Uncategorized Mônica Candido

Como conciliar o método DISC e sua gestão

Você é um gestor e tem dificuldade em manter um bom ambiente em sua equipe e um ambiente de trabalho agradável para todos? E se você tentasse entender um pouco melhor a personalidade de seus funcionários e tirar proveito disso?

Para fazer isso, sugerimos que você confie no método DISC, também chamado de teste de personalidade de 4 cores! Descubra qual o melhor perfil disc e a cor correspondente à personalidade de cada membro da sua equipe e melhore as trocas e a comunicação. 

Sem ir tão longe a ponto de colocar cada pessoa em uma caixa, a ideia é favorecer as associações de personagens mais compatíveis. Você finalmente entenderá por que João prefere trabalhar com Carol do que com Ana! Você está pronto para colher os benefícios de conciliar o método DISC e sua gestão? 

Método DISC: definição e origem

Algumas fontes traçam a origem da ferramenta DISC até a antiguidade. Foi o filósofo e médico Empédocles quem primeiro associou os tipos de personalidade com cada um dos 4 elementos (água, ar, terra, fogo). Hipócrates corroborou e completou sua teoria destacando 4 temperamentos diferentes: bilioso, sanguíneo, linfático, melancólico. 

No entanto, não foi até 1928 que o método DISC como o conhecemos hoje nasceu. William Moulton Marston descreve isso pela primeira vez em seu livro Emotions of Normal People e destaca a forte ligação que existe entre nossos comportamentos e nossas emoções.

  • Dominância (perfil DISC vermelho): uma pessoa extrovertida e orientada para as tarefas;
  • Influenciador (perfil DISC amarelo): uma pessoa extrovertida e orientada para as pessoas;
  • Estabilidade (perfil DISC verde): uma pessoa introvertida centrada nas pessoas;
  • Conformidade (perfil DISC azul): uma pessoa introvertida e orientada para tarefas.

Método e gestão DISC: como se adaptar a cada perfil?

Cada perfil DISC tem assim o seu próprio funcionamento e as suas próprias preferências, quer em termos de atividades, necessidade de feedback sobre o seu trabalho, escolha de meios de comunicação. Quando você identificar o(s) traço(s) de personalidade de seus funcionários, sua missão será adaptar-se a cada um de acordo.

Gerenciando um perfil dominante (vermelho)

O perfil Dominante é talvez o mais difícil de liderar. De fato, um Dominante age de acordo com o que lhe parece mais eficaz para alcançar o resultado desejado. Ele presta pouca atenção às opiniões, processos ou detalhes de outras pessoas. Vai direto ao ponto e, portanto, é muito eficaz para projetos urgentes ou para gerenciar situações de crise. 

Você pode confiar nele em assuntos difíceis e ele aceitará os desafios com prazer. No entanto, mantenha-se vigilante e certifique-se de que ele inclua os outros membros da equipe com quem deve trabalhar e que não aja sozinho em seu canto.

 

Gerenciando um perfil influente (amarelo)

A pior coisa que você pode fazer para gerenciar um influenciador é deixá-lo sozinho atrás do computador. Você tem certeza de encontrá-lo sempre preso na máquina de café conversando com os outros. Isso é o que mais o excita! Ele é a alma da sua equipe: todos o apreciam, ele eleva a moral das tropas! 

Aproveite este tipo de perfil DISC para melhorar o clima geral de sua equipe e confie a ele tarefas nas quais será necessário trocar com outras pessoas, animar e federar pessoas. 

Criativo, você também pode contar com suas boas ideias inovadoras. No entanto, você precisará orientá-lo para evitar que ele se espalhe demais e orientá-lo para que ele se concentre em suas tarefas.

Gerenciar um perfil estável (verde)

Ouvindo, atento, o estábulo não imporá suas ideias e seu ponto de vista aos outros. Ele pode parecer retraído à primeira vista, mas não deixa de ser muito comprometido se se reconhecer na causa e nos valores transmitidos pela empresa. Você pode confiar a ele tarefas substanciais e colocá-lo em projetos de longo prazo. 

Seu desafio como gerente será fazer com que ele se abra sobre situações que o incomodam ou o deixam desconfortável porque ele não se abre facilmente. Coloque-o à frente da equipe para fortalecer sua autoconfiança e apoiá-lo em suas tomadas de decisão. De qualquer forma, seja gentil e atencioso, ele ficará grato a você.

Gerenciando um perfil consciente (azul)

A Conscienciosa é imbatível nos processos da empresa e nos objetivos a serem alcançados. Ele presta atenção aos detalhes e não gosta de situações embaraçosas. 

Defina precisamente o perímetro de sua posição e, em seguida, aproveite sua autonomia para deixá-lo liderar seus súditos. Não irá decepcioná-lo. Você só precisa ter cuidado para que ele não trabalhe debaixo d’água e que esteja bem integrado à equipe. Fique atento também ao seu lado perfeccionista que pode levá-lo a se exaurir e desanimar.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.