monetização Camila Fiori

Criando um mídia kit para o seu blog

Como montar um mídia kit para seu blogMídia kit é o nome do material voltado para os potenciais anunciantes do seu blog, fornecendo informações sobre seu trabalho e os formatos possíveis de anúncios.

Se você pretende vender espaço publicitário em seu blog, você deve possuir um mídia kit.

Neste artigo, você entenderá o que ele deve conter, como obter essas informações e como exibi-lo em seu blog.

Introdução

No artigo 10 dicas para profissionalizar seu blog, eu citei o mídia kit.

Ele é um item importante se você deseja ter um blog profissional, pois ele contém os itens em que, normalmente, seus potenciais anunciantes estarão interessados.

Por isso, se você deseja ganhar dinheiro com seu blog vendendo espaço publicitário diretamente aos anunciantes ou a agências, o mídia kit é essencial.

Não possuí-lo passará a sensação de um trabalho amador, ou de que você não está “preparado para o mercado”.

Nos próximos itens, você entenderá mais sobre o mídia kit e aprenderá a montar você mesmo um para o seu blog. Procurei colocar nesses itens as principais dúvidas que surgem ao montar o mídia kit.

O que um mídia kit deve conter?

De forma geral, o mídia kit deve responder às perguntas que os anunciantes fariam a você:

  • O que é o seu blog? Para responder isso, é importante dizer sobre o que trata seu blog e para quem você escreve os seus artigos. Vale citar quando ele foi criado, os temas sobre os quais você escreve, os prêmios que tenha ganho e o que mais for relevante para mostrar o seu trabalho.

  • Quem é você? O autor é parte fundamental em um blog, por isso é importante você se apresentar. Diga quem você é, em que trabalha, o que estudou. Enfim: tudo o que o capacita como autor.

  • Quem é seu público? Informe quantas visitas você recebe por mês, de onde vem o seu público e todas as informações que você tiver sobre ele, como idade, sexo e classe social. Também é uma boa ideia citar suas redes sociais e o número de membros em cada uma delas.

  • Quais são os formatos e preços de anúncio disponíveis? Este item é essencial no mídia kit. Descreva quais são os tipos de anúncio que você aceita (banners, publieditoriais, divulgação em redes sociais etc.), onde eles podem ser posicionados e qual seu valor. Uma boa ideia é mostrar um “mapa” do seu blog, mostrando graficamente onde ficarão os anúncios.

  • Como contratar os anúncios? Por fim, informe como o anunciante deverá contatá-lo caso deseje contratar um anúncio com você. Vale deixar seu e-mail, telefone ou formulário de contato.

Para ver como tudo isso se junta, veja como exemplo o mídia kit do Gerenciando Blog.

Onde obter as informações?

Uma dúvida para montar o mídia kit é onde você pode obter as informações que farão parte dele. Abaixo estão algumas dicas:

  • O Google Analytics é uma ótima e confiável fonte de informações para diversos itens que compõem o mídia kit. O relatório “Público-alvo / Visão geral” mostrará as “Visualizações de página” nos últimos 30 dias. Se você ainda não usa o Google Analytics, veja o artigo Como configurar o Google Analytics em seu blog.

  • Ainda no Google Analytics, o relatório “Público-alvo / Geográfico / Localização” lhe mostrará os países e estados de origem de seus visitantes. A informação do estado só será necessária caso você tenha um blog de característica regional. 

Informações para montar seu mídia kit
  • A ferramenta mais completa para monitorar o perfil de quem visita seu blog é o Navegg Analytics. Algum tempo após instalá-lo em seu blog (podem ser dias ou semanas, dependendo do número de visitas que você recebe), ele passará a mostrar informações dos seus visitantes, como idade, classe social, sexo e outras. Você aprenderá a instalar a ferramenta em seu blog no artigo Conheça seus visitantes com o Navegg Analytics

Informações para montar seu mídia kit

Como calcular o valor a ser cobrado pelos anúncios?

O preço a ser cobrado costuma ser uma grande dúvida ao montar um mídia kit.

