Google SEO Camila Fiori

O Google Penguin 2.0 chegou!

Google Penguin 2.0Foi anunciado na última semana o lançamento do Google Penguin 2.0.

Não se trata de uma nova ferramenta (nem de um bichinho de pelúcia!), mas da nova versão do algoritmo criado pelo Google para combater o “webspam”, ou seja, o posicionamento injusto nos resultados de buscas de sites que utilizam técnicas que vão contra as diretrizes da empresa.

Leia o texto para entender se você pode ser impactado e o que você não deve fazer para evitar cair nessa armadilha.

Introdução

O Google costuma dar nomes “carinhosos” aos seus algoritmos para combater o webspam.

Primeiro veio o Panda, depois o Penguin.

Na semana passada, Matt Cutts anunciou em seu blog a segunda versão do Google Penguin.

Se você não reconheceu o nome, Matt Cutts é o líder da Equipe de Webspam do Google.

Isso significa que é sua equipe quem desenvolve os programas para avaliar qual deve ser o posicionamento de uma página nos resultados da busca.

O principal objetivo deles é fazer com que fiquem bem posicionadas as páginas relevantes, e não aquelas que abusam de técnicas “black hat”, que tentam enganar o Google para conseguir boas posições.
 

O principal foco do Penguin é combater os sites que ficam bem posicionados graças a links pagos ou de baixa qualidade.

Você leu certo: é errado um site ficar bem posicionado com links pagos.

Por isso, é essencial que os links de propaganda que você tem em seu blog sejam todos nofollow (se isso é novidade para você, leia o artigo O que é Nofollow?).

O que o Google Penguin mudará para mim?

Esta é a hora de ficar de olho nas visitas de seu blog, especialmente as recebidas do Google.

Caso você note que suas visitas venham a cair, é bem provável que o Google Penguin tenha entendido que o seu blog estava utilizando técnicas injustas para ficar bem posicionado nos resultados.

Se o número se mantiver estável ou subir, significa que o Google viu com bons olhos o trabalho de obtenção de backlinks feitos por você.

Os principais afetados serão os sites que utilizam técnicas de “spam de links”, como os mecanismos que geram uma grande quantidade de comentários automáticos em blogs, fóruns e outros sites.

Também serão impactos os sites que pagaram empresas que prometem ganho de posições através da compra de links.

Orientações dadas por Matt Cutts para ficar bem posicionado

Antes do anúncio do Penguin 2.0, Matt Cutts publicou em seu blog um vídeo bastante interessante chamado “What should we expect in the next few months in terms of SEO for Google?” (“O que esperar nos próximos meses em termos de SEO para o Google?”).

No vídeo, Matt explica em que o Google trabalhará nos próximos meses, sempre com a finalidade de trazer melhores resultados aos usuários.


Ele dá também orientações sobre o que você deve fazer para ficar bem posicionado nos resultados do Google.

 

Como o vídeo está em inglês, seguem algumas explicações sobre o que é tratado nele.

Transcrevi algumas frases do vídeo em negrito, com minhas explicações em seguida.

  • Seu trabalho deve ser constante e uniforme. Ou seja: o Google entende que é natural conquistar backlinks de forma regular ao longo do tempo. Se você ganha 100 links de um dia para o outro – e isso não se mantém – normalmente indica que há algo errado.
  • Faça um ótimo site, que seus usuários adoram, que querem contar a seus amigos, colocar em seus favoritos, voltar a ele repetidas vezes. Essa sempre será a melhor técnica de SEO!
  • Seu objetivo deve ser ter um ótimo site e o objetivo do Google será mostrar seu ótimo conteúdo aos usuários. Se o seu site não está bem posicionado, significa que o Google não o considera importante. Analise os sites mais bem colocados que você e veja onde eles são melhores.
  • O objetivo do Penguin é encontrar “black hat webspam”. Se você produz bom conteúdo e faz um trabalho correto de SEO, não deve sofrer impactos. Se suas visitas caírem, significa que o Google encontrou algo errado com as técnicas que você utiliza.
  • Não há nada de errado em escrever publieditoriais, mas eles não devem passar PageRank e devem deixar claro ao usuário de que se trata de publicidade. Este ponto é essencial! Se você vende links ou artigos patrocinados – e eu faço isso – use sempre os links nofollow.
  • Os temas onde há maior incidência de “webspam” serão mais afetados do que outros. Dependendo do tema do seu blog, há chances maiores dele ser impactado. Um bom exemplo de sites que devem ser impactos são os de monetização, que ensinam a ganhar dinheiro.
  • Google está trabalhando em mecanismos que farão uma análise mais detalhada de backlinks. Os backlinks são o coração do Google. Eles têm grande impacto no posicionamento nas buscas, por isso é um ponto em que o Google sempre procurará evoluir.
  • Google quer conseguir detectar melhor quando alguém se torna uma autoridade em seu nicho. O Google quer privilegiar os sites e blogs que se tornam referência em um determinado assunto. Daí a importância de ter um tema definido em seu blog e escrever artigos de qualidade.
  • As Ferramentas para Webmasters trarão mais detalhes importantes sobre o site. Nos próximos meses, as Ferramentas para Webmasters continuarão evoluindo, trazendo mais informações para que você saiba o que melhorar em seu site.

