gera polêmicas. Diferente do PageRank, ele é calculado de acordo com o número de visitas que o site ou blog recebe.

O site que mais visitas recebe no mundo ganha o Alexa Rank 1.

Hoje, quem está nessa posição é o Google, mas ela costuma ser alternada com o Facebook.

Os demais sites vão ganhando números únicos de acordo com o seu posicionamento, não havendo um número máximo.

Por exemplo, o Gerenciando Blog está hoje na posição 16.762 (o que significa que, de acordo com o Alexa, há “apenas” 16.761 outros sites no mundo que recebem mais visitas que ele).

A grande polêmica está na forma como esse posicionamento é calculado.


O Alexa (e nenhuma outra empresa ou ferramenta) consegue saber com exatidão quantas visitas todos os sites do mundo recebem.

 

O que a empresa fez foi incentivar o uso de uma barra de ferramentas ou extensão que podem ser obtidas em http://www.alexa.com/toolbar.

A partir do momento em que você instala essa ferramenta, você passa a informar à empresa os sites que você visita.

Assim, o ranking é montado somente considerando as visitas dos usuários que utilizam a barra de ferramentas do Alexa.

Abaixo está o resultado do Gerenciando Blog mostrado pela extensão do Alexa no Chrome:

Alexa Rank do Gerenciando Blog

Justamente por considerar somente a visita de quem tem a barra do Alexa instalada, o ranking está sujeito a distorções.

Um exemplo prático: o Gerenciando Blog tem maiores chances de ficar bem posicionado no Alexa do que um blog sobre artesanato.

Isso porque é muito provável que eu tenha mais visitantes com a barra de ferramentas instalada (por serem blogueiros que já acompanham o ranking) do que o blog de artesanato, que é visitado por muitos usuários que não têm um blog e estão interessados em aprender sobre artesanato apenas.

Isso mostra porque o Alexa Rank não é confiável para comparar blogs de nichos diferentes.

Por outro lado, a confiabilidade é maior quando se comparam blogs de mesmo nicho.

Voltando ao meu exemplo, faz mais sentido em usar o Alexa Rank para comparar o Gerenciando Blog com outros metablogs, por se tratar de um público mais homogêneo.

Assim, se um visitante meu tem a barra de ferramentas instalada, serão registradas suas visitas tanto para o Gerenciando Blog quanto para outros metablogs, equilibrando o índice.

Eu acompanho e registro regularmente as mudanças do Alexa Rank (que, diferentes do PageRank, acontecem diariamente) do Gerenciando Blog e outros metablogs e posso afirmar: as variações no índice refletem fielmente as variações que ocorrem no número de visitas que o blog recebe.

No entanto, há uma observação importante: o índice é calculado com base na média das visitas nos últimos 3 meses.

Por isso, um grande aumento ou diminuição no número de visitas em um único dia não é suficiente para que o haja variação significativa no Alexa Rank de seu blog.

Na figura abaixo está o gráfico onde mostro as mudanças do Gerenciando Blog (em vermelho) e dos demais metablogs que acompanho.

Lembre-se de que quanto mais baixo o valor no gráfico, mais bem posicionado está esse blog no ranking.

alexa-rank-evolucao

As variações mais significativas estão normalmente associadas a ocorrências de destaque nesses metablogs, como a falta de postagens e o seu retorno, problemas com o Google e outros.

Isso comprova que, para essa finalidade comparativa de nicho, o Alexa Rank pode ter bom uso.

Conclusão

Nem o Google PageRank quanto o Alexa Rank devem ser perseguidos como objetivos para seu blog.

Nem eles, nem nenhum outro índice. Isso porque é impossível definir com um único índice a qualidade, o cuidado e a importância que o seu blog tem para seus leitores.

Mesmo quando idealizei o Ranking “Top Blogger da Língua Portuguesa”, ressaltei que ele mostraria não os melhores blogs, mas os mais relevantes – que é o possível de se mensurar através de números.

Por isso, veja esses índices como consequência indireta da qualidade do seu trabalho.

