Dominio: gerenciandoblog.com.br
Chave: 00e39a4dc6309327334fa422703bddd1e83c509f
Hora do cache: 1490275097
Vida do cache: 1490534296
Status: 1
Mensagem: Licença válida
Chave do Pedido: 11808bbc6205bade68f0b70c302eaa74d4305945
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top

Hospedagem - 728 x 90

publicação

5 tentações que você deve evitar em seu blog

Tentações que você deve evitar em seu blogDurante sua vida de blogueiro, você se deparará com situações de extrema tentação – mas que devem ser evitadas a todo custo.

Veja neste artigo algumas dessas situações e entenda porque elas podem ser prejudiciais ao seu trabalho.

Introdução

Tentação é um estímulo ou indução a um ato que pareça atraente, ainda que seja inapropriado ou contradiga alguma norma ou convenção social sendo, consequentemente, proibido”.

É isso o que nos diz a Wikipedia sobre o assunto.

É uma ótima definição da palavra! Ela serve para muitas coisas na vida – e também para seu blog.

Afinal, pense nas situações tentadoras pelas quais você já não passou referentes ao seu blog! São verdadeiros testes de caráter e integridade.

Não é fácil resistir às tentações. Confesso que eu mesmo, ao longo de meus 5 anos, já cedi a algumas delas em algum momento.

Mas, a moral da história é bem clara: elas não compensam.

De uma forma ou de outra, você sairá prejudicado, mesmo que isso demore para acontecer.

Nos próximos itens, citarei cinco tentações que acredito serem bem comuns e atraentes. Você entenderá facilmente porque não deve ceder a elas.

1ª tentação: Clicar nos próprios anúncios

Esta é uma das maiores tentações para quem tem um blog e começa a utilizar o Google AdSense ou outro programa de exibição de anúncios que pagam por clique.

Normalmente, o número de cliques é baixo no início e o valor acumulado a cada dia é ínfimo.

Esse é o momento em que o diabinho aparece em seu ombro e sussurra em seu ouvido: “Dê um clique no seu anúncio e você verá que nada acontecerá de ruim.” Se você ceder a essa tentação, será o seu fim.

Logo, você estará clicando neles todos os dias.

O castigo para isso é um só: você terá sua conta do AdSense cancelada e nunca – repito, NUNCA –  mais poderá utilizar o programa novamente.

E não adianta você bolar métodos mirabolantes para dar os cliques sem o AdSense perceber. O Google sempre estará um passo à sua frente e descobrirá a sua fraude.

2ª tentação: Vender links dofollow

Esta tentação costuma surgir para quem já tem mais tempo na estrada.

Você recebe um e-mail de alguém solicitando anunciar ou publicar um artigo patrocinado em seu blog. Até aí, não há problemas.

Mas, há um pequeno detalhe: o artigo deve possuir um único  link “dofollow” para o site do anunciante.

O Google proíbe expressamente a venda de links “dofollow”. Veja isso no artigo https://support.google.com/webmasters/answer/96569?hl=pt-BR, na seção “Links pagos”.

Justamente para isso existe o recurso do “nofollow”, que mostrei no artigo O que é Nofollow?.

Caso você não siga essa orientação, a punição pode ser a perda de posições de seu artigo nos resultados do Google, ou mesmo o seu banimento.

Vale a pena arriscar isso?

Nesse ponto, você também pode pensar: “o Google nunca descobrirá isso!”

Realmente, pode ser que não descubra.

Mas, você sabia que qualquer pessoa pode denunciar ao Google a violação dessa regra?

Imagine se um concorrente ou desafeto seu encontra esse link e o denuncia ao Google!

Minha recomendação: diga claramente ao potencial anunciante que você não vende esse tipo de links e que, se fizesse isso, vocês dois seriam prejudicados.

3ª tentação: Excluir comentários com críticas sobre seu trabalho

Imagine a situação: você escreve aquele artigo caprichado, que levou horas de pesquisa e elaboração.

Publica-o orgulhoso do resultado final e espera pela reação dos seus leitores.

Aí chega o problema: vem aquele comentário de alguém dizendo que o artigo ficou confuso, ou que é algo que todos já sabiam e nada acrescentou.

A dúvida paira em sua cabeça: deixar ou não publicado?

Minha recomendação é: publique-o! E responda (educadamente) explicando os pontos levantados pelo comentarista.

Pode ser um exercício interessante para ajudá-lo a melhorar o seu trabalho.