Quais backlinks são prejudiciais ao seu blog?

Os backlinks (ou seja, os links que apontam para o seu blog) são um dos mais importantes fatores para posicionar bem seus artigos nos resultados do Google.


Os links de qualidade farão com que seus artigos fiquem bem posicionados.

Por outro lado, algoritmos como o Penguin procuram justamente pelos links de baixa qualidade, pois eles podem indicar tentativas de burlar os resultados do Google através da obtenção não natural (seja através de links pagos ou spam).

A empresa Link-Assistant.com, criadora do conjunto de ótimas ferramentas chamado de SEO Power Suite, divulgou um interessante artigo sobre o Penguin 2.0.

No artigo, eles chamaram a atenção para fatores que indicam os tipos de sites cujos links podem ser prejudiciais para seu blog:

  • Sites construídos com o único propósito de gerar links para outros sites, com fins de SEO.
  • Que contenham conteúdo adulto, violento, ilegal etc.
  • Que tratem assuntos irrelevantes para o tema que você trata.
  • Cujo domínio possua PageRank igual a 0 ou não calculado.
  • Que tenham menos de 6 meses de existência.
  • Com um Alexa Rank muito alto (acima de 7.000.000).
  • Que possuam mais de 20 links externos.

A opinião da empresa é radical: se você encontrar backlinks com essas características para seu blog, você deveria contatar o autor e solicitar que o link fosse removido.

O Google também possui uma ferramenta para rejeitar links – que deve ser utilizada com extrema cautela.

Minha posição pessoal sobre o assunto é: só vale a pena tomar essas medidas radicais caso você tenha sido prejudicado após a atualização do Penguin – o que significa que o Google entendeu que você tem backlinks de baixa qualidade para seu blog.

Em situações normais, você não deveria precisar se preocupar com isso.

Conclusão

Se você fez um bom trabalho em seu blog e não tentou utilizar técnicas desonestas para ficar bem posicionado no Google, o Penguin 2.0 não deverá impactá-lo negativamente.

Se houve impacto, o Google encontrou algo errado.

Se isso ocorreu com você, é hora de ter calma e analisar os itens que citei neste artigo.

Caso você saiba o que fez de errado, o melhor é corrigir a situação e evitar cometer novamente esses erros.

A maior preocupação do Google é fazer com que seus resultados sejam confiáveis e relevantes para os usuários.

Ou seja: a intenção deles não é prejudicar quem faz um trabalho correto e honesto, como reclamam alguns quando há atualizações assim.

E você, já sentiu alguma diferença no número de visitas que seu blog recebe do Google?

Que compartilhar sua opinião sobre o Penguin 2.0?

Deixe um comentário!

Sobre o autor | Website

Apaixonada por comunicação. Formada em Jornalismo e blogueira por Hobbie. Atual responsável por este e vários outros blogs de Internet Marketing.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

38 Comentários

  1. Rubens Takiguti Ribeiro disse:

    Adelson, faltou uma "/" no final do link para as "Ferramentas para Webmasters" do Google (tá dando erro 404).

  2. Epifanio Santos disse:

    Oi Adelson, rapaz eu já indiquei teu blog em alguns dos meus artigos. Por exemplo, quando falei sobre "pauta jornalística", abordei que é importante para estudantes de jornalismo possuírem bloco de anotação para não esquecerem possíveis temas que podem gerar uma notícia. Nesse caso, destaquei que isso pode ser feito também por blogueiros, que às vezes ficam sem "pauta" para um novo post. Nesse momento eu linkei, entre alguns blogs, o seu. O objetivo é fazer com que meus leitores conheçam seu trabalho e você, assim, possa notar o meu. Então, de acordo com o que eu li aqui, essa é uma atitude prejudicial pra mim e pra você, ou entendi errado?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Epifanio!

