Dominio: gerenciandoblog.com.br
Chave: 00e39a4dc6309327334fa422703bddd1e83c509f
Hora do cache: 1513119983
Vida do cache: 1513163183
Status: 1
Mensagem: Centive nao respondeu
Chave do Pedido: 11808bbc6205bade68f0b70c302eaa74d4305945
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top

Hospedagem - 728 x 90

Google SEO

Usando as Ferramentas do Google para Webmasters para encontrar melhorias para seu blog

google-logoAs Ferramentas do Google para Webmasters analisam constantemente o seu blog e monitoram os artigos que você publica.

Veja as melhorais que elas podem detectar e como implementá-las.



Introdução

Você já conhece as Ferramentas do Google para Webmasters?

Se ainda não conhece, deveria. Elas fornecem uma série de recursos importantes que o ajudarão a deixar seu blog mais adequado ao que o Google espera.

Eu já falei sobre elas no artigo Ferramentas do Google para Webmasters: Sitemaps.

Por isso, ser você ainda não as conhece, comece por esse artigo: faça o seu cadastro e configure os sitemaps para o seu blog.

Esses são os passos inicias e necessários para que você possa seguir as demais instruções deste artigo.

Assim que você cadastrar seu blog, o Google passará a monitorar os novos artigos que você escreve em seu blog.

Com o tempo, ele lhe dará dicas para otimizar os pontos que não estão condizentes com o que o Google espera do seu blog.

É importante corrigir os erros apresentados, pois você terá mais chances de ficar bem posicionado nos resultados das buscas.

Neste artigo, você verá algumas das melhorias que são identificados pelas Ferramentas para Webmasters, e como corrigi-las em seu blog.

Onde ver as melhorias

Para encontrar as indicações de melhorias, basta seguir os passos abaixo:

1. Acesse as Ferramentas do Google para Webmasters.

2. Clique sobre o nome do seu blog.

 

Ferramentas do Google para Webmasters - Melhorias de HTML

3. No menu lateral esquerdo, vá até a opção “Aspecto da pesquisa” / “Melhorias de HTML”.

 

Ferramentas do Google para Webmasters - Melhorias de HTML

4. As eventuais melhorias que o Google encontrar serão mostrados na área à direita da sua tela. Abaixo está um exemplo de tela mostrando melhorias:

 

Ferramentas do Google para Webmasters - Melhorias de HTML

Note que quando houver alguma melhoria detectada (como os casos destacados em vermelho), os itens transformam-se em links, sendo possível clicar neles para ter mais detalhes. Veja um exemplo abaixo:

Ferramentas do Google para Webmasters - Melhorias de HTML


Melhorias que podem ser mostradas e como implementá-las.

1. Meta descrições duplicadas

Eu falei sobre as meta descrições no artigo SEO no Blogger: Metatags.

Elas são úteis ao Google para indicar uma descrição que deve ser mostrada ao leitor quando uma postagem sua aparecer nos resultados.

Se você está recebendo o aviso de meta descrições duplicadas, há basicamente duas possibilidades:

  • Você está preenchendo a mesma descrição em diversos artigos do seu blog. É importante que cada artigo tenha sua própria descrição, diferente de todas as demais do seu blog. Veja no artigo indicado acima onde você preenchê-la.
  • A metatag “description” está fixa no HTML do seu template. Neste caso, você deve removê-la, e passar a utilizar o recurso indicado no artigo. Veja mais informações sobre isso no artigo Quais metatags devo utilizar em meu blog?

2. Meta descrições longas

O Google tem um tamanho máximo que ele consegue exibir da meta descrição. Ele está por volta de 150 caracteres, podendo variar um pouco para mais ou para menos.

Por isso, o ideal é que as descrições de suas postagens tenham, no máximo, 140 caracteres.

A solução para este caso é avaliar quais são as postagens mostradas pelas Ferramentas e editar suas descrições.

3. Meta descrições curtas

O Google também critica quando você preenche uma descrição muito curta (abaixo de 50 caracteres).

A solução é a mesma do item anterior: editar as postagens indicadas e preencher uma descrição entre 50 e 140 caracteres.

4. Títulos ausentes

Eu nunca vi nenhum blog apresentar este problema. Ele ocorrerá se alguma página do blog não tiver a tag <title>, indicando seu título.

Se houver alguma indicação desse erro em seu blog, verifique quais são as páginas indicadas. Se o título estiver preenchido corretamente, é bem provável que haja algum erro em seu template que precise ser corrigido.

5. Títulos duplicados

Este problema será indicado caso haja mais de uma postagem do seu blog que contenha o mesmo título. O correto é que um título nunca seja repetido em mais de uma página do seu blog.