Publicar comentários negativos mostra que você tem transparência com seus leitores e que sabe aceitar críticas.

Só não faço a publicação quando se tratam de comentários ofensivos, sejam para mim ou para outros comentaristas.

4ª tentação: Comprar seguidores, likes e afins

Esta é outra tentação séria. Quem nunca recebeu por e-mail uma proposta de “pacote de likes” ou coisas parecidas?

“Pague R$ 50 e ganhe 1.000 fãs em sua página do Facebook”.
“Pague R$ 20 e ganhe 500 seguidores no Twitter”.

Você só deve pagar por um pacote desses se cumprir 3 condições: quer enganar a si mesmo, quer enganar seus leitores e quer jogar dinheiro fora.

Se não é esse o seu caso, não caia nessa tentação.

Em 99% dos casos, tratam-se de números artificiais, atingidos com perfis criados apenas para essa finalidade e que não trarão nenhum benefício ao seu blog.

Ou seja: isso não trará interação nem visitas à sua página.

O pior é que isso gera uma ilusão para seus leitores, que se impressionam com os índices do seu blog ou página.

Ou seja: você está sendo desonesto justamente com quem deveria ser o aspecto mais valorizado em seu trabalho. A Samanta escreveu um ótimo artigo sobre o assunto em seu blog: Comprar Seguidores e Fãs para seu perfil, blog ou site vale a pena?

Note que isso é diferente de você fazer anúncios pagos no Facebook.

Quando você anuncia, simplesmente paga pela exibição da sua página ou blog, buscando atrair a atenção de pessoas reais e que estejam interessadas em seu trabalho.

5ª tentação: Burlar os  contadores de visitas

Este é um item similar ao anterior, mas relacionado aos contadores de visitas.

Particularmente, eu nem gosto de exibir contadores de visitas no blog.

Para o leitor, eles não interessam. Por isso, prefiro ferramentas como o Google Analytics, me mostram esses dados apenas para mim.

Mas, se você deseja colocá-los em seu blog, é uma decisão sua.

O ruim – e desonesto – é você encontrar meios para burlar os contadores e gerar dados falsos. Isso pode ser feito das mais variadas formas, seja visitando você mesmo suas páginas diversas vezes, encontrando formas para aumentar o número mostrado ou utilizando ferramentas de autosurf, que geram visitas automáticas e robotizadas.

Além de ser algo antiético, isso pode até lhe trazer problemas, em vez de benefícios. Por isso, evite enganar a si mesmo e a quem admira seu trabalho.

Conclusão

Espero ter conseguido mostrar que não vale a pena cair nessas tentações – nem em outras saídas “fáceis e rápidas” com as quais você tenha se deparado.

Vale muito mais a pena ter uma página no Facebook com 50 fãs que interagem, curtem seus artigos e escrevem comentários, do que outra com 1.000 fantasmas virtuais que nem sequer existem.

Espero que o artigo sirva como um exame de consciência para você avaliar os seus atos.

Caso você já tenha caído em algumas delas, a solução é simples: arrependa-se e prometa que nunca mais na vida voltará a fazer isso novamente.

Caso pareça tempo demais, deixe de fazer isso ao menos no dia de hoje – e repita esse processo a cada novo dia. 🙂

E você, o que pensa sobre o assunto?

Quer utilizar o espaço para fazer sua confissão?

Ou então para levantar outras tentações que eu não tenha citado?

Basta deixar um comentário!

Imagem de tentação via Shutterstock

5 tentações que você deve evitar em seu blog
5 (100%) 1 vote


De um play no vídeo abaixo e aprenda a Criar blogs Profissionais




Gostou deste artigo? Ajude nosso projeto.
Compartilhe em suas redes sociais nos botões abaixo:

Sobre o autor | Website

Especialista em Marketing Digital, presta Consultoria e auxilia diversos clientes. Amante por blogs, é responsável pela administração dos blogs Afiliados na web, Gerenciando Blog e Mundo Blogger.

34 Comentários

  1. Epifanio Santos disse:

    Excelente!

    Adelson, uma tentação ainda maior é criar um blog achando que vai ganhar dinheiro repentinamente, sem leitores e sem trabalhar. Afinal, a ideia vendida por muitos é que não se trabalha e ganha muito dinheiro. Balela!

    A luta é árdua e cansativa. Além disso, é preciso estudar. O próprio Google ensina muita coisa, basta querer aprender.

