Blogger Diego Bini

O que é resumo profissional e qual a importância para o currículo?

O primeiro passo para entrar no mercado de trabalho, que está cada vez mais competitivo e aquecido, é estruturar um bom currículo. Geralmente, o documento é o primeiro contato que o recrutador tem com os candidatos durante o processo seletivo. Por isso, é importante que o arquivo não tenha erros de português e contenha todas as informações necessárias, como é o caso do resumo profissional.

Na hora de escrever o currículo, existem alguns dados que são essenciais, como nome, e-mail, telefone, formação acadêmica, cursos e idiomas, além do link do seu perfil no LinkedIn. No entanto, ainda será necessário um espaço para você trazer um breve resumo das suas experiências profissionais para mostrar à empresa quem é você.

O que é resumo profissional?

De forma simples, podemos definir o resumo profissional como o campo em que o profissional, que está se candidatando à alguma oportunidade, deve preencher, de forma resumida, com as experiências que teve ao longo de sua carreira. O ideal é que o conteúdo não seja longo e que quem esteja fazendo a triagem dos currículos consiga identificar que o perfil tem aderência com a vaga em questão.

Essa breve descrição é essencial para que a pessoa que recebe o documento tenha, logo de início, noção das empresas que você trabalhou e os setores em que você atuou. Além disso, conseguirá saber suas experiências, fator importante para o processo seletivo de vagas que exigem conhecimento prévio nas funções e atividades que serão realizadas por quem for contratado.

O resumo, em especial, é bem utilizado e aproveitado por quem possui alguns anos de carreira. Por outro lado, se você está começando agora no mercado de trabalho ou é recém-formado e ainda não possui diversas experiências, a dica é usar o espaço para mostrar o que você tem a oferecer. Caso prefira, também pode trazer o seu objetivo profissional, como um emprego em uma determinada função.

O que escrever no resumo profissional?

Para começar, lembre-se que, em poucas palavras, você terá que contar pontos importantes da sua trajetória profissional. Por isso, você deve ser objetivo, ou seja, ir direto ao ponto e mostrar os seus conhecimentos. O desejável é que o recrutador olhe, identifique suas experiências e avance o contato para a próxima etapa do processo seletivo.

Vale destacar também que esse espaço é muito importante e deve, logo de cara, chamar atenção de quem está lendo. Por isso, escreva as informações de forma que seja interessante para o leitor e não use palavras de difícil compreensão. Ainda é importante que o conteúdo tenha, no máximo, 500 caracteres e esteja de acordo com o seu objetivo profissional e com o que você deseja para a sua carreira.

 

Ao escrevê-lo, dê preferência por fazer uma lista, com marcadores, para facilitar a compressão e a leitura por parte do recrutador. Você deve destacar os pontos mais importantes da sua trajetória profissional. No geral, as principais informações são: as experiências conquistadas, a área que você ocupou e o segmento da empresa.

Se o desejo for, por exemplo, conquistar uma vaga na área de Marketing em uma empresa de educação e você tiver experiência no ramo educacional, esse fator poderá contar pontos extras no processo seletivo. Então, adicione essa informação no seu resumo, assim como os resultados conquistados, que sejam importantes para o cargo que está se candidatando.

No conteúdo, traga apenas informações que sejam úteis para a vaga que você deseja alcançar. Inclua também algumas palavras-chave que tenham conexão com a sua experiência para que o recrutador consiga encontrar o seu currículo com mais facilidade e você ganhe destaque entre os outros candidatos.

Para profissionais com cargos mais elevados e alta senioridade, essa tarefa é mais fácil. Porém, outros níveis também podem investir no resumo para chamar atenção do recrutador. Se a vaga diz que você terá contato com profissionais e clientes de outros países, é importante mencionar, se for o caso, que você domina o idioma (inglês, na maior parte dos casos) e tem experiência em conversar com pessoas de outras nacionalidades.

Portanto, antes de montar o resumo profissional, analise o descritivo da vaga para adequar o seu resumo profissional. Como falamos, se a sua intenção é a área de Marketing, pode não ser tão indicado dar destaque para uma função que você ocupou no passado em outra área e não tem nenhuma relação com o que deseja para a sua carreira hoje.

Se a empresa pede, por exemplo, que a pessoa tenha uma especialização, como as opções oferecidas em diversas áreas pela pós-graduação Anhanguera, para ocupar a posição, então é recomendável citá-la. Isso mostra que você está em constante aprendizado e tem investido na sua qualificação. E, antes de enviar o currículo, revise tudo que foi escrito e confira se incluiu todos os elementos desejados.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.