guest post Henrique

Como está seu consumo de álcool?

Teste lançado pela Ambev permite que o usuário avalie seu perfil e possa fazer escolhas mais conscientes. Não exagerar é a recomendação sempre.

Relatos dão conta de que o consumo de bebidas alcoólicas existe em diversas civilizações há mais de seis mil anos. Na maior parte dos países, a cerveja e os destilados fazem parte da cultura, das celebrações e do dia a dia dos adultos – a legislação depende do lugar, mas no Brasil o uso é permitido a partir dos 18 anos.

No entanto, apesar de animar qualquer festa e, em pequenas doses, ter até benefícios comprovados para a saúde, o abuso do álcool é um problema global e o excesso não é uma boa ideia em nenhuma circunstância.

Cientes disso, as próprias empresas que vendem as bebidas incentivam o consumo consciente e, junto a governos e sociedade civil, protagonizam diversas campanhas para que as pessoas não exagerem. O famoso “aprecie com moderação” é um exemplo disso.

A Ambev, da qual fazem parte algumas das marcas mais conhecidas do país, como Original, Brahma, Skol, Antarctica, Serra Malte e Budweiser, lançou um simulador para ajudar os clientes a identificarem se fazem uso moderado do álcool. 

A ferramenta, que funciona como um teste, é, ao mesmo tempo, uma brincadeira e um lembrete de que qualquer bebida alcoólica só é legal se for consumida com responsabilidade. E, para isso, a empresa considera que todos deveriam conhecer seu padrão de consumo, até para saber quando é a hora de se preocupar.

“A Ambev quer que toda experiência com nossos produtos seja uma experiência positiva. Por isso, defende a moderação para que os momentos de celebração sejam inesquecíveis, com equilíbrio e inteligência”, diz a página da empresa sobre o assunto.

Como funciona

O teste começa explicando que qualquer tipo de álcool deve ser contabilizado (não só a cerveja, mas também cachaça, whisky, vinho ou qualquer bebida que contenha a substância em sua composição. Cada dose, segundo o questionário oficial, tem 14 gramas de álcool.

 

A seguir você precisa responder a alguns dados pessoais, como gênero, idade e localização. Depois, começa o que a ferramenta chama de questionário de triagem e a primeira pergunta é: “com que frequência você consome bebidas alcoólicas?”.

A quantidade que você geralmente bebe, a frequência na qual você costuma se exceder também estão entre as dez questões rápidas que visam traçar o perfil de quem está respondendo.

O questionário também tem perguntas que avaliam diretamente se o usuário tem problemas com o álcool, como o número de vezes em que achou que não conseguiria parar depois de começar, quantas vezes precisou beber para se sentir bem, se teve amnésia alcoólica ou se sentiu culpado após uma bebedeira.

Baseado nas respostas, o resultado do teste classifica o usuário em grupos de risco, que vão da Zona I (risco baixo) à Zona IV (risco severo). Ao final, a ferramenta deixa o contato do Centro de Informações sobre Saúde e Álcool (CISA), que tem recomendações para quem precisa de ajuda profissional.

Se o teste identificar que você tem um padrão de uso saudável, você recebe os parabéns e dicas para continuar assim. Se o teste achar que o seu jeito de beber é motivo de preocupação, a resposta vai te dizer isso, com dicas para mudar e, inclusive, se o risco for considerado alto, um plano para te ajudar a fazer isso.

Calculadora de doses

Além do teste, a Ambev disponibiliza uma calculadora de doses, na qual, baseado no seu gênero, você consegue calcular o quanto pode beber para não passar da conta. Devido a alguns fatores físicos, a recomendação é que as mulheres bebam algumas doses a menos que os homens.

Os resultados mostram, além da quantidade ideal, o quanto o seu organismo demoraria para metabolizar a quantidade de álcool que você marcou que gostaria de beber e quantas horas precisaria caminhar para queimar todas essas calorias.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.