Tenha sempre como objetivo produzir conteúdo com a melhor qualidade possível e de forma a atender às necessidades dos seus visitantes. Isso é o que importa.

Tanto o PageRank quanto o Alexa Rank podem ser utilizados por você para acompanhar a evolução do seu trabalho e para compará-lo com outros blogs similares.

Por exemplo: se um blog que trata assunto similar ao seu está conquistando rapidamente posições no Alexa Rank enquanto você está estagnado, provavelmente significa que ele está acertando mais do que você.

Outro exemplo: se o PageRank do seu blog está diminuindo a cada atualização, é importante investigar se você não está perdendo links que apontavam para o seu blog.

Esta é minha visão. Como o assunto é polêmico, deixo aberta a discussão e gostaria de ouvir sua opinião sobre o tema.

O PageRank e Alexa Rank ainda são importantes?

Deixe um comentário!

| Website

Apaixonada por comunicação. Formada em Jornalismo e blogueira por Hobbie. Atual responsável por este e vários outros blogs de Internet Marketing.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

53 Comentários

  1. Fabio Vasconcelos disse:

    Olá Adelson,

    Excelente artigo. Nesses últimos meses estou conseguindo ganhar posições diariamente no Alexa, sai da posição 70.000 para a 36.000.

    Estive procurando informações sobre como funcionava este medidor do alexa, a sua foi a mais completa que encontrei até o momento.

    Acredito que seria interessante incentivar o publico do blog a instalar a barra de ferramenta do alexa e dessa forma melhoraria a posição do blog em questão no alexa certo?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Fabio!

      Fico feliz que você tenha gostado do artigo! Tentei explicar os índices da forma mais clara e simples possível.

      Quanto à instalação da barra do Alexa, você realmente receberá mais "pontos" se as pessoas que visitam o seu blog a tiverem instalada. O mesmo acontecerá com os seus concorrentes. Mas, a intenção deles é que justamente mais pessoas a utilizem, para que a amostragem seja mais real.

      Um abraço!

  2. Melissa Bergonso disse:

    Oi, Adelson!

    Interessante essa comparação, eu não sabia qual era o foco de avaliação destes dois índices. É uma pena que ainda não exista um índice que cruze valores de visitas e de links para nossos blogs, pois valores isolados às vezes não nos dizem muita coisa…

    Há uma coisa que eu gostaria de saber e que tem a ver com os backlinks que são contados no PageRank. Vejo que existem sites que indicam blogs e portais em páginas internas, que não ficam expostas. O PageRank conta esses links "escondidos" em páginas internas ou os backlinks precisam necessariamente estar na página principal para serem contabilizados no PageRank? (Não sei se deu pra entender minha dúvida…)

    Fica com Deus!
    Um abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Melissa!

      Dificilmente haverá um índice único para nos dar todos os indicadores de qualidade. Acho interessante termos essas diversas possibilidades, pois podemos focar nossa análise no item desejado.

      Com relação aos links, de forma geral todos são considerados para o PageRank, independente se estão na página principal ou em uma página interna. O que costuma ocorrer é que a página principal tem um PR maior e "vale mais pontos", por assim dizer.

      Eu disse que isso ocorre "de forma geral" porque há formas de você criar links e páginas que não contam PageRank. Trata-se do atributo "nofollow".

      Um abraço!

  3. Nestor - Segurança do Trabalho nwn disse:

    Oi Adelson,
    Acredito que tudo que sirva para medir o alcance e a qualidade do trabalho é válido. Por isso, sempre estou de olho nessas ferramentas…

    Abraços.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Nestor!

      Também gosto de acompanhar esses fatores. Só não podermos ter um comportamento radical com relação a eles e colocá-los acima do conteúdo e da qualidade do blog.

      Um abraço!

  4. Pena Digital disse:

    E por que um leitor do meu blog instalaria em seu computador a barra do Alexa? Qual o incetivo para isso?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Pena!

