Blogger Mônica Candido

Justiça brasileira e hackers: Reveja casos e saiba como defender seu blog

Uma decisão até então inédita na justiça brasileira concedida no dia 18 de abril de 2016 fez com que o site HaxReborn fosse tirado do ar, assim como o software homônimo, já que estes disponibilizavam programas ilegais para o jogo Point Blank, da Ongame.

Com ele, era possível “hackear” o jogo e alterá-lo à medida que fosse necessário, modificando dados e fazendo o que os gamers conhecem como “cheat”, a famosa “trapaça” dos games.

O argumento dado pelo advogado da Ongame, Dr. Helio Tadeu Brogna Coelho, que também é especialista no cenário e-Sports, foi de que

“A venda, propagação ou utilização desses programas ‘hacker’ é um ato ilícito grave que causa prejuízos à empresa e pode, eventualmente, configurar crime”.

O advogado acredita que a decisão favorável a OnGame “abriu as portas” para que outros programas ilegais de outros jogos sejam retirados do ar. Lembrando que outras ações judiciais em diversas regiões do país foram eficazes para revelar o paradeiro de quem se utiliza do anonimato para disseminar esse tipo de programa, sendo apenas uma questão de tempo para se chegar aos autores.

O comunicado oficial finaliza dizendo que a Ongame continuaria procurando, bloqueando e até mesmo processando sites de programas ilegais: “Tudo para cuidar do bem estar de seus usuários e não deixar que nada atrapalhe seu momento de diversão.”

Afinal, até onde as pessoas deixam de mover uma ação na justiça por ataques hacker e como isso desfavorece empresas e grandes negócios? No caso citado, deixar de agir contra os hackers poderia causar uma desestruturação contínua na base do produto majoritário da empresa, ou seja, o Point Blank, fazendo-os perder usuários mais rapidamente e consecutivamente, pessoas que trariam lucro para a mesma.

 

O que é comum de ser visto em empresas de grande porte e até os menores blogs, é que muitas vezes que há um cybercrime envolvendo hackers e seus negócios, muitos deixam de lado, pensando que a justiça será sempre uma ferramenta inútil a se recorrer, pelas complexidades que a internet traz. Todavia, hoje de cassinos online com slot ao poker e apostas esportivas rolando entre jogadores com dinheiro real, até gigantes como a Amazon acham importante não só recorrer à justiça, como se precaver de ataques futuros.

Então, o que podemos fazer para defender nosso blog e não ter riscos futuros de ter que ir na justiça por ataques hacker? Seguem algumas ferramentas e técnicas específicas que podem te ajudar:

  1. Mantenha seu computador/estação de trabalho livre de qualquer vírus que possibilite acesso facilitado aos sistemas de seu blog;
  2. Atualize o seu CMS para a última versão. Ex: Se for um WordPress, sempre há atualizações recorrentes que defendem o seu sistema de possíveis novos ataques hacker;
  3. Use senhas seguras, use códigos mais seguros para seu site, evite plugins não muito conhecidos e sem atualizações a se manterem instalados no mesmo;
  4. Verifique sempre se o seu servidor/hospedagem estão seguros;
  5. Mantenha os seus bancos de dados seguros e isolados, além de ter um backup constante dos mesmos para alguma mídia física ou externa à mesma em que você hospeda o seu blog;
  6. Confira técnicas recentes para ocultação de login e senha, uso do .htaccess e outros de seu blog, para reforçar uma nova camada de segurança.

Em último caso, como a Ongame fez, caso aconteça, busque o máximo de dados possíveis de quem lhe atacou (IPs, dados de arquivos enviados, sites de terceiros envolvidos etc) e leve à justiça como uma nova camada de proteção sua e do seu negócio. Isso principalmente será possível se o ataque foi feito de dentro de nosso território nacional.

O mais importante é: Se você for hackeado, não entre em pânico e haja com a lógica, seguindo passos para realizar uma limpeza de seu banco de dados e arquivos, além de repor com o backup seguro mais recente, dentre muitas outras técnicas como troca de senha e mais para que não haja tal ataque novamente.

Ninguém quer ser hackeado e muito mais perder significantes valores em dinheiro até que se reverta a situação, então mantenha-se seguro antes de tudo.

 

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.