guest post Mônica Godinho

Manual estratégico: o que o marketing digital pode te ajudar

Um manual estratégico: marketing digital pode ser capaz de trazer todas as respostas que uma empresa deseja para que seus esforços em marketing pela internet tragam bons frutos, afinal, as pessoas estão conectadas o tempo todo.

Por meio da web muitas ações se tornaram mais fáceis, como falar com alguém que esteja longe, esclarecer uma dúvida, pagar as contas, consumir conteúdos, comprar, vender e até trabalhar.

Enfim, a internet e a tecnologia são as responsáveis pela praticidade em nosso cotidiano, além de que ambas facilitam a vida das empresas. Um grande exemplo disso é o marketing digital e suas muitas possibilidades.

A internet é o principal meio de comunicação hoje em dia, por isso, se você quer divulgar a sua marca, produtos e serviços, precisa fazer o uso de seus canais.

Sites, blogs, redes sociais e muitos outros são meios de chegar até seu público, que está cada vez mais conectado, de maneira mais rápida e assertiva. Portanto, tentar fugir do marketing digital é cair no esquecimento dos consumidores.

Para que você fique por dentro do assunto, neste artigo, vamos explicar o que é marketing digital e fornecer um passo a passo para que você possa aplicá-lo ao seu negócio. Acompanhe!

Afinal, o que é marketing digital e quais são seus benefícios?

Marketing digital é qualquer ação que uma empresa ou profissional realize na web, com o intuito de divulgar uma marca, produtos e serviços.

Hoje em dia, trata-se dos principais recursos para se comunicar com os consumidores de maneira direta, personalizada e no momento mais oportuno.

Antigamente, bastava que uma empresa anunciasse alguma solução na TV ou outros meios para que os consumidores comprassem. Mas essa relação de consumo mudou, desde que a instalação de internet tomou conta dos lares ao redor do mundo.

Desde então, o marketing digital transformou-se no principal meio de divulgação, e a tendência é que ele permaneça no topo de estratégias mais eficientes por tempo indeterminado. Para isso, ele utiliza diferentes canais, como:

  • Redes sociais;
  • Sites;
  • Blogs;
  • Motores de busca;
  • E-mail.

Esses e muitos outros meios são aplicados para que as organizações possam chegar ao conhecimento dos consumidores, solucionando suas dores e desejos.

O marketing digital pode ser usado pelos mais diferentes tipos de empresa, além de ser muito democrático, visto que cada marca faz o que pode, com os recursos que tem disponíveis e de acordo com as suas necessidades.

Seu funcionamento depende de alguns fatores, como a criação de uma persona. Uma fabricante de placas informativas personalizadas, por exemplo, precisa criar o seu perfil de cliente ideal, para direcionar as suas ações.

Ainda é necessário criar landing pages, que são “páginas de aterrissagem” para capturar leads, para que todo o processo de venda possa ser iniciado. Os leads são pessoas que demonstraram interesse no que ela vende, ou seja, potenciais clientes. 

Ao gerar um lead, a marca começa a trabalhar o seu funil de vendas, que são etapas pelas quais o consumidor passa antes de chegar ao fim da jornada de compras.

O marketing digital também precisa contar com o uso de algumas ferramentas, como o CRM (Customer Relationship Management), um software que faz a gestão do relacionamento entre a organização e seus clientes.

Seu funcionamento também depende de práticas em SEO, que visam otimizar as páginas do site e blog da companhia, para que elas apareçam sempre nos primeiros resultados de busca.

Estes e outros conceitos são a chave para o bom funcionamento das estratégias de marketing digital para que a empresa tenha acesso aos seus benefícios.

Dentre eles, conseguir interagir mais com seu público-alvo, pois o foco das organizações, como uma escola que oferece aula de canto iniciante, não é mais o seu produto ou serviço, mas sim, o consumidor final.

A interação também é fundamental, uma vez que ela permite conhecer as exigências do público, e com isso, as marcas conseguem adaptar suas estratégias e soluções às necessidades das pessoas.

O marketing digital ainda possui fácil análise e mensuração, dessa forma, é possível identificar quais ações estão dando resultado e quais não estão.

Ter esse conhecimento é importante para que os objetivos sejam alcançados, sem desperdiçar investimentos em tempo e dinheiro.

Outro benefício é o aumento das oportunidades, pois mesmo os pequenos negócios podem obter ótimos resultados, com campanhas simples, mas muito eficientes.

Da mesma forma, este benefício é válido para os consumidores, que passam a conhecer novas marcas e soluções mais adequadas às suas necessidades.