    Embora fuja um pouco do tema principal, acho que blogueiros iniciantes devem evitar cofiar nos 'gurus'. É impressionante como querem ganhar dinheiro vendendo porcarias!

    Grande abraço

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Epifanio!

      Realmente, você lembrou de uma grande tentação, especialmente para quem está começando. Afinal, quem não é atraído pelo dinheiro fácil?

      E concordo com seu ponto de vista: é necessário ter cuidado para escolhir quem seguiremos.

      Um abraço e obrigado por complementar o artigo!

  2. Fabio Alves disse:

    Tem razão Adelson, nada melhor que fazer um trabalho honesto e desenvolvido a partir do seu próprio esforço. obrigado

  3. Ronaldo disse:

    Muito bom o post. Parabéns.

  4. Bruno Bezerra disse:

    Olá Adelson!

    A 3ª tentação ainda levanta bastante discussões, pois críticas construtivas são levadas (por alguns blogueiros) como uma ofensa, ou ainda, usuários ''mal-intencionados'' xingando uma postagem sem algum motivo específico, são esses os fatores que devemos levar mais à fundo, pois, existe a diferença entre crítica e xingamento. Se comentam com palavrão, o comentário é instantaneamente deletado, pois trata-se de um comentário que não agrega valor à discussão, se comentam uma postagem com uma crítica construtiva ou motivacional, o dono do conteúdo deve levar na seriedade, pois pode acrescentar valor ao conteúdo do blog, assim, formando mais uma ideia que poderá ser compartilhada.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Bruno!

      Concordo com o seu ponto de vista. Infelizmente, há os comentaristas mal intencionados, que não tem interesse algum em colaborar com o blog. Quando o comentário é ofensivo, não vejo mesmo porque publicá-lo.

      Um abraço!

  5. Edigley Alexandre disse:

    Olá, Adelson! Tudo na paz? Espero que sim.

    O tópico da 3ª tentação é o que mais de chamou a atenção.

    Recebo muitos comentários que discordam do meu ponto de vista que escrevi artigos. Até aí tudo bem. Publico todos. O problema maior é quando algumas pessoas agem de maneira deselegante.

    Não sabem criticar de forma construtiva. Ofendem sem mesmo usar uma palavra de baixo calão. A tentação de excluir estes comentários é imensa, mas penso duas vezes e publico. Logo em seguida escrevo uma resposta bem fundamentada e educada.

    Parece que este tipo de resposta sensata e educada, os irritam mais e eles acabam desistindo de replicar.

    Um abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Edigley!

      Tudo em ordem por aqui! E você, como está?

      Sei muito bem do que você está falando! Alguns minutos atrás eu estava lidando justamente com um comentário desse tipo, em que a tentação de não publicá-lo é gigantesca! Pior ainda foi o autor ficar indignado por eu não ter publicado seu comentário – sendo que eu já o havia respondido e ele também, logo na sequência.

      Esse é o momento em que precisamos respirar fundo, contar até 10 e escrever uma resposta como a que você recomenda, sensta e educada. Concordo com você que essa é a melhor "arma" que temos em mãos para agir contra isso.

      Grande agraço!

  6. Almir Ferreira (Panorâmica Social) disse:

    Olá Adelson,
    Fico feliz em saber que não sofro com nenhuma das tentações enumeradas, sinal de que estou indo bem rs.
    Em compensação, eu tenho uma tentação que me incomoda bastante, e apesar de não ser um "crime", vou confessar aqui: eu sou um trocador compulsivo de templates.. rsrsrs.
    As ofertas são tantas, cada um mais bonito e eficiente do que o outro, que eu não resisto, sempre troco o layout do meu blog.
    Mas isso é tão trabalhoso (pelas customizações que devem ser feitas) e afetam tanto a identidade dos leitores com o blog, que eu já me prometi que só vou mudar o template pelo prazo de um ano — que pra mim já é uma eternidade rsrs.
    Grande abraço.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Almir!

      Que ótimo que você tenha passado sem problemas por essas tentações! Não precisará fazer penitência após o arrependimento. rs

      O ponto que você citou é realmente uma tentação em que muitos caem! E você já sabe bem os problemas que isso causa. O mais complicado é mesmo não permitir a fixação da identidade visual pelos leitores, que podem ter a sensação de sempre estarem em um blog diferente.

      Um abraço!

  7. TK Azevedo disse:

    Olá Adelson, como sempre um excelente artigo em um dos melhores blogs que é o Gerenciando Blog. Também acredito que poderia ser acrescentado mais uma tentação aí chamada Plágio, que muitos blogueiros no começo não resistem a copiar artigos de outros blogs.

