guest post Camila Fiori

Como ser mais assertivo com seus conteúdos

Atualizar um blog ou site exige bastante concentração e conhecimento, já que a produção de conteúdos interessantes deve ser constante e levar sempre informações de qualidade para os leitores.

A comunicação é, sem dúvida, um dos elementos mais importantes da atuação humana. É com ela que conseguimos entender e nos fazer entender, ampliando um horizonte de bons relacionamentos e convivência.

Levando em consideração que, para que uma empresa possa estar presente na rotina dos seus clientes ela precisa se comunicar com o seu público, é necessário investir em maneiras eficientes de colocar isso em prática.

Manter um blog ativo, com publicações interessantes, pode ser um dos meios mais relevantes de comunicação empresarial.

Mas é importante lembrar que, por mais que esse seja uma alternativa bastante comum, é preciso investir na confecção de postagens direcionadas para o seu público, já que esse pode ser um fator determinante para tornar um determinado artigo mais interessante.

A assertividade deve fazer parte da estratégia principal da produção de novos conteúdos, pois certamente ela fará total diferença dentro de um texto.

 

O que é a assertividade?

A assertividade pode ser considerada uma competência ou habilidade que faz com que uma pessoa possa ser mais direta e focada.

Isso não implica, necessariamente, em ser uma pessoa mais ríspida ou grosseira. Muito pelo contrário. Uma pessoa assertiva consegue se manter serena e conduzir uma determinada situação de maneira mais simples e eficiente.

Utilizar a assertividade para criar conteúdos também segue essa mesma linha. Isso porque, se você busca na internet um determinado assunto como curso para instrutor de pilates, o que você deseja é encontrar um local que ofereça um conjunto de aulas para que você possa se especializar na área.

Mas se um site aborda apenas a parte teórica do assunto, onde explica o surgimento da modalidade, seus benefícios e outros dados relacionados, mas não diz nada sobre onde encontrar o curso, podemos notar que esse não foi um texto assertivo e bem desenvolvido.

É claro que o conteúdo pode ser explicativo e trazer informações sobre o tema, mas ele certamente não pode terminar sem abordar o seu objetivo principal, que é indicar os locais que forneçam as aulas.

Por isso, ser assertivo no desenvolvimento de um determinado conteúdo certamente faz com que ele seja muito mais claro e eficiente, entregando o resultado que o leitor procura.

 

O que um texto assertivo deve ter?

Existem algumas dicas que podem ajudar um produtor de conteúdo a ser mais assertivo na abordagem de um determinado assunto.

Essas dicas vão desde uma compreensão mais apurada sobre o tema, até o conhecimento de algumas regras de escrita e de gramática.

Algumas delas são:

  • Estudar sobre o assunto e analisar os seus pontos;
  • Realizar anotações prévias sobre elementos estruturais;
  • Mensurar pontos positivos e negativos;
  • Escrever e revisar um texto;
  • Aplicar a pontuação adequada na escrita;
  • Dividir o texto para facilitar a compreensão.

A assertividade dentro de um texto vai ser essencial para que o leitor do blog possa entender mais sobre o assunto. E para que isso seja possível, é preciso que o redator também conheça sobre o tema tratado.

Se ao escrever um determinado artigo sobre o treinamento funcional de alta intensidade, o escritor não souber a diferença entre os níveis de intensidade da atividade, certamente ele não oferecerá um conteúdo assertivo, pois ele não conseguirá abordar de maneira clara os benefícios desse tipo de prática.

Por isso, pode ser importante realizar algumas anotações básicas sobre o assunto antes de iniciar o texto, para que seja possível se nortear com base em alguns dados prévios.

Assim, ao realizar uma leitura de base, o produtor pode perceber que existem modalidades variadas dentro da prática desse tipo de exercício, que pode oferecer um programa específicos de treinamento funcional para idosos, ou mesmo para crianças, além de conhecer os equipamentos utilizados para a aula e também pode obter mais informações sobre os benefícios dessa atividade.

Há também a importância de conhecer de maneira geral as regras e normas da língua portuguesa. Isso faz diferença no momento da leitura, já que uma simples vírgula pode modificar o sentido de uma frase.

Nesse sentido, é preciso pensar, escrever e revisar o texto para que pequenos erros sejam corrigidos, facilitando a compreensão sobre o tema escrito.