Além disso, a empresa vai falar com quem realmente se interessa por ela, ou seja, pessoas que realmente tem perfil para se tornar clientes. Esse benefício ajuda a economizar recursos e a conhecer melhor o perfil de público da companhia.

 

Passo a passo para trabalhar o marketing digital

Depois de conhecer o conceito de marketing digital, como funciona e quais são os seus benefícios, vamos apresentar um passo a passo para trabalhar suas melhores estratégias. Os processos necessários são:

1. Criar uma persona

A persona é o perfil ideal de cliente, com base em informações como idade, gênero, profissão, classe social, interesses, etc. É com base na persona que sua marca conseguirá usar as seguintes estratégias:

Marketing de conteúdo

Não importa se o seu negócio é um pet shop de banho e tosa delivery ou uma assistência técnica para computadores, é essencial investir em marketing de conteúdo.

O consumidor moderno procura tudo o que precisa nos buscadores, como o Google, então, por meio de conteúdos relevantes, sua empresa estará no lugar e no momento certo da jornada de compra do consumidor.

O marketing de conteúdo se baseia na criação de materiais valiosos, que são publicados em canais como blogs e sites, com o intuito de atrair, converter e encantar pessoas.

E-mail marketing

Qualquer empresa, como um estúdio para gravação de áudio precisa ter seu próprio e-mail, e dentro do marketing digital ele tem a finalidade de enviar mensagens com fins comerciais.

Por meio dele é possível fortalecer a marca, vender e se relacionar com os clientes. Só que para usar essa estratégia, é necessário criar uma base de contatos de pessoas que preencheram um formulário no seu site.

Também é fundamental enviar os e-mails de acordo com o interesse delas e com a etapa da jornada de compra em que se encontram. Pode ser um e-mail informativo, para nutrir o lead, newsletters semanais, dentre outros.

Redes sociais

Tanto uma assistência técnica da positivo celular quanto um e-commerce de roupas femininas precisa estar nas redes sociais, visto que por meio delas é possível interagir por meio do diálogo, bem como criar campanhas de divulgação.

Essas plataformas também são ótimas para estender e aprimorar o atendimento ao cliente. Mas, para ter bons resultados, é imprescindível escolher as redes sociais onde seu público está.

O perfil também precisa ser completo e a página deve ser atualizada com conteúdos de valor e que abordem assuntos do interesse do público.

CRO

A Otimização de Taxa de Conversão mostra para uma empresa de plano diretor estratégico ilustrado ou de qualquer outro ramo em que momento as conversões não estão sendo bem aproveitadas, nos canais onde elas são feitas, como sites e blogs.

Para isso, o profissional descobre qual parte do funil deve ser ajustada, constrói hipóteses com base na informação obtida, planeja cada um delas, faz os devidos testes e implementa aquela que teve o melhor desempenho.

SEM

O Search Engine Marketing envolve estratégias que têm como base os motores de busca. É dessa forma que os negócios, como uma loja de material de construção, são divulgados na web – e também fora dela.

Portanto, o SEM promove ações que acontecem virtualmente e fisicamente. Quando uma marca investe em anúncios pagos na internet, ela tem mais lucros do que custos, pois elas podem escolher de que maneira quer pagar por eles.

Além disso, podem ser divulgados nos principais canais, como as redes sociais, promover seus conteúdos por meio dessas plataformas, além de fazer marketing de afiliados e ainda gerir melhor os seus leads.

2. Estabelecer objetivos

É preciso saber com precisão quais são os objetivos do negócio, para que cada estratégia seja usada de maneira direcionada e como etapas para chegar até ele.

Isso significa elaborar um bom planejamento, com objetivos que podem ser de curto, médio e longo prazo, a depender dos objetivos de seu negócio.

3. Acompanhar os indicadores

Sabendo quais são seus objetivos, você consegue definir os indicadores-chave de performance, ou KPIs, que vão mostrar se as estratégias adotadas pela sua empresa estão no caminho certo e quais devem ser melhoradas.

Essas métricas podem ser primárias, secundárias ou práticas, e estarem relacionadas ao tráfego, taxa de conversão, assinantes da newsletter, pageviews, entre muitos outros

Conclusão

Independentemente de qual estratégia de marketing digital você adote, é necessário seguir os três passos que mostramos aqui, para que você possa melhor conduzir suas ações.

O marketing digital trabalha de maneira direcionada, então, se você não definir seus objetivos, sua persona e seus indicadores-chave, não vai conseguir obter bons resultados.

Agora, você já sabe tudo o que precisa para colocar suas estratégias em prática, e alcançar os resultados que a sua empresa precisa.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.