A solução é verificar quais são as postagens com título duplicado e editar o Título de uma delas, para ficarem diferentes entre si. Outra possibilidade é que se tratem de postagens duplicadas, e nesse caso uma delas deve ser excluída.

6. Títulos longos

O tamanho máximo de títulos que o Google mostra em seus resultados está por volta de 60 caracteres. Por isso, ele pode criticar suas postagens caso elas excedam esse valor. Para ficar ainda mais seguro, o ideal é evitar títulos maiores que 55 caracteres.

A solução é simples: se houver postagens indicadas nesse item, edite seus títulos e mantenha-os no limite recomendado.

7. Títulos curtos

Da mesma forma, também não é interessante ter títulos muito curtos em suas postagens. Títulos menores que 40 caracteres podem não chamar tanta atenção do visitante.

Caso alguma postagem sua seja indicada, edite seu título e mantenha-o entre 40 e 55 caracteres.

8. Títulos não informativos.

Confesso que nunca vi nenhuma postagem sendo mostrada nessa categoria – e não encontrei nenhuma orientação do Google a respeito.

Se alguém estiver tiver itens indicados nessa categoria, me informe por comentário e ajudarei a avaliar o caso.

A situação ideal

A melhor situação será quando você conseguir ver a mensagem abaixo ao entrar na área de “Melhorias de HTML” do seu blog.

Quando ela for exibida, significa que nenhuma de suas postagens apresenta os problemas citados nos itens anteriores. Se esta for sua situação, parabéns!

 

Ferramentas do Google para Webmasters - Melhorias de HTML


Conclusão

Vale a pena você investir tempo para analisar e corrigir as situações mostradas na área de “Melhorias de HTML” das Ferramentas do Google para Webmasters.

As orientações dos itens anteriores o ajudarão nisso.

Caso você tenha em seu blog alguma situação que não se enquadre nesses itens, deixe um comentário e procurarei ajudá-lo.

Usando as Ferramentas do Google para Webmasters para encontrar melhorias para seu blog
5 (100%) 1 vote


De um play no vídeo abaixo e aprenda a Criar blogs Profissionais




Gostou deste artigo? Ajude nosso projeto.
Compartilhe em suas redes sociais nos botões abaixo:

Sobre o autor | Website

Especialista em Marketing Digital, presta Consultoria e auxilia diversos clientes. Amante por blogs, é responsável pela administração dos blogs Afiliados na web, Gerenciando Blog e Mundo Blogger.

36 Comentários

  1. Joanir Rocha Pidorodeski disse:

    Como sempre, muito bom os artigos. Tenho uma dúvida relacionada a essa ferramenta do google: alterei meu domínio blogspot para um personalizado. Na ferramenta para webmasters, aparecia listado meu antigo endereço, mas não o novo. Então, adicionei o novo endereço e criei o sitemap a ele, para o google endereçar as postagens com o o novo endereço e não com o blogspot (removi o sitemaps do endereço antgio).
    Fiz o certo? Devo remover o antigo endereço da lista?
    Obrigado

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Joanir!

      Você fez o procedimento corretamente. Isso garantirá que as suas novas postagens sejam sempre indexadas.

      E não há problemas em manter o antigo endereço lá.

      Um abraço!

  2. André Rezende Azevedo disse:

    Adelson, no meu caso, aparecem 15 duplicadas. Mas clicando no link, não consigo entender o que o Webmaster quer dizer. Aparece uma relação de páginas dessa forma:

    /2014_01_01_archive.html

    que na verdade são páginas de "procura", tipo: http://www.viagemlenta.com/2014_01_01_archive.html

    Os posts que aparecem nessas listas não possuem nem de longe as mesmas descrições.

    Vc sabe como resolver?

    Abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, André!

      Você pode resolver essa situação seguindo os passos do artigo SEO no Blogger: Tags de robôs personalizadas. Lá, eu mostro como fazer a configuração para que essas páginas de buscas não sejam indexadas pelo Google.

      Mas, alerto que pode demorar bastante tempo até que elas saiam do índice do Google.

      Um abraço!

    • André Rezende Azevedo disse:

      Adelson, muito obrigado! Entendi como se faz. Mas uma pergunta… Se o Google vê essa dupla indexação como um problema, por que o padrão de indexação das páginas de pesquisas já não é o "no follow"? Têm tantos avisos para tomar cuidado antes de mexer nisso…

      Abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, André!

      Não sei dizer. Há algumas configurações do Blogger que poderiam ser muito melhores por padrão, mas infelizmente não são assim. Sai na frente quem tem a iniciativa de alterá-las para deixar o blog da forma mais otimizada possível.

      Um abraço!

  3. Zélia Dantas disse:

    Olá Adelson!
    E quando aparece a mensagem "Não há dados disponiveis" ?

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Zélia!

      Isso significa que o Google ainda não tem informações suficientes sobre o seu blog para lhe dar sugestões.