      A barra do Alexa traz alguns apelos para o usuário final. Ela mostra:
      – Avaliações que aquele site recebeu, permitindo lhe dar uma indicação de qualidade.
      – Indicação de outros sites similares ao que está sendo visitado.
      – Assuntos mais populares no momento.
      e outros.

      Um abraço!

  5. Luma Rosa disse:

    Adelson, o meu blogue é pagerank 5 e não persegui objetivos para isso. O que pesa para o Google é a ética. Montei um blogue para uma amiga e em uma semana ele estava com pagerank 4. Como explicar isso?
    O Alexa não consigo compreender desde quando o blogspot adotou a terminação da url a partir do país acessado. Quando procuro pelo "Luz" no Alexa, aparecem dois blogues, um com a terminação antiga e outro com a terminação nova. No entanto, quando clico no blogue de terminação antiga, o link é direcionado para a nova terminação. Então, perdeu pontos para mim.
    Na sua lista de top blogger notei que entre os 10 estão somente os que possuem domínio hospedado no blogger e talvez por isso não houve divergência na hora de procurar os valores para o cálculo matemático do ranking.
    No vídeo que trouxe para essa postagem, o que percebi foi uma crítica pelo uso da toolbar como forma de melhorar a posição do pagerank e uma critica direcionada ao Alexa por fazer esse tipo de propaganda. É briga entre eles e não podemos nos contaminar. Se a cada boato mudarmos o nosso modo de blogar, ficaremos doidinhos! Na blogosfera sabemos os blogues/sites que possuem credibilidade e isso basta!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Luma!

      PageRank 5 é algo que pouquíssimos blogs que conseguem alcançar! Você está de parabéns pelo resultado! Mas, não é difícil explicar como um blog alcança o PR 4 em uma semana – a não ser que ele tenha recebido links de peso logo após sua criação e que a atualização tenha ocorrido pouco tempo depois.

      Concordo que a mudança de endereço feita pelo Blogger confundiu os rankings. Infelizmente, leva um tempo até que todo o efeito das visitas seja passado para o novo endereço. Mas, é sempre uma boa ideia migrar para o domínio próprio, pela segurança que ele oferece e "imunidade" a esse tipo de mudanças.

      No fundo, o mais importante é mesmo nos preocuparmos com a qualidade do nosso trabalho. Isso é o que atrairá visitantes, resultará em reputação e terá como consequência a boa colocação no ranking.

      A propósito: parabéns pelo seu blog! É um ótimo exemplo de como é possível ter um blog original e com alta qualidade no Blogger.

      Um abraço!

  6. Beth Muniz disse:

    Oi Adelson,
    Gostei da afirmação: "o aumento do PageRank nunca deve ser o seu objetivo. Veja-o como um indicador da qualidade do seu blog: se você faz um bom trabalho nele, atrairá links de qualidade e, eventualmente, isso resultará no aumento do seu PageRank".
    Para mim nunca foi. Aí, com a atualização agora em fevereiro me bateu a curiosidade: fui lá medir e descobri um PagaRank 3. Se fiquei feliz? Claro! Entretanto nada mudei na minha rotina e linha de atuação do Travessia.
    Valeu.
    Um abraço.
    Sucesso.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Beth!

      Essa é mesmo a melhor forma de enxergar o PageRank e os demais indicadores de nossos blogs.

      E um PR 3 é um ótimo resultado! Parabéns!

      Um abraço!

  7. andre disse:

    Adorei o seu artigo, Adelson! Eu cá ainda dou importância ao pagerank e alexa rank, que como você disse, um bom trabalho feito no blog. Ambos acompanho as estatísticas, e acho que motiva um blogueiro a continuar com o blog.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Andre!

      Fico feliz que tenha gostado do artigo!

      Os índices têm sua importância, mas não pode ser supervalorizados. Quem vê os índices como um objetivo, dificilmente trabalhará de forma correta e foca nos leitores.

      Um abraço!

  8. Francisco Matheus Santiago Barbosa disse:

    Opa, bem explicativa a postagem, gostei muito! Vou trabalhar cada vez mais para gerar um conteúdo de alta qualidade.

