Google Diego Bini

Como definir seu público-alvo usando o Google Analytics?

Se você vende na Internet ou oferece algum tipo de serviço ou conteúdo online, precisa aprender como definir seu público-alvo. Afinal, essa é a base para qualquer estratégia de atração.

Se você sabe, por exemplo, que o seu público-alvo é composto por jovens de menos de 20 anos, então deverá focar seus esforços no Tik Tok e no Snapchat, que é onde está esse público.

Já se o seu público for mais composto por homens do que por mulheres, deverá direcionar sua comunicação a espaços onde existam mais homens do que mulheres.

Se você não sabe como definir seu público-alvo, existe uma ferramenta gratuita que é essencial para você. Quer saber qual? O Google Analytics!

Aprenda como usá-lo para definir um público-alvo a seguir!

Defina o seu objetivo de análise no Google Analytics

O primeiro passo para aprender como definir seu público-alvo utilizando o Google Analytics é entender qual é o seu objetivo com essa análise. Afinal, o que você quer identificar?

Você quer saber quem é que mais lê o seu conteúdo? Qual é o público que mais compra os seus produtos ou serviços? Que mais compartilha? De que “público-alvo” estamos falando?

Isso é essencial pois, em muitos casos, os públicos são completamente distintos. Imagine, por exemplo, o e-commerce de uma loja de roupas.

Na seção de roupas femininas, o público-alvo será de mulheres. Na parte masculina, será de homens.

Por isso, é importante entender qual público-alvo você quer definir para usar o Google Analytics adequadamente.

Entenda como definir seu público-alvo com as ferramentas do Analytics

O Google Analytics oferece uma série de instrumentos poderosos para quem quer definir seu público-alvo. Para isso, no entanto, é importante entender todas as possibilidades do sistema.

Em primeiro lugar, o Analytics apresenta um perfil demográfico do público que realizou determinada ação na sua página. Se você quer saber quem comprou um tipo de produto, por exemplo, conseguirá saber a idade, gênero, localização e outras informações úteis.

Isso já permitirá montar uma base demográfica do seu público-alvo e usá-la em ações de anúncios no próprio Google ou nas redes sociais (só o Facebook, por exemplo, tem 130 milhões de usuários brasileiros, então as chances de ter bons resultados com os anúncios são enormes).

Além disso, no entanto, o Analytics também ajuda a obter mais informações sobre o seu público-alvo. Isso porque o programa entrega dados como de onde vieram essas pessoas e para onde foram.

Assim, você consegue entender os hábitos de consumo e de busca por informações do seu público.

Faça testes para confirmar seu diagnóstico

Suponha, por exemplo, que 50% do público-alvo do Produto X veio do Google e 30% das redes sociais, com o restante espalhado por outras origens, enquanto 90% do público do Produto Y veio do Facebook e só 10% do Google.

 

Essa informação indica que o público do Produto Y é muito mais conectado nas redes do que o Produto X, que faz mais pesquisas no Google.

No entanto, será que isso é verdade? Talvez o Produto X não seja tão divulgado nas redes sociais, enquanto o ranqueamento do seu site para o Produto Y não seja dos melhores.

Por isso, vale a pena realizar alguns testes para confirmar as suas descobertas e garantir que sua informação de público-alvo está precisa.

Por exemplo, no nosso caso, seria útil utilizar o site Guest Posts para conseguir alguns links de qualidade para o ranqueamento do Produto Y. Se mesmo assim a proporção de clientes pelas redes sociais continuasse, então seria seguro afirmar que é um público que está mais nas redes.

Use o mapa de calor para entender o comportamento do usuário

Uma informação útil que pode ajudar sua empresa a definir o público-alvo dos produtos é o mapa de calor apresentado pelo Analytics.

Basicamente, essa ferramenta permite entender por onde os usuários mais passam o mouse na tela do seu site.

Normalmente, essa informação é muito útil para que possamos compreender como otimizar os elementos na página e deixar os botões de conversão mais visíveis.

No entanto, o mapa de calor também mostra qual o padrão de comportamento do seu público.

Seus clientes são do tipo que gostam de ler todas as informações antes de fazer uma compra ou são do tipo que adquirem um produto por impulso? Será que eles analisam bem as condições de parcelamento ou não olham para isso?

Todas essas conclusões ajudarão a traçar um perfil do seu público-alvo muito mais completo, que ditará outras ações de marketing.

Afinal, um público que gosta de ler todas as informações reagirá melhor a uma determinada ação de marketing, enquanto quem compra por impulso terá outro tipo de reação.

E aí, aprendeu como definir seu público-alvo usando o Google Analytics? São muitas as ferramentas que ajudam a sua página a entender quem é o seu cliente.

Utilizando esse instrumento, você conseguirá entender melhor quem compra com você e bolar melhores estratégias de Marketing com base nisso.

Gostou do conteúdo? Então não esqueça de deixar um comentário abaixo com a sua opinião!

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.