    Grande abraço.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, TK!

      Realmente, o plágio é uma grande tentação a que muitos sucumbem, sejam iniciantes ou veteranos. E isso é terrível, tanto para quem copia quanto para quem é copiado.

      Um abraço!

  8. Edinir-Croche disse:

    Olá Adelson
    Muito legal e bem explicada essa sua postagem
    Espero que elas nunca faltem instruindo cada vez mais
    os seus seguidores como eu, que graças ao seu blog
    tenho aprendido coisas importantes e interessantes.
    Sucesso a voce e mais uma vez obrigada pelas dicas.
    Edinir-Croche

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Edinir!

      Que ótimo vê-la por aqui! Fico feliz em saber que esteja gostando dos artigos!

      Um abraço e sucesso para você também!

  9. Jessika Fernandes disse:

    Olá, Adelson.!
    Seu artigo foi excelente, como todos os seus artigos são. Realmente a 3 ª tentação é terrível, principalmente quando criticam sem nem ao mesmo ter ido a fundo no que estamos mencionando, sem ter conhecimento total daquilo o que estamos citando no post. Concordo com você, devemos sim aceitar o comentário que discordam da nossa opinião e ainda tratar o comentarista com educação, isso mostrará que somos bons profissionais e isso aumentará nossa credibilidade.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Jessika!

      Essa é mesmo uma tentação difícil de resistir, especialmente quando a crítica é feita sem conhecimento do assunto.

      Mas, a resposta educada é a melhor solução nesse caso. Já vi blogs em que um simples comentário transforma-se em uma briga aberta entre o autor e o comentarista – o que é péssimo.

      Um abraço!

  10. Rodrigo Santos disse:

    Show! Adorei o artigo e ainda acrescento mais duas bobagens: Relógio no Blog e Rádio. hehehehe. Abraços!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Rodrigo!

      Bem lembrado: adicionar gadgets inúteis ao blog é outra tentação à qual muitos sucumbem. Além do relógio e do rádio – que são clássicos exemplo disso – junto também os peixinhos para alimentar e o hamster para brincar. 🙂

      Um abraço!

  11. Samanta Sammy disse:

    Olá Adelson, tudo bem? Adorei o artigo!!! sem dúvidas estas são grandes tentações que sempre estão em nosso caminho na blogosfera!
    Felizmente nunca caí em nenhuma delas, ufaaa!!! Mas já caí em uma armadilha creio eu, acho que ´nome mais apropriado que é com relação a comentários ofensivos… Quando apenas discordam, com educação, eu publico, respondo e já fiz muitas melhorias no blog baseadas nestes comentários mas… quando vem os xingamentos, ofensas etc, eu já caí na tentação de discutir, me rebaixar ao mesmo nível. O resultado é claro, foi terrível, os leitores ficaram constrangidos naquele "clima" e no final, não chegamos a lugar nenhum, nem eu, nem os abusados. Depois disso, optei por não publicar mais este tipo de coisa, só vai ao ar mesmo os que, como você mencionou, são críticas construtivas que são expostas de forma adequada e podem ser úteis no debate 🙂
    Agradeço muito por citar o meu artigo! espero que seus leitores gostem e que, não caiam na tentação de comprar seguidores. Concordo contigo, é melhor ter meia dúzia de leitores que realmente gosta do blog, compartilha e participa do que milhares que sequer entram no blog… 😉

    Ótimas dicas, com certeza são super importantes e úteis para todos nós blogueiros 🙂
    Grande abraço!!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Sam!

      Tudo bem comigo, e com você?

      Que ótimo saber que você gostou! Você é expert em escrever ótimos puxões de orelha para nós, blogueiros, então sua opinião é muito importante!

      Uau! Você nunca se rendeu a nenhuma dessas tentações? Eu já… rs

      Mas, essa de discutir com um comentarista mal educado é mesmo uma ideia ruim. Essa é a hora de respirarmos fundo, contarmos até 10 e só então responder, da forma mais educada possível. Não é fácil, mas é o melhor a fazer.

      E fiz questão de citar o seu artigo! Ele aborda muito bem o tema!

      Abraço e ótimo finzinho de semana!

  12. tonyrson maia disse:

    Bom muito bom artigo, essas situações passam realmente em nossas cabeças principalmente em inicio de profissão "blogueiro" kkkk mais eu nunca burlei estas etapas. mais isso serve de alicerce para todos nos que queremos um dia firmamos como profissionais da web blog.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Tonyrson!

