guest post Gustavo

Usar cueca muito apertada faz mal para a saúde?

Estudo indicou que roupas íntimas mais justas podem diminuir a produção de espermatozóides

Com saúde não se brinca, não é? Sempre precisamos ficar atentos aos sinais do nosso corpo e evitar maus hábitos que podem se tornar problemas futuros. Quando falamos sobre cuecas, é importante sempre ter cuidado na hora de comprar, tanto em relação ao tamanho quanto pensando no tecido.

Se você é uma daquelas pessoas que gostam da cueca mais justa, pode ser que você esteja causando problemas à sua saúde sem saber — e um deles pode ser a infertilidade, como apontam estudos. Se ao chegar em casa é normal perceber marcas e assaduras, é hora de repensar o que você está usando como roupa íntima.

Vamos descobrir quais as peças certas e por que não se deve usar cueca muito apertada?

Os riscos de usar cueca muito apertada

O grande problema de optar pelo uso de uma roupa íntima muito apertada está ligado não apenas ao desconforto, mas também à restrição de um mecanismo importante na saúde do homem: o controle de temperatura dos testículos. Isso porque os homens têm músculos na região íntima que podem afastar ou aproximar os testículos do corpo, tendo como base a temperatura externa.

Isso quer dizer que quando está muito calor, os testículos ficam afastados e mais baixos. Já quando está frio, eles se aproximam mais do corpo. Essa função pretende manter a temperatura ideal para a sobrevivência dos espermatozóides, que geralmente deve ser de 2 a 3 graus abaixo da temperatura do corpo. 

Então, o homem que usa cueca apertada sempre, além de prejudicar a circulação, impede que esse mecanismo natural aconteça.

Por isso, é ideal saber escolher a roupa íntima, mas também optar por não usá-la em casa e escolher modelagens mais largas quando estiver em um ambiente mais confortável. Ah, e assim como é indicado para as mulheres, outra boa opção é dormir sem cueca para ajudar na ventilação local.

 

Cueca justa ou solta: qual a melhor?

Então a cueca solta é a melhor opção? Não necessariamente. Mas também é preciso entender que cueca muito apertada nunca é recomendada. Aqui, já começamos a falar de modelagens ajustadas, mas que não comprometam a circulação. Só que tanto as mais certas no corpo quanto as soltinhas têm seus prós e contras.

A cueca boxer, por exemplo, é mais ajustada, tende a ser confortável e até evita assaduras. Mas quando falamos em estabilizar os testículos não são as melhores. Elas podem ajudar na proliferação de fungos, já que o tecido não encosta na virilha e não absorve bem o suor local.

Já a cueca cavada pode trazer problemas para quem a usa com frequência e até mesmo para dormir. Se o tecido for sintético e o elástico friccionar muito a pele, a região pode ficar quente e úmida, ocasionando alergias e infecções.

Então, a melhor opção é usar uma cueca mais ajustada, mas que não seja totalmente apertada e nem que fique larga na parte da virilha. Assim, o pênis e os testículos ficam presos, mas de uma forma mais segura e não afetando a saúde íntima.

Outro ponto importante é escolher cuecas feitas de tecidos naturais, como o algodão. Isso permite que haja maior absorção de umidade e, ao mesmo tempo, deixa a região arejada.

Os principais cuidados com a saúde íntima 

Além de saber escolher a cueca, é extremamente necessário ter bons hábitos de saúde íntima. No caso do homem, é sempre bom seguir as seguintes regras:

  • fazer sexo com proteção;
  • ficar atento a feridas, corrimentos e regiões com vermelhidão;
  • sempre lavar e enxugar o pênis após urinar;
  • higienizar bem as mãos antes e depois de urinar;
  • lavar adequadamente cada parte do pênis na hora do banho, secando bem toda a região;
  • lavar o pênis após a relação sexual; e,
  • manter as consultas urológicas de rotina pelo menos uma vez ao ano.

Esses são cuidados básicos mas essenciais para a saúde íntima do homem. Por isso, nada de apostar em cuecas apertadas demais. E o mesmo vale para as calças de mesmo modelo. Sempre que possível, use roupas mais confortáveis e que permitam uma ventilação natural.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.