    Boa sorte, abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Francisco!

      Sua visão está corretíssima: trabalhe sempre focando a qualidade de seu blog e os índices e ranking mostrarão que você está no caminho correto.

      Um abraço!

  9. Cleiton Spoladore disse:

    Queria apenas fazer uma pergunta, para um blog com 4 ou 5 meses de vida, e tratando dos mais variados assuntos, ter um pagerank 2 e um alexa rank 2.852.648 é bom?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Cleiton!

      Como eu disse no artigo, é difícil avaliar um blog somente com esses números. O que você pode fazer é compará-lo com outros blogs que considere semelhantes ao seu para avaliar seu posicionamento.

      Um abraço!

  10. Lucas Rodrigues da Silva disse:

    Tenho meu blog vai fazer 3 meses e não consigo mais do que 10 visitas diárias e estou sempre atualizando, das poucas pessoas que entram ja recebi e-mails elogiando meu blog mas mesmo assim nada de aumentar as visitas, o que poderia ser?

  11. Jônatas disse:

    Muito bom o artigo, eu particularmente levo muito a sério o pagerank e rank do alexa, pois acho que são muito importantes para medir o sucesso do blog.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Jônatas!

      Também levo os índices a sério, pois são bons indicativos da relevância de um blog. Como digo no artigo, eles só não devem ser o objetivo principal de quem tem um blog.

      Um abraço!

  12. Adalto disse:

    Eu acho útil ter metas para os diferentes tipos de métricas.

  13. Cristina Boldi disse:

    Excelente artigo!
    Agora me tira uma dúvida, porque a minha posição melhora a cada dia que passa e o valor do PageRank nunca muda?
    Obrigada!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Cristina!

      O PageRank é somente um dos muitos fatores que o Google usa para definir a posição de uma página no resultado das buscas. Além disso, o PR é atualizado apenas no prazo de alguns meses, enquanto o posicionamento nas buscas pode ser alterado diariamente pelo Google.

      Por isso, não há relação direta entre eles. O PR só é mesmo afetado pela quantidade e qualidade dos links apontando para o seu blog.

      Um abraço!

  14. Robson Dombrosky disse:

    Ainda acho que os dois indicadores sejam importantes, mas pessoalmente, tenho dado mais importância ao Author Rank, que ao que tudo indica, deve despontar como o grande diferencial em prol dos autores que produzem bom conteúdo.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Robson!

      O Author Rank realmente é um fator importante e será determinante para o sucesso. No entanto, diferente dos outros, ele ainda não pode ser medidou ou quantificado, o que dificulta seu acompanhamento ou comparção.

      Um abraço!

  15. Valter Sousa disse:

    Olá, Adelson. Pelo que li nos comentários, ninguém rebateu sua posição e também não vou rebater porque não há como. Mas que é bom ver nossos índices melhorando, isso é, especialmente de forma comparativa aos “concorrentes”. É motivador. Gostei demais do artigo e, por enquanto, tomo sua posição como minha. Valeu mesmo!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Valter!

      Concordo com você: afinal, quem não gosta de ver números indicando que estamos no caminho correto?

      Só não podemos fazer com que esses números se tornem o nosso objetivo. Eles devem ser vistos como indicadores da qualidade do trabalho que realizamos.

      Um abraço!

  16. Pena Digital disse:

    Adelson, há um fato que suponho ser muito estranho. Explico. Tomando aleatoriamente um período de 8 dias de visitas (que são modestas) ao meu blog, os números giraram entre 170 e 200. Ora, num universo de milhões de acessos diários à internet, é extraordinariamente exato o número diário de visitas que recebo de vários lugares do Brasil! Ou seja, é muita coincidência receber sempre o mesmo número de visitas diário, não é mesmo? Penso que o Google privilegia os blogs que possuem publicidades suas, deixando de direcionar resultados para blogs que não as possuem, como o meu. Qual sua opinião sobre isso?