      Parabéns por ter resistido a todas essas tentações! O objetivo do artigo é justamente mostrar que não vale a pena cair nessas tentações. Por mais que haja um ganho momentâneo em alguns casos, o resultado final é sempre desastroso.

      Um abraço!

  13. Mendigo Virtual disse:

    Concordo com o artigo Adelson, mas faltou uma tentação: Colocar propagandas de venda de ebooks de pessoas que "dizem" que ganham milhares de reais com a internet….
    Sei que sou polêmico, mas essa é minha opinião….Só acredito nestes ganhos, se eles mostrarem o depósito em conta corrente, fora isso, tudo na informática é "manipulável"….Até seguidores de facebook……….

    Grande Abraço do Giuseppe……..

  14. Lady Sybylla disse:

    6º – Usar gifs animados, purpurinados, ou música que toca automaticamente com a abertura da página.

    Sério, vejo blogueiros que acham isso "bonitinho" e lotam a página, sem saber que afastam correndo todo mundo que chegar ali.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Sybylla!

      Você tem razão! E isso parece ser muito tentador! Vejo tantos blogs dessa forma. Talvez o autor não perceba o quanto isso é prejudicial ao seu trabalho.

      Um abraço e obrigado pela dica!

  15. Romirys Cavalcante disse:

    Olá Adelson Smania!

    Ótimo artigo, realmente são tentações que todo blogueiro, um dia vai se deparar, assim penso. Eu já passei por duas dessas tentações que foi a de clicar nos próprios anúncios e a de manipular os contadores de visitas, mas graças a Deus e a um pouco de conhecimento do real sentido de ter um blog, não fiz essas besteiras rsrsrs.

    Quanto aos comentários "indesejados" acho que isso ai é geral, sempre vai existir aquele leitor que não vai com sua cara e vai fazer questão de criticar o seu trabalho, por mais que nem saiba ao certo o que está falando. Cabe a nós sabermos lidar, como você e o prof. Edigley bem falaram, educadamente com cada situação.

    Um grande abraço e até o próximo ótimo artigo aqui no GB.

    Att. Romirys Cavalcante

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Romirys!

      Acredito que sejam poucos os blogueiros que nunca tenham cedido a nenhuma dessas tentações. O importante é mesmo ter consciência do prejuízo que isso traz e nunca mais cair novamente.

      Um abraço e até a próxima!

  16. Geraldo disse:

    Olá Adelson, boa tarde..

    A primeira é que mais me tentava.. mas como resisti .. nunca mais..

    Agora, a terceira.. está explicita na minha política de privacidade que comentários ofensivos a honra não serão publicados.. e acredite, mesmo um blog pequeno como o meu, tem comentaristas que fazem pesadas criticas..

    Gostei muito do teu artigo, sou leitor fiel, mas não comentarista frequente..

    Abraço

  17. Cupom de desconto disse:

    Show de bola, a manipulação do contador é velha e não funciona mesmo. incrível quando entramos em um site que não possui poder social (sem curtida alguma) porém milhares de visitas no contador, Perde totalmente a credibilidade.

  18. Fabrício Gomez disse:

    EU confesso que na primeira tentação eu cai, mas não exatamente eu, mas eu pedia cliques para alguns amigos, o resultado foi um desastre.

    Eu tive minha conta excluída logo quando tinha feito um investimento num pacote de links no Ocioso. Acabei usando a Boo Box para não sair totalmente no prejuízo, mas foi inevitável!

    Mas apesar de tudo ruim, me fez olhar com outros olhos para o programa de afiliados.

    Até mais!

  19. Wybson Santana disse:

    Olá Adelson,

    A tentação de clicar nos próprios anúncios eu até contive, porém dois amigos meu fizeram essa "sacanagem" comigo. Clicaram propositalmente nos anúncios do meu blog, e o resultado foi um belo banimento do Adsense. Já mandei duas apelações em um intervalo de dois meses e nada. Acho que nunca mais terei minha conta de novo. Agora estou utilizando o UOL Cliques e já pedi para NÃO CLICAREM NOS ANÚNCIOS PARA TENTAR ME AJUDAR. Tenso!

    Seguindo esse tópico tem a tentação de colocar um anúncio a cada 100 palavras achando que vai gerar mais $$.

    Abraços!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
Quer aprender como R$173.571,73 como Afiliado em 4 meses?Quero Assistir o Vídeo!