Uncategorized Mônica Candido

Ração premium e super premium: conheça as principais diferenças

Podemos afirmar que existem poucos países no planeta todo que adoram tanto pets quanto o Brasil. Por aqui é muito difícil você cruzar por uma casa que não tenha nenhum tipo de Pet.

E os números provam o que estamos falando, já que existem mais de 54 milhões de cachorros com lares por aqui, isso sem contar outros animais como gatos, pássaros, tartarugas e peixinhos. 

E a forma de lidar com nossos animais de estimação vem mudando muito ao longo dos anos. Antigamente tínhamos uma reação um pouco mais distante dos bichinhos, ainda com amor, mas diferente do que é hoje.

Hoje aceitamos que animais podem ser companheiros valorosos, mais valioso até do que alguns seres humanos que conhecemos, aceitamos que eles podem sim, fazer parte efetiva de nossas famílias.

Talvez por isso hoje em dia tratemos nossos animais de forma tão carinhosa. Queremos que nossos bichinhos durem o máximo possível e estejam sempre ao nosso lado, e por esse motivo não poupamos esforços para isso.

Desde visitas recorrentes ao veterinário para saber se tudo está em ordem, vacinas e remédios, fazemos de tudo por eles, mas existe uma coisa que merece muita atenção, que é a alimentação.

Um cão bem alimentado vai durar muito mais do que um que os donos servem qualquer coisa, e é cada vez mais comum ver donos investimento em uma alimentação mais saudável para seus pets.

Porém, o que todo dono de pet passa quando resolve dar uma alimentação melhor para seu melhor amigo, é chegar em um local onde vende rações e se deparar com dois tipos, as Premium e as Super Premium.

As duas são melhores que a ração tradicional, mas como saber qual é a melhor escolha entre elas? Existe uma diferença importante ou pagar mais por uma do que por outra não faz sentido?

Pergunta que vamos ajudar a responder agora, para que você possa refletir e fazer a melhor escolha para o seu amigo de 4 patas.

Ração Normal

Vamos começar então essa explicação por partes, começando falando das rações tradicionais dos cachorros. Os animais têm a sua própria fisiologia, o que significa que o corpo deles funciona diferente do nosso, com suas próprias necessidades e maneiras de absorver nutrientes das comidas.

Quando você compra comida para ele, a ideia é que você esteja comprando um tipo de alimento único que contém tudo aquilo que um animal precisa, diferente de como é conosco que buscamos nossos nutrientes de diferentes tipos de alimentos.

Então, em teoria, mesmo as rações mais tradicionais devem possuir todos os nutrientes necessários para que seu cão viva os dias dele de forma saudável. Mas como sempre, a teoria não funciona tão bem na prática.

 

Se você pegar as rações tradicionais, elas vão ter gordura animal, glúten de milho, farinha de carne e ossos, e isso é suficiente, porém seu cão vai ter que comer porções maiores para que seu corpo possa absorver nutrientes suficientes.

Mas o problema nem é apenas a comilança, mas também o fato dessas rações também terem soja e glúten. Não é preciso dizer que esses dois itens não são lá muito bons para a digestão dos bichinhos, e por conta disso acaba fazendo mal a longo prazo para seu organismo.

Junte isso aos corantes e conservantes presentes, e você tem a fórmula para seu cachorro fazer muito mais cocô, e muito mais mal cheiroso.

Para que seu cachorro não coma apenas esse tipo de ração, existem pessoas que juntam ela comida consumida por nós, o que não é uma boa ideia, ou mesmo suplementos alimentares com o Atlantis Ômega 3 da Petvi, ele funciona como um complemento que a comida acaba não trazendo.

Ração Premium

Agora vamos falar da ração premium, que é bem melhor que a tradicional apesar de ainda não estar no topo da cadeia alimentar das rações. 

Basicamente, o que esse tipo de ração tem de superior a citada anteriormente é a sua qualidade nutritiva. A fórmula desse tipo de ração costuma vir diretamente de animais com carne mais fácil para cachorros digerirem.

Carne de frango, carne de peru, carne de ovelhas, todas que possuem um nível alto de nutrientes que os animais têm uma capacidade melhor de metabolizar.

E apesar de serem mais caras, existe uma conta interessante que podemos fazer. Se o seu animal metaboliza mais os nutrientes de uma ração, logo ele precisa comer menos dessa ração. Comendo menos, aquele saco de ração que você comprou vai durar mais, e no fim, comprar ração tradicional, dependendo do preço, pode sair mais caro.

Vale lembrar ainda que esse tipo de ração ainda tem corantes e conservantes

Ração Super Premium

E por fim, entramos nas rações de maior qualidade no mercado. Com as Super Premium, você tem um tipo de ração feita com 100% de proteína animal, então a digestão é o mais eficiente possível.

Seu animal vai ser capaz de metabolizar tudo o que comer, diminuindo ainda mais a quantidade necessária, fazendo menos cocô e ainda não sofrendo com problemas futuros já que essas rações não tem corantes e usa de conservantes naturais.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.