    • Pena Digital disse:

      Exemplificando mais ainda meu último comentário. Nos últimos dois meses, as estatísticas cravaram em 5.400 visitas (incluindo as do googlebot.com). Neste mês, as visitas devem cravar no mesmo número. Como pode haver tanta exatidão? Se eu começar a fazer publicidade para o Google, não vai melhorar as estatísticas? O Google não passará a direcionar mais visitantes a meu blog? Não tenho muito interesse nesse possível aumento de visitantes de outros lugares, pois meu blog é quase que exclusivamente direcionado para a minha cidade; mas queria que alguém me respondesse sobre essa estranha coincidência.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Pena!

      Entendo seu ponto de vista, mas não acredito que haja essa tendência do Google em valorizar sites e blogs com publicidade. Assim, acredito que o uso ou não de publicidade não seja um fator de rankeamento – e, em todos os meus estudos sobre SEO, não encontrei também nenhuma referência com relação a isso.

      Em minhas estatísticas, vejo que há uma flutuação natural do número de visitas, que varia diariamente dentro de uma faixa razoável.

      Quando comecei a exibir anúncios do AdSense, também não notei nenhuma variação significativa nesse número.

      Um abraço!

  17. Renato Nora disse:

    Artigo super interessante!

    O Pagerank deixou de ser o fator decisivo no posicionamento dos sites no motores de buscas mas ele faz parte dos 200 fatores que influenciam no posicionamento. portanto , ainda possui sua devida importância. Hoje em dia , o fator mais importante para o google é o conteúdo de qualidade. E… como o google mede a qualidade de um site/blog?

    Através da taxa de rejeição.

    Acho que HOJE devemos focar primordialmente nisso.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Renato!

      Fico feliz em saber que tenha gostado do artigo!

      Realmente, o PR é apenas um dentre tantos fatores que o Google utiliza para fazer o ranqueamento.

      Quanto à Taxa de Rejeição, você se refere ao número que conseguimos visualizar no Google Analytics? Se for esse, não se trata de fator de ranqueamento. Primeiro porque o Google não tem acesso a Taxa de Rejeição de todos os sites, somente daqueles cadastros no Google Analytics – e talvez dos usuários do Chrome. E segundo porque nem sempre uma alta Taxa de Rejeição é indicativo de baixa qualidade. Em um blog, por exemplo, é natural que o leitor veja um único artigo que o interessa, leia-o por completo e saia em seguida. Por isso, a Taxa de Rejeição em blogs gira normalmente em torno de 70%.

      O que o Google pode utilizar como fator de qualidade é uma "taxa de rejeição de busca" (não sei se existe um nome técnico para isso). Isso ocorre quando é feita uma busca no Google, o usuário clica em um determinado link e, ao descobrir que não é o que ele quer, usa o recurso de "Voltar" para retornar à página de resultados do Google. Isso sim é um indicativo de que o artigo não é o que ele procurava e pode fazer com que a página seja rebaixada nas próximas buscas.

      Um abraço!

  18. Juan disse:

    Adelson desde quando o alexa é importante?

    Ele apenas fala um valor que não é exatamente correto de determinado site.

    é uma ferramenta no meu ponto de vista fraca perto das concorrentes como opensiteexplorer.

    Já o pagerank acrédito que não seja mais importante , mas vai saber né.

    Abraços

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Juan!

      Nas condições que cito no artigo, eu vejo sim o Alexa Rank como sendo importante. Ele só não pode ser interpretado individualmente e em situações em que a comparação não é justa.

      E o PR ainda tem sua importância, mas muito menor do que tinha no passado.

      Um abraço!

  19. Anônimo disse:

    Eu acho que influencia sim, tenho vários sites e já fiz diversos testes relacionados a isso. Quando você perde o pagerank, você cai e cai feio.

    • Adriano Luz disse:

      Olá!

      Eu sempre vejo o PageRank como uma consequência. Por isso, se ele caiu, é porque houve perda de backlinks de qualidade – o que realmente resultará em queda no posicionamento nos resultados do Google.

      Um abraço!

