Uncategorized Henrique

Conheça as diferenças entre os tipos de lençol

Saiba quais são as opções mais populares no mercado e aprenda a escolher.

Fios egípcios, algodão, 1000 fios, cetim, seda. Você é do tipo que não entende para quê tanta opção quando precisa comprar um jogo de cama? Pois saiba que o material do qual o seu lençol é feito tem tudo a ver com o seu conforto ao deitar na cama. Você deve saber pelo menos o mínimo para fazer boas escolhas.

O número de fios e o tipo de tecido são as informações básicas que constam em qualquer etiqueta. Elas dizem muito sobre o toque daquele lençol e também sobre a durabilidade do material. A seguir, explicaremos melhor isso.

A quantidade de fios importa?

A descrição do número de fios é uma daquelas classificações que parecem complicadas, mas que são, na verdade, muito simples. Basicamente, se refere à quantidade de fios utilizada em cada polegada quadrada de tecido e essa é uma informação importante. Esse não é o único ponto importante, mas, de maneira geral, quanto mais fios o lençol tiver, melhor, pois isso significa que ele terá mais qualidade e também oferecerá mais conforto.

As opções disponíveis no mercado variam bastante, assim como os preços. Os lençóis 1000 fios, por exemplo, são ótimas escolhas, mas não costumam ser baratos. Um lençol a partir de 180 fios já pode ser uma boa opção se o seu orçamento está apertado. Menos que isso pode ser um barato que não dura nada.

Qual o melhor tecido?

O tecido também influencia muito no toque e na durabilidade do lençol. A escolha certa também vai depender bastante do quanto você pode gastar. A seguir, vamos contar alguns detalhes sobre os mais populares.

Seda

Esses lençóis são a cara da finesse e têm um toque aveludado que é uma delícia. No entanto, retêm muito calor e não custam barato. Pode ser uma boa opção para aquelas ocasiões especiais.

Cetim

No cetim, o ligamento das fibras é feito de outra forma (verticais e horizontais), o que acaba fazendo com que ele seja macio, brilhante e suave. Esses lençóis também são considerados finos e, além do conforto, dão um toque de sofisticação ao quarto.

 

Algodão

Macios, confortáveis e antialérgicos, os lençóis de algodão são ótimas opções para o dia a dia, especialmente aqueles confeccionados 100% com essa fibra. O tecido também oferece um ótimo conforto térmico, tanto no calor quanto no frio, e ainda é fácil de lavar.

No entanto, fique atento: os mais baratos costumam ser mesclados com outras fibras, quase sempre sintéticas e de menor qualidade. Nesses casos, vale observar a quantidade de algodão e escolher aquelas peças que tenham mais do material em sua composição.

Se a descrição diz que o lençol é de algodão egípcio, isso quer dizer que ele tem qualidade superior. Os fios desse tipo são mais longos, o que significa que também são mais confortáveis e duráveis. Se você pode pagar um pouco a mais, é um investimento que costuma valer a pena.

Microfibra

Esses lençóis são confeccionados em materiais sintéticos, como o nylon,  o poliéster e o acrílico. Isso quer dizer que eles terão qualidade inferior aos tecidos anteriores, mas nem por isso são ruins. Tudo depende do acabamento e da quantidade de fios.

Em geral, esses são os lençóis mais baratos do mercado e, além do preço, eles têm a vantagem de serem bons isolantes térmicos e secarem mais rápido que os de qualidade superior.

E o tamanho certo?

O tamanho certo depende da classificação da sua cama. Existe um lençol feito com as medidas ideais para todas as opções de cama do mercado, seja ela solteiro, viúva, casal, queen size, king size e até berço. Escolher o tamanho adequado é importante para que o lençol não fique largo ou escape do colchão.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.