      É necessário aguardar até que elas sejam exibidas.

      Um abraço!

  4. Marc Ferr disse:

    Mais um excelente artigo de fácil entendimento para os menos experientes. Parabéns novamente pelo excelente trabalho.

  5. Fernanda Scafi disse:

    Acabei de comentar em outro post que não consigo ter acesso à várias coisas, inclusive essa "melhorias de HTML", aparece uma mensagem assim "Não há dados disponíveis. (Por que não?)" e não entendo nada da explicação do google quando clico no "pq não"…

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Fernanda!

      Essa mensagem aparece quando o Google ainda não tem informações suficientes sobre o seu blog para propor melhorias. Elas podem mesmo demorar a aparecer.

      O que pode ajudar a fazer com que elas apareçam mais rapidamente é obter mais tráfego para o seu blog (divulgando-o em redes sociais e outros blogs, por exemplo), para que o Google acesse-o com mais frequência.

      Um abraço!

  6. Zélia Dantas disse:

    Oi Adelson, desculpe a insistência, mas não tenho mais onde recorrer. Acontece que o Google está colhendo informações separadas e divergentes do mesmo blog (uma url que termina em .com e outra que termina em .com.br), sendo que a primeira tem todas as informações e mais erros nas ferramentas para webmaster. Eu não mudei o endereço do blog. Não consigo encontrar ajuda. Você poderia me indicar algo?
    Sempre grata!
    Zélia Dantas

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Zélia!

      Acredito que isso tenha ocorrido após o Blogger ter mudado os domínios no Brasil para .blogspot.com.br.

      Mas, pelo que vi aqui, seu blog continua sendo indexado pelo Google com a terminação blogspot.com. Por isso, é esse o site que você deve selecionar ao entrar nas Ferramentas, e só fazer a análise nele.

      Um abraço!

  7. Almir Ferreira (Panorâmica Social) disse:

    Olá Adelson,

    Fiquei com uma dúvida, e queria saber se pode me esclarecer por favor.

    Minha "Melhorias de HTML" acusou 38 títulos duplicados. Nos detalhes eu vi que a única diferença entre os 38 títulos duplicados era um pequeno trecho no final do link das postagens repetidas, que terminam todas com "?m=0".
    Pesquisando as postagens no painel do blogger, não existe nenhuma postagem duplicada. Alguma ideia de como essas postagens com links que terminam em "?m=0" podem ser removidas?

    Grande abraço e obrigado por mais essa preciosa dica.

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Almir!

      O m é o parâmetro que o Blogger utiliza para definir se exibirá a página para celular (?m=1) ou a página normal para desktop (?m=0).

      Há uma forma de dizer às Ferramentas para ignorar essa diferença entre as páginas (já que o conteúdo é o mesmo):

      – Acesse a opção "Rastreamento" / "Parâmetros de URL".
      – Veja se o m já existe na lista. Se existir, clique em "Editar". Se não, clique no botão "Adicionar parâmetro" e preencha a primeira caixa com a letra m.
      – Selecione a opção "Não, ele não afeta o conteúdo da página".
      – Clique em "Salvar".

      Isso deve solucionar o seu problema.

      Um abraço!

    • Edigley Alexandre disse:

      Olá, Adelson!

      Desconhecia estas configurações, quer dizer, não tinha segurança em alterar. Você recomenda eu aplicar quais alterações nesta área?

      Abraço!

    • Almir Ferreira (Panorâmica Social) disse:

      Obrigado por responder e tirar minhas dúvidas Adelson, um grande abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Edigley!

      Normalmente, o Google consegue resolver sozinho qual comportamento ele deve adotar em cada situação. Você só precisa se preocupar caso passe pelo mesmo caso que o Almir, em que páginas são identificadas pelo Google como duplicadas, quando trata-se apenas de outro caminho para acessá-la.

      Um abraço!

  8. Edigley Alexandre disse:

    Esta é a ferramenta do Google que sou mais viciado. Todos os dias faço login e fico fuçando. A maioria dos blogs que conheço hoje, descobrir através do links externos para o blog.

    Um abraço, Adelson!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Edigley!

      As Ferramentas para Webmasters são fantásticas! Elas trazem informações valiosas que nos ajudam a deixar nossos blogs "redondinhos" para o Google.

      Vale mesmo a pena explorar cada opção e cada recomendação dada.

      Um abraço!

    • Edigley Alexandre disse:

      Obrigado por esclarecer, Adelson!

      Um abraço!

  9. Além da retina disse:

    ótimo blog parabens

  10. Alisson Damasio disse:

    Olá Adélson ,Ótimo Post é Eu Registrei um Domínio .com como configuro pra usar ele no blogger ,mim Ajude ?