      De forma alguma isso será prejudicial – nem para mim, nem para você. Os links são importantíssimos para a internet e para o Google, por consequência.

      Ruins são os links artificiais, vindos de sites suspeitos ou gerados aritificialmente.

      Pode continuar a indicar meus artigos em seu blog – e sempre serei grato a você por isso.

      Um abraço!

  3. pointdicasdeinformatica disse:

    Aí está uma mudança na qual sinto que trará muitos resultados significativos. Não é difícil encontrar sites muito bem posicionados porém utilizando técnicas reprovadas como black hat. E isso faz com que sites até bem construídos, e utilizando ótimos white hat percam oportunidades de estarem bem posicionados por culpa dos concorrentes que trapaçam.
    A maioria dos itens abordados no artigo não farão muita diferença no meu caso já que meu blog é novo. Porém alguns me chamaram bastante atenção, como a quantidade de links externos. Vou ficar de olho. Estou botando fé no pinguin!

    • Adriano Luz disse:

      Olá!

      Eu também gosto das ações do Google para prejudicar quem se aproveita dos mecanismos para ganhar posições injustamente.

      Nisso, quem ganha é justamente quem produz bom conteúdo e trabalha de forma honesta para conseguir bons links.

      Um abraço!

  4. Sidinei Lander da Silva Pereira disse:

    Opa!!! Algo aí me deixou preocupado, Adelson: "mecanismos que geram uma grande quantidade de comentários automáticos em blogs, fóruns e outros sites." Ou seja, usuários de programas como o finado Buffer e o atual HootSuite podem sofrer sanções?
    Por favor, esclareça este ponto, amigo!

    Abraços

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Sidinei!

      Pode ficar tranquilo: não se tratam dessas ferramentas.

      Há ferramentas criadas para postar comentários automáticos e repetivos em fórums e blogs, com o objetivo de fazer "spam", dissemindo o link repetidas vezes. É isso que o Google procura punir com esta atualização.

      Um abraço!

    • Sidinei Lander da Silva Pereira disse:

      Grato pelo esclarecimento!
      Uma sugestão: seria útil divulgar quais programas o Google está "caçando" de modo a esclarecer e alertar os blogueiros a não fazerem uso desses métodos não adequados…

  5. Eros Silva disse:

    Seu trabalho é de excelência e gosto muito de ler-te .
    Recebi email sobre esta postagem e nada mais justo que melhor classificar nas pesquisas quem realmente produz conteúdo de qualidade como você e staff.
    Abraço e sucesso .

    Eros Silva.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Eros!

      Muito obrigado por seus elogios! Fico muito feliz com eles!

      O grande objetivo do Google sempre será privilegiar quem produz conteúdo relevante. Cabe a nós sempre nos esforçarmos para produzi-lo.

      Um abraço e seja sempre bem vindo!

  6. Rafa | Arruma Blog disse:

    Mais uma atualização dessas e ainda dizem que 'quem muito trabalha é advogado' por ter que ler as 'bíblias' atualizadas repentinamente. Mas acho que toda profissão cria esse hábito (se blog é profissão eu não sei, mas há muitas particularidades que o caracterizam rsrs).
    Agradeço por compartilhar o post pois apesar de já esperado, saber o momento em que nossos números oscilam e a possível causa é fundamental.

    Abraço

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Rafa!

      Minha esposa é advogada e posso confirmar que ela trabalha muito! risos Mas, nós blogueiros também temos muito trabalho a fazer. Em atualizações assim, precisamos ficar de olho para confirmar se não estamos fazendo nada de errado.

      Mas, dificilmente quem trabalha de forma correta será prejudicado pelo Google. Basta seguirmos os preceitos básicos para ter sucesso.

      Um abraço!

  7. Rick disse:

    Nas últimas atualizações as visitas dos meus sites tiverem um leve aumento, com isso penso que estou no caminho certo.

    Gostaria de deixar uma sugestão para um futuro artigo sobre otimização de sites de vídeos. Tenho um site com cerca de 200 posts, onde mais de 150 são posts com vídeos.

    Abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Rick!

      Realmente, isso é um ótimo sinal! Se a cada mudança você ganha mais visitas, significa que visitas perdidas por outros sites estão sendo enviadas ao seu.