 

A estruturação do conteúdo também faz bastante diferença na sua assertividade. Isso porque, se o redator for elaborar um texto sobre medicina esportiva e treinamento atlético, ele precisará abordar de maneira objetiva sobre o que é a medicina esportiva e no que ela se difere da medicina geral, além de explicar como funciona um treinamento atlético e como os dois temas se relacionam.

Dividir o texto, criando subtítulos e tópicos pode ser essencial para criar uma melhor organização das ideias e facilitar a absorção do conteúdo.

Todas essas técnicas compõem um texto mais assertivo, que é fundamental para qualquer empresa que deseja publicar artigos em seu blog e atrair um maior número de leitores para a sua página na internet.

 

A assertividade dentro de cada segmento de atuação

É importante lembrar que, apesar da assertividade ser essencial para a elaboração de um texto de qualidade, é preciso se atentar para o tema proposto e, principalmente, para criar uma linguagem acessível para o público leitor.

Tudo isso envolve a individualidade de cada projeto, ou seja, o segmento de atuação de uma determinada empresa. Assim, é preciso que se elabore cada um dos conteúdos direcionados para a persona do negócio.

 

A assertividade e a linguagem são essenciais

Como mencionado, a assertividade é uma habilidade que permite que a transmissão de um determinado conteúdo seja feita de maneira simples e direta, para que o conteúdo seja absorvido integralmente pelo leitor.

Mas existem técnicas que podem auxiliar nesse processo e, de acordo com o tipo de público-alvo de uma empresa, é preciso adaptar o estilo de escrita e linguagem que será utilizada.

Para o público jovem, por exemplo, há a necessidade de abordar qualquer tipo de tema com uma linguagem mais pessoal, ou seja, que demonstre uma interação maior ao mesmo tempo em que torna grande parte da sua composição mais acessível e fluida.

Ao explicar sobre os benefícios de realizar uma drenagem linfática reversa, por exemplo, é preciso tratar o tema de maneira simplificada, além de pensar em uma escaneabilidade interessante para o texto.

Afinal, o público jovem preza pela agilidade e pela informação rápida, por isso, é interessante investir na criação de um artigo descolado.

Já para o público feminino, é interessante optar por detalhamento de informações, mostrando o benefício que uma pessoa pode obter ao adquirir uma faixa abdominal feminina, por exemplo, utilizando imagens ou vídeos demonstrativos, tornando o conteúdo bastante completo.

Nesse caso, a assertividade é relacionada principalmente na transmissão das informações, ou seja, explorar de maneira interessante sobre todos os aspectos positivos dessa compra.

Além disso, o público feminino sempre busca por conteúdos que possam melhorar não apenas a sua vida, mas também a de seus parentes e amigos mais próximos. Isso porque, no geral, as mulheres se preocupam com o bem-estar de todos a sua volta, e sempre que visualizam uma informação importante, elas se empenham em oferecer uma solução para o problema de uma pessoa querida.

Por isso, ao encontrar um bom texto sobre acupuntura para enxaqueca, ela certamente se lembrará de alguém que se queixou de dores de cabeça frequentes e encaminhará o texto para a pessoa.

Mas para isso, é preciso que o conteúdo seja de qualidade e bastante assertivo, principalmente quando esse conteúdo é enviado para homens.

Afinal, o público masculino é sempre mais direto, e busca por uma informação clara e objetiva sobre qualquer assunto que lhe interesse.

Assim, se um homem busca mais informações sobre academia corporativa, ele certamente quer saber sobre os aparelhos que encontrará no local, se a estrutura oferece estacionamento, se há professores para instrução dos alunos e quais são os planos oferecidos pelo estabelecimento.

Nesse cenário, é possível perceber que cada público prefere acessar um tipo de material e, justamente por isso, é preciso conhecer mais sobre a persona de cada negócio, para que os conteúdos produzidos estejam de acordo com a demanda.

Mas, independentemente do tema tratado, a assertividade deve estar sempre presente na produção de textos para internet, já que cada vez mais pessoas buscam se informar por conteúdos online e, por se tratar de um formato mais dinâmico, é preciso investir em clareza e objetividade na transmissão de conhecimentos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Sobre o autor | Website

Apaixonada por comunicação. Formada em Jornalismo e blogueira por Hobbie. Atual responsável por este e vários outros blogs de Internet Marketing.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.