guest post Mônica Candido

Como saber se você está em um relacionamento abusivo?

Muitas pessoas estão vivendo um relacionamento abusivo, e não sabem. Por isso, hoje em dia vemos profissionais discutindo sobre o assunto com o objetivo de informar, conscientizar para que essas pessoas deixem de viver essas situações. 

Se você está infeliz em seu relacionamento ou desconfia de que está vivendo um abusivo, saiba agora como identificar, quais são os sinais e como sair dessa relação.

Já adianto neste artigo que mulheres não gostam de cantadas de pedreiro, pois a maioria das cantadas são meio opressoras, mas se algo for muito engraçado as mulheres vão amar. 

O que é um relacionamento abusivo?

Relacionamento abusivo é quando há algum tipo de violência na relação, seja ela verbal, física, emocional, sexual ou psicológica. Se em seu relacionamento houver pelo menos um desses tipos de violência, já existe a prática abusiva.

Um relacionamento saudável não funciona dessa maneira, ele é cheio de romantismo, carinho e cuidado.Uma pessoa quando realmente ama e se importa com a outra, jamais vai ter atitudes que podem prejudicar o seu parceiro.

O verdadeiro amor é leve e cheio de gestos românticos. Caso você não esteja vivendo esse tipo de amor, procure ajuda, você merece mais que isso!

Contudo, saber identificar esse grande problema, pode levar um tempo, pois quando a pessoa está apaixonada, ela pode não enxergar as coisas como realmente são, ou até mesmo pela vontade de que o abusador vá mudar suas atitudes.

Como identificar um relacionamento abusivo?

 Quando em uma relação não existe mais respeito, ocorrem ciclos de agressão, causando sofrimento a outra pessoa. Os sinais às vezes são confundidos com momentos de raiva ou estresse que o casal pode estar passando.

 

Mas na maioria das vezes, os sinais passam despercebidos e a pessoa que está passando por isso se sente mal, pensando que ela é problema. Separamos algumas ações de um relacionamento abusivo, para que você saiba identificar e se livrar dessa situação:

 

  • Você passa a viver em função do outro, faz todas as vontades e exigências do parceiro para evitar discussões e agressões.
  • O parceiro se torna o centro da sua vida, tudo gira ao redor dele, nada é mais importante que o outro e você acaba deixando de lado coisas que gostava de fazer antigamente, como o tempo com os amigos, o trabalho e a família. 
  • Não podemos generalizar e dizer que é somente agressões, há momentos bons, que fazem a pessoa pensar que não viverá novamente o abuso.
  • Você perde a sua identidade, pois começou a abrir mão de tudo para agradar o parceiro, como por exemplo: cortar o cabelo, usar as roupas que ele quer, ir em lugares que você não gosta.
  • Durante uma briga, você se sente a pessoa mais inútil e sem valor do mundo, e até mesmo sofre abuso sexual.
  • Existe um ciclo muito comum, onde você começa a abrir mão, e então ocorre a violência e depois vem a promessa de mudança. Esse ciclo se repete sempre, nunca muda.
  • Sempre há uma promessa de que isso vai acabar, que ele vai se controlar, que nunca mais fará essas coisas, e você se convence de que isso realmente é verdade.

 

Como deve ser um relacionamento saudável?

Um relacionamento saudável é aquele que você não precisa deixar de ser você, de abrir mão da sua vida para viver a vida do outro. Um relacionamento de amor verdadeiro, é leve, um deseja sempre agradar o outro.

Procure dar algumas cantadas românticas, isso ajuda muito.  Em segundo lugar, aprenda a observar a mulher, saber do que ela gosta e os sinais corporais que ela demonstra.

Está sempre pensando no outro, gosta de fazer programas juntos. Não é uma relação que sufoca, que o outro não pode fazer nada. Quando queremos muito alguma coisa, damos o nosso melhor, porque não podemos agir dessa maneira nos relacionamentos? Pense nisso! O amor é lindo, faz bem e não sufoca e nem prejudica a outra pessoa!

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.