      Quanto à sugestão, por favor, registre-a no botão "Sugira um artigo", que fica na parte inferior direita da tela.

      Um abraço!

  8. Miller Alberto disse:

    Olá Adelson !
    Uma dúvida muito constante em minha cabeça é sobre links de parcerias, amigos, recomendados e etc.
    Estes links, geralmente localizados em todas as páginas de nossos blogs podem ter algum efeito negativo com relação às inovações no algorítimo à ponto de punir ambos os blogs pela "TROCA" de links ?

    Obs:
    Notei que ele está usando uma camiseta com o LOGOTIPO DA MOZILA kkk !
    Se não é, parece muito não acham ?

    Excelente artigo e Abraço Adelson !

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Miller!

      A troca de links nunca foi bem vista pelo Google, por ser uma forma de artificialmente conquistar backlinks para seu blog. Mas, se você fizer de forma criteriosa, indicando sites que tenham relação com o seu conteúdo e sem esperar um link de volta, não há nada de errado. Mas, ter um blog com dezenas de indicações para outros, é estranho aos olhos do Google.

      Quanto à camissa do Matt Cutts, trata-se mesmo do Mozilla! Google tem uma longa história com eles (veja em http://en.wikipedia.org/wiki/Mozilla_Foundation).

      Um abraço!

  9. Beth Muniz disse:

    Oi Adelson
    Pelo que percebi no Travessia, em um bom caminho.
    Não houve rebaixamento no número de visitantes, pelo contrário…
    Mais uma vez obrigada pelas dicas e orientações.
    Você é meu TOP! rsrs
    Um abraço.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Beth!

      O fato de você estar recebendo mais visitas do Google é mesmo um ótimo sinal!

      Um abraço e seja sempre bem vinda!

  10. cervejaesalsicha.com disse:

    Adelson,
    muito bom esse artigo esclarecendo para nós a chegada do Penguin. Verifiquei se havia mudado alguma coisa em relação ao meu blog no PageRank Checker e para minha surpresa e alegria subi! Mesmo assim, ficou uma dúvida: qual é o posicionamento do Google em relação aos links gerados pelo Tynt? O que você aconselha: retirar, deixar ou esperar um pouco?
    Um grande abraço,
    Lu

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Lu!

      Que ótima notícia seu PageRank ter subido! Agora, é acompanhar as visitas vindas do Google para avaliar os impactos positivos que isso trará a você.

      Quanto ao Tynt, eu o manteria. Acredito que ele não se enquadra na categoria de ferramentas que o Google vê com maus olhos. Assim, vale a pena manter a proteção que ele traz.

      Um abraço!

  11. Almir Ferreira disse:

    Minha única preocupação com relação aos links é que eu tenho um Tumblr que é uma espécie de continuação do meu blog nesta plataforma alternativa. Sempre que eu publico uma postagem no meu blog no blogger, em coloco um link lá para ajudar a divulgação. Será que esse método é prejudicial?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Almir!

      Essa é uma pergunta difícil de responder. Por muito tempo, eu também mantive um blog similar no Posterous, onde eu gerava links para o Gerenciando Blog.

      Mas, como o que você terá lá é um único link para o seu artigo, não acredito que ele será prejudicial ao seu blog.

      Um abraço!

  12. F. disse:

    Comparar Black Hat com SPAMERS é o mesmo que comparar Hacker com Cracker. Não julgue antes de saber. Uso técnicas black hat e a maioria usa (até mesmo você, sem saber). Black Hat de verdade não faz SPAM, não faz cloacking e nada dessa técnicas mixurucas. Black Hat de verdade traça uma estratégia, gera conteudo de qualidade e links de qualidade. Com o penguin update vi amigos meus que se dizem black hat cairem por fazerem SPAM de links, ridículo, estes tipos que sujam o nome Black Hat!
    Eu já fui assim como muitos, sempre virei a cara para o black hat e achei que quem usava era uma pessoa de má fé e SPAMER, um dia me deparei com um fórum grindo de black hat com muuuitos usuários e a movimentação é enorme, praticamente um dos maiores fóruns que ja vi, a primeira coisa que pensei: SPAMERS! LADRÕES! Eu era um tolo que não sabia nada de SEO…
    Foi então que resolvi me aprofundar no assunto para ver como funciona, ai então fui descobrindo o que é black hat de verdade e separando isto do SPAM.
    Claro que a Google condena o black hat, afinal tem rios de dinheiro rolando por ai, eles não precisam que um zé ninguem esteja rankeado e sim uma grande empresa que vai investir em seus recursos. Sem falar que os spans queimam o filme né?
    Depois de todas alterações incluindo a penguin 2.0 eu não tive NENHUM (de 7 sites) penalizado, todos uso técnicas black hat… Simples, eu uso black hat, mas é black hat de qualidade! Não faço spam, tenho estratégias, sei analisar, definir metas. Nunca tive queda em posicionamento, depois do 2.0 até um site meu saiu da pagina 2 para a 1 para uma keyword que eu estava batalhando para chegar em 1!!
    Eu apoio cada vez mais os updates do google, odeio spans, principalmente estes que sujam o nome do Black Hat.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, F.