Infelizmente, não há uma fórmula matemática para isso, pois o valor pode variar muito dependendo do nicho do blog, número de visitas, perfil do público e outros fatores.

Há, no entanto, algumas dicas para orientá-lo nesse sentido:

  • No caso de banners, uma possibilidade para você “medir” o preço de um espaço é colocar nele um anúncio do Google AdSense e avaliar quando ele renderá a você. Só valerá a pena você aceitar um anunciante fixo se ele lhe pagar mais do que você obteria com o AdSense pelo espaço.
  • Também vale a pena pesquisar blogs concorrentes, especialmente os que tratem os mesmos temas que você e, preferencialmente, com número de visitantes similares aos seus (o Alexa Rank pode ser útil para essa avaliação). Veja os que possuem mídia kits publicados para ter uma noção dos valores.
  • Após publicar os valores iniciais que você cobrará, é importante você acompanhar a procura pelos anúncios. Se muita gente quiser anunciar pelo valor que você está cobrando, significa que o valor está baixo e você pode aumentá-lo. Se ninguém quiser anunciar, é sinal de que você deve baixar o preço. Com o tempo, você chegará a valores justos.

O mídia kit deve ficar disponível online?

Esta é uma pergunta que não tem uma resposta correta.

Há quem prefira deixar o mídia kit disponível para todos os visitantes (como eu faço) e quem prefira só enviá-lo a quem o solicitar por e-mail.

Neste caso, normalmente é gerado o mídia kit em formato PDF.

A desvantagem dele ficar online é justamente que todos terão acesso a ele – inclusive os seus concorrentes.

Por outro lado, você pode perder anunciantes ao não exibi-lo, por não imaginarem que o valor está fora de suas possibilidades.

Quando criar um mídia kit?

O mídia kit deve ser criado a partir do momento em que você abrir espaços publicitários em seu blog.

O que ocorre é que, no início do blog, é bem mais difícil você conquistar anunciantes diretos.

Por isso, pode valer a pena investir mais tempo em seu blog e só começar a pensar em monetizá-lo após alguns meses de vida.

Conclusão

Com essas informações, você conseguirá montar o seu próprio mídia kit.

Após montá-lo, também é importante realizar atualizações periódicas (a cada 1 ou 2 meses), tanto nas informações de visualizações e perfil do público quanto nos valores dos anúncios.

Outra dica: vale usar a criatividade!

Um mídia kit não convencional, em formato gráfico, pode ser uma ótima forma para chamar a atenção e conquistar anunciantes para o seu blog.

Se mesmo assim você ainda estiver à vontade para fazer isso sozinho, você pode contratar nossos serviços.

Faremos todo o trabalho de levantamento das informações, elaboração e publicação do mídia kit em seu blog.

E você, já tem um mídia kit em seu blog?

Quer compartilhar sua experiência?

Deixe um comentário!

Classifique este post

| Website

Apaixonada por comunicação. Formada em Jornalismo e blogueira por Hobbie. Atual responsável por este e vários outros blogs de Internet Marketing.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

4 Comentários

  1. Edigley Alexandre disse:

    Olá, Adelson!

    Devia ter esperado este artigo antes de criar um mídia kit para o meu blog. A maioria das dicas já conhecia, mas o site Navegg Analytics não conhecia e me teria me ajudado muito. Mesmo assim vou utilizá-lo para levantar novos dados.

    Um abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Edigley!

      O Navegg cai mesmo como uma luva para obter as informações para o mídia kit! O melhor é que ele fornece isso gratuitamente. Vale a pena conhecer!

      Um abraço!

  2. Caio Albuquerque disse:

    Olá Adelson!

    Muito interessante seu artigo! Realmente temos de calcular bem o preço de anúncios.
    Gostei bastante da ideia de colocar um banner do adsense para calcular. Quando li, me pareceu óbvio e pensei "Como nunca pensei nisso antes?", mas essa dica que pode parecer simples pode ajudar e muito na hora de monetizar seu blog.

    Um Abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Caio!

      Gosto de usar essa técnica de obter o valor estimado com o AdSense porque é a melhor forma para obter um "valor de mercado" para um espaço no blog.

      Um abraço!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.