  20. Paulo disse:

    Olá,

    Concerteza o Adelson Smania tem toda razão, alexa é importante sim e PR tem a sua influencia tmb, para muita gente o PR saiu muito do foco de seo mais para algumas pessoas é um dos fatores mais importantes em um site.

  21. Diego Duarte disse:

    Faz algum tempo que monitoro o Alexa Rank quase que diariamente, meu site tem ganhado posições constantemente(está em 250.000 no global e 6.000 no Brasil), o crescimento em relação aos concorrentes é animador.
    Minhas visitas também tem aumentado a cada dia.
    Visualizando o numero total de visitas por semana no GA fica bem visível o crescimento, pois o gráfico é uma subida sem nunca ser menor que a semana anterior.
    Contudo meu PR não sai do zero e meu site já tem mais de 7 meses de idade.
    Tenho certeza que nesse período já houveram atualizações.
    Meu site desde o inicio está em diversas redes sociais e é constantemente "linkado" através de outros sites relacionados ao conteúdo do meu.
    Mesmo sem PR estou satisfeito com o crescimento das visitas dele, mas fico triste em ver o PR 0.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Diego!

      Você tem ótimos resultados, e isso é realmente animador.

      Quanto ao PageRank, não há por que se preocupar. A última atualização ocorreu em fevereiro/2013, e é muito provável que não haja nenhuma outra atualização este ano. O Google tem tornado as atualizações cada vez mais espaçadas e é possível que logo ele deixe até de ser exibido.

      Um abraço!

  22. Erica Bosi disse:

    Obrigada pela explicação!
    Prefiro dar mais valor para o Alexa do que para o PageRank, pois este não comprova muita coisa.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Erica!

      Fico feliz que tenha gostado!

      No fundo, acredito que ambos os índices tenham suas limitações e também sua utilidade. Só precisamos mesmo saber quando eles podem ser considerados.

      Um abraço!

  23. José AMERICIO Dornelles disse:

    Parabéns;seu artigo desmistifica esses 2 índices rankeadores.Isto tem sido mal apresentado a novos internautas e blogueiros.Na minha opinião o Google valoriza mais as postagens originais compartilhadas através do G+.Gostei,muito bom.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, José!

      Fico feliz em saber que você gostou do artigo! Procurei mostrar que os índices têm a sua importância, mas que ela não deve ser exagerada.

      Um abraço!

  24. Fabio Alves disse:

    confesso que eu não paro de acompanhar o ranking da Alexa no meu site e torcendo para que aumente minha qualificação. obrigado pelo artigo

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Fabio!

      Gosto de usar o Alexa para avaliar a evolução do meu blog e para compará-lo com meus concorrentes. Para isso, ele continua sendo bastante válido.

      Um abraço!

  25. Andre Aquila disse:

    Instalei a barra do alexa, e comecei com o pacote gratuito no primeiro mes.. nossa.. o site subiu 4 milhoes de posições e começou a ser contado da forma correta agora. Obrigado pelas dicas!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, André!

      Não há necessidade em adquirir o pacote pago do Alexa. A evolução do seu blog fará com que ele ganhe as posições no ranking, de acordo com o aumento do seu número de visitas.

      Um abraço!

  26. Quatro Sete Eventos e Logística disse:

    olá muito bom seu artigo, para mim funcionou bastante meu site de classificados mesmo sendo novo ja subiu o ranking muito bem em pouco tempo
    Equipe: negociandotudo.com

  27. Explor Informática disse:

    Adelson, estou aqui para te elogiar por este post e pelo seu trabalho, nunca li um post com tanto prazer no conteúdo apresentado e determinado a passar seus conhecimentos, com certeza você merece esse enorme sucesso que tem, sempre com determinação de ajudar as pessoas com suas experiências adquiridas durante todo esse tempo. Me espelho muito em você no fator da importância da qualidade dos posts para seus leitores, por este motivo decidi criar um blog para que meus leitores realizem Downloads com segurança sem instalar programas indesejáveis. Com um trabalho com seriedade o sucesso logo vem. Me Chamo Vitor Campos, e só tenho que te agradecer obrigado.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.