      Quem faz essa comparação não sou eu, é o Google. São eles que estão atrás de quem faz web spam e outras técnicas de black hat SEO.

      O que o Google quer é destacar nas pequisas quem tem conteúdo relevante, e não quem sabe as técnicas mais perfeitas de SEO.

      Por isso, seja qual for a técnica de black hat utilizada, o Google não vê isso com bons olhos. E, como já ouvi em um curso de SEO, a pergunta nem é se o Google punirá isso, mas quando isso ocorrerá – porque é certo que um dia a punição virá.

      Um abraço!

  13. soemrondonia.com.br disse:

    Olá Adelson, como vai?

    Mais um ótimo artigo, parabéns mais uma vez!

    Eu tenho duas duvidas, a primeira é quanto ao diHITT, eu devo ter mais de mil links de postagens nele e mais algumas centenas em similares a ele. A dúvida é a seguinte, será que eles são encarados como artificiais pelo Google e podem me prejudicar?

    Outra dúvida é quanto a links que deixo em blogs ou sites que não são do mesmo nicho que o meu, assim como o seu por exemplo, eles podem me prejudicar?

    Muito obrigado pelo apoio mestre!

    Jeferson Vitor Capeleti

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Jeferson!

      Não acredito que esse tipo de link seja prejudicial. São links criados manualmente, e não constituem webspam.

      É difícil dizer com exatidão, pois o Google não divulga detalhes sobre as regras. O melhor a fazer é acompanhar as visitas vindas do Google: se elas caíram nessas últimas semanas, pode ser sinal de que há algo errado.

      Um abraço!

    • soemrondonia.com.br disse:

      Olá Adelson!

      Muito obrigado pela resposta, mais infelizmente eu acho que ela não procede mais. Depois do dia que postei as perguntas o número de link para meu site caiu vertiginosamente, porém as visitas não diminuíram!

      A quantia de visitas vindas pelo Google e outros sites continua igual, porém o número de links diminuiu, por exemplo, no dia em postei as perguntas acima eu tinha mais de mil links no diHitt e agora eu tenho só trezentos!

      Todos os sites que eu tinha backlinks de uma hora para outra diminuíram os números, inclusive os backlinks que apareciam no relatório do "Ferramentas para webmastes" vindo de sites como o seu sumiram, todos os backlinks que eu tinha vindo de seu site por exemplo, que eram doze se não me engano, sumiram!

      Então para finalizar, de um dia para o outro, meus backlinks que passavam de dois mil caíram para pouco mais de quatrocentos.

      Você já observou este problema com outros usuários? É isto também resultado do Penguin 2.0?

      Se puder me ajudar mais uma vez a intender o que esta acontecendo, eu ficarei muito grato. (Lembrando que minhas visitas não caíram)

      Jeferson Vitor Capeleti

  14. Ramiro Alves disse:

    Amigos
    Fiquei com algumas dúvidas a respeito do artigo:
    O site do qual faço parte é destinado a publicar anúncios e ser remunerado por essa tarefa; tem também secções orientadas para outros assuntos variados.
    Vou ser prejudicado em algo?
    O que me aconselham a mudar?
    Grato Ramiro

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Ramiro!

      Só com a descrição que você fez, não parece haver nada de errado. O que o Google passará a punir com mais rigor é o uso de técnicas indevidas para ganhar melhor posicionamento nas buscas. Se vocês não fazem isso, não deverão ser prejudicados.

      Um abraço!