  11. 4 Cores Comunicação disse:

    Muito interessante o artigo.
    Hoje em dia, eu uso o Screaming Frog para acompanhar meu site. Já ouviu falar?
    Com ele é possivel ver absolutamente tudo sobre seu projeto. Claro que é indispensável o uso do GWT, mas em se falando de SEO, seria interessante utilizar ferramentas mais direcionadas.
    Um abraço!

    Mauricio
    4 Cores Comunicação

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Mauricio!

      Eu não conhecia ainda a ferramenta! Já anotei aqui para avaliá-la e talvez escrever sobre ela futuramente.

      Obrigado pela dica!

      Um abraço!

  12. Aniger Lacerda disse:

    Olá, parabéns pelo artigo, encontrei nessa parte informações que achei que nem estivessem disponíveis! Mas tenho uma dúvida… ao entrar nessa área apareceu o problema de títulos duplicados e as metas duplicadas, editei uma das páginas de títulos e arrumei o problema das meta (era da descrição fixa no templete), só que isso faz algum tempo e a página não teve qualquer alteração!

    Lembro que antes o sitemaps no blogger era atualizado manualmente (/atom.xml?redirect=false&start-index=XXX&max-results=XXX) e agora é automático, então isso tem alguma influência nessa tela? Para ele atualizar e verificar que não tem mais erros é necessário passar o sitemaps manualmente como antes? Ou preciso ser mais paciente e esperar ele fazer a verificação sozinho?

    Desde já agradeço! ^^

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Aniger!

      Pode mesmo ser que demore alguns dias até que as ferramentas do Google reconheçam a alteração e deixem de interpretar isso como erro.

      Forçar a atualização do sitemap pode ajudar, pois você fará com que o Google reindexe novamente todas as postagens trazidas nele.

      Torço para que funcione!

      Um abraço!

  13. Isabel Cristina disse:

    Olá Adelson!
    Acabo de conhecer seu blog e estou gostando muito do que vejo. No entanto sou muito leiga no assunto e estou apavorada, pois parece que há vírus na minha página. Comecei no ano passado, mas não sei quase nada sobre o assunto. Minha intenção era só ajudar outros professores.
    Hoje, quando estava navegando pelo meu blog abriu uma janela do Google chrome com a seguinte título: Phishing denunciado no site a seguir!
    Estou sem saber o que fazer. Meu blog: http://www.amorensina.com
    Você pode me ajudar?
    Agradeço imensamente!
    Um abraço!

    • Adriano Luz disse:

      Olá, Isabel!

      Eu visitei o seu blog e o Google não detectou nada de errado com ele. Por isso, é bem provável que o problema não esteja no seu blog.

      O ideal seria você fazer uma varredura de sua máquina para avaliar se há vírus. Se você não tem um programa instalado, pode fazer a análise online. Procure no Google por antivirus online e você encontrará diversas ferramentas.

      Um abraço!

    • Isabel Cristina disse:

      Obrigada, Adelson! Nem imagina como me deixou aliviada! Tenho antivírus da uol no computador. E está habilitado a fazer a verredura sempre. Mas é que tem acontecido com certa frequência a entrada de mensagens estranhas. Parece que são programas mal intencionados querendo se instalar em meu blog. Sei lá…
      Mas realmente estou muito mais tranquila, agora que visitou meu blog.
      Obrigada de coração e que Deus o abençoe sempre!
      Beijos e Luz no coração!

  14. Bebel Magalhães disse:

    Inseri o meu dominio com se sem www e depois escolho o COM www como dominio preferencial. Não mechi em mais nada até porque não sei muito mesmo rsrs Porém olhando o Search Console hoje vi que na opção Parâmetros de URL que nunca mexi… apareceram dois parâmetro Um deles é o max-results com 23 urls monitoradas e updated-max com 2 urls monitoradas. Vc poderia me explicar o que é isso e como apareceu? Isso prejudica meu blog?Obrigada

  15. Fábio Fortinelli disse:

    Adelson, parabéns pelo artigo… gostaria de saber também quando a ferramenta alista dois links diferentes alegando que ambos têm a mesma meta descrição, o que fazer? Eu acessei as duas páginas e eles não possuem a mesma meta descrição!

    Outra coisa, apareceu dois problemas na seção de compatibilidade de dispositivos móveis, sendo que quando eu acesso outra ferramenta chamada Teste de Compatibilidade de Dispositivos Móveis do Google, diz que a página é sim compatível, o que fazer?

  16. Pbsena disse:

    Cara parabéns pelo artigo. Isso nos ajuda melhorar nosso posicionamento nas pesquisas. Eu também preciso implementar alguns ajustes em meu website. Obrigado.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
Quer aprender como R$173.571,73 como Afiliado em 4 meses?Quero Assistir o Vídeo!