  15. marco disse:

    Adelson, vi no mestre SEO que ele parou de utilizar agregadores de conteúdo pois o google andou punindo esse tipo de divulgação nos estados unidos, aqui no brasil usar agregadores pode trazer baixa de visitas por parte do google como punição (tirando o nivel de rejeição) alguma outra punição pra quem usa agregadores? aos olhos do google é errado?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Marco!

      Esse é um assunto controverso. Mesmo entre os especialistas em SEO, há quem diga que não há problemas em usar os agregadores, outros que não os recomendam por serem entendidos pelo Google como "links de baixa qualidade".

      Por segurança, eu parei de utilizá-los há diversos meses. Como os meus assuntos normalmente não chamam a atenção em agregadores, não perdi muitas visitas.

      Já em caso de blogs de entretenimento, o uso dos agregadores pode compensar. Como cada publicação pode atrair milhares de cliques, isso pode compensar uma eventual perda de posições no Google.

      Um abraço!

  16. visitarnovayork disse:

    Olá Adelson,

    começo por dar os parabéns ao seu artigo.
    Encontrei seu blog faz alguns meses na altura em que procurava informação sobre como criar e desenvolver um blog de sucesso.
    Agora ando à procura de informação para recuperar a perda de 80% de tráfego, que aconteceu com a entrada do penguin.

    Apesar de ler muita informação sobre o tema, necessito de dados concretos que me identifiquem o que causou a perda de posicionamento e o que devo fazer para recuperar.
    Qual o website/empresa que você recomenda?

    Abraço,
    Rui

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Rui!

      Não é simples encontrar essa resposta. É necessária uma análise profunda e cuidadosa da sua situação, para entender o que causou a perda.

      Agências sérias e especializadas em SEO, como a SEO Master e a Agência Mestre podem ser bons apoios para você neste caso.

      Um abraço!

  17. Marcus Vinicius disse:

    Ola Adelson, comecei a trabalhar com blogger de maneira mais esforçada em 2013, estava indo mau ate que conheci algumas tecnicas para conseguir visitas, mas nao sabia ou entendia quais eram boas ou ruins, entre elas gostaria de saber quais me prejudicaram, pois minhas visitas cairam muito. De media de 7500 para 1800 visitas.

    Costumava a usar:
    Dihitt como agregador de links
    Fookseo que me envia muitas visitas que nao sei de onde ou se e um trafego bom.
    Me cadastreis em varios buscadores de meio automatico.
    Estava indo bem, mas tenho que confessar que copiei um post e recebi um aviso da Dmca
    No dia seguinte minha visitas sumiram.
    Perguntei em um forum o porque isso aconteceu e me disseram porque eu tinha um anuncio na minhq pagina acima das postagens e poderia ser penalizaçao do panda.
    Outra duvida tambem e que eu tinha parceiria com alguns bloggers mais fracos isso pode prejudicar também?
    Sei que ainda segundo algumas ferramentas ainda sou pagerank 1, mas minhas visitas sumiram e meus lucros com adsense foi por agua a baixo.
    Estou desesperado atras duma soluçao se ouver, ou meu dominio pode ficar afetado para sempre?

    Sigo suas sugestoes ja a algum tempo, mas nunca me aprofundei neste assunto sobre o pinguim panda e etc.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Marcus!

      Há alguns pontos de alerta no que você relatou:

      – Você nunca deve copiar artigos em seu blog. O princípio básico para ter sucesso é só publicar artigos originais e de qualidade.

      – Cadastros "em massa" nos buscadores são mais negativos do que positivos. Veja aqui no Gerenciando Blog os artigos sobre SEO, que poderão ajudá-lo.

      – Deixa de fazer "parcerias" que se limitam às trocas de banners ou links. Escreva artigos de qualidade e crie links para textos de qualidade, sem pedir nada em retorno. Os links virão naturalmente para você.

      Você pode tentar por mais algum tempo com o seu domínio atual. Caso não tenha resultados, pode mesmo ser melhor recomeçar do zero.

      Um abraço!

  18. Marcus Vinicius disse:

    Obrigado Adelson, so mais uma coisa, existe um codigo de um programa que uso no blogger, que quando algem copia um post meu ele inclue no fim da copia um link para minha postagem orimal, estilo quando se copia algo do baixaki e etc. Isso e uma tecnica ruim?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Marcus!

      Isso pode ser ruim se estiver gerando links de baixa qualidade para seu blog. Imagine, por exemplo, que alguém coloque o link em um site que publique material pornográfico ou ilegal.

      Por isso, não me parece uma boa utilizá-lo.